Dents du Midi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Dents du Midi
Os Dents du Midi vistos de de Pointe Bellevue. Da esq. para a dir.: La Cime de l'Est, La Forteresse, La Cathédrale, l'Éperon, Dent Jaune, Les Doigts e o ponto mais alto, La Haute Cime
Dents du Midi está localizado em: Suíça
Dents du Midi
Localização na Suíça
Coordenadas 46° 9' 39.6" N 6° 55' 24.3" E
Altitude 3257 m (10686 pés)
Proeminência 1796 m
Cume-pai: Monte Branco
Listas Ultra
Localização Flag of Canton of Valais.svg Valais , Suíça
Cordilheira Alpes

Dents du Midi [nota 1] - são um grupo de picos com três quilómetros de comprimento na cordilheira dos Alpes Ocidentais, no Chablais Valaisano no cantão do Valais da Suíça.

Características[editar | editar código-fonte]

Sendo uma parte constituinte dos Pré-Alpes da Saboia, pertence ao Maciço do Giffre, de onde domina o Vale de Illiez e o Vale do Ródano a Sul.

Segundo os hábitos geográficos os Dents du Midi são o limite a Leste do Chablais Valaisano, mas de um ponto de vista geológico o chablais é um conjunto rochoso Pré-Alpino, enquanto que o Haute Giffre é sub-alpino.

Os Dents du Midi têm como ponto culminante o Haute Cime, o cume mais elevado desta cordilheira, a 3257 m. Os outros diferentes dentes que o constituem chamam-se: La Cime de l'Est com 3178 m, La Forteresse com 3164 m, La Cathédrale com 3160 m, L'Éperon com 3114 m, Dent Jaune com 3186 m, Les Doigts com 3205 m, além do Haute Cime com 3257 m.

Etimologia[editar | editar código-fonte]

Tanto os dentes como do maciço tem tido diferentes nomes e até ao fim do século XIX o maciço era conhecido por Dents de Tsallen.

Em relação aos dentes Les Doigts chamava-se em 1882 Le doigt de Champéry; o Haute Cime chamou-se Dent de l’Ouest (1784), Dent de Tsallen, Dent de Challent, e Dent du Midi por ser o mais a sul, mas tomou o nome atual para se definir a cordilheira.

Queda de rochas[editar | editar código-fonte]

Na manhã de 30 de outubro de 2006, uma massa de 1 000 000 m³ de rochas soltou-se da vertente da Haute Cime e tombou até aos 3000 m de altitude. O evento não causou nenhum perigo à localidade próxima de Val-d'Illiez mas as estradas e trilhos pedestres foram encerrados como medida de precaução. De acordo com os geólogos do cantão, o deslizamento de terras foi causado pelo degelo e consequência dos verões quentes dos anos anteriores.[1]
Ao início da tarde de 17 de agosto de 2012, outra queda de rochas significativa teve origem no cume Cathédrale, movimentando cerca de 100 000 m³ de rochas. Doze montanhistas foram resgatados por helicóptero, sem ferimentos, tal como um rebanho de ovelhas que pastava nas proximidades..[2]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Dents du Midi

Notas

  1. Segundo fr:Aiguille du Midi o termo Midi refere-se ao ponto cardeal sul e não ao zénite

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]