Den afrikanske Farm

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Den afrikanske Farm
África Minha (PT)
Autor (es) Karen Blixen
Tradutor Claudio Marcondes / Ana Falcão Bastos
Editora Estados Unidos Editora Random House
Brasil Editora Civilização Brasileira (1987)
Portugal Editorial Querco
Lançamento 1937
Páginas 445
ISBN [[Special:Booksources/8575034499 (edição em português)|8575034499 (edição em português)]]
Cronologia
Último
Último
Seven Gothic Tales
Winter's Tale
Próximo
Próximo

Den afrikanske Farm (A Fazenda Africana, na edição brasileira; África Minha, na edição portuguesa) é um livro resultante de relatos pessoais da dinamarquesa Karen Blixen, publicado no ano de 1937.[1] [2]

Nesta obra de não-ficção, a escritora conta como foram os anos em que teve uma fazenda no Quênia,[3] convivendo com os nativos e outros amigos colonos que acabou conhecendo neste período.[4] Blixen viveu 17 anos na fazenda de café (de 1914 a 1931), retornando à Dinamarca após problemas financeiros com o empreendimento e com a perda de seu namorado, Denys Finch-Hatton.[5]

Neste livro, além de o leitor entrar em contato com o universo social que rodeava a rotina da fazenda no Quênia, é possível conhecer o universo da própria escritora.[6] As suas impressões sobre os nativos e os incidentes que aconteciam em viagens e safáris são relatados calorosamente por Blixen.[7] [8] [9]

No Brasil, a primeira publicação deste livro foi em 1987, pela Editora Civilização Brasileira,[10] dois anos depois do lançamento do filme Out of Africa (dirigido por Sydney Pollack e estrelado por Meryl Streep e Robert Redford), baseado nestes relatos.[11]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.