Destrutor

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Destrutor
[[Ficheiro:destrutor
Ficheiro:Destrutor
Destrutor em Marvel Avengers Alliance
|200px]]

Dados da publicação
Publicado por Marvel Comics
Primeira aparição Uncanny X-Men #54 (Março 1969)
Criado por Roy Thomas
Neal Adams
Características do personagem
Alter ego Alexander "Alex" Summers junior
Espécie Humano Mutante
Afiliações X-Men
X-Factor
Irmandade de Mutantes
Magistrados de Genosha
Codinomes conhecidos Mutante X
Magistrado Summers
Príncipe Duende
Habilidades Lançar rajadas energéticas manuais
absorver/gerar energia
Projecto Banda desenhada  · Portal da Banda desenhada

Destrutor (Havok em inglês) é um personagem de banda desenhada do Universo Marvel, publicado pela Marvel Comics. É o alter-ego do mutante Alexander "Alex" Summers, o irmão de Scott Summers e Vulcano. Ele apareceu primeiramente na revista The Uncanny X-Men #54.

História[editar | editar código-fonte]

Alexander "Alex" Summers junior, irmão de Ciclope, não sabia que era um mutante até o dia de sua formatura, quando ele foi raptado por um professor egípcio que também era mutante e se chamava Faraó Vivo, que drenou a energia de Alex. Com o poder de Alex ele se transformou no Monólito Vivo (posteriormente derrotado pelos X-Men e Vingadores).

Fugindo desorientado, Alex foi capturado pelos Sentinelas. Quando resgatado, Alex estava preso num transe hipnótico. Para se libertar ele foi tratado pelo Dr. Karl Lykos, um médico que, na verdade, era um mutante que drenava energia vital de seus pacientes. Com o poder de Alex ele se transformou em Sauron (também derrotados pelos X-Men).

Quando se recuperou, ele fez parte dos X-Men por pouco tempo junto com sua namorada Polaris. Alex só voltou aos X-Men bastante tempo depois, quando Polaris foi possuída por Maligna, durante a saga Massacre de Mutantes. Ele ficou com os X-men até a Saga Queda dos Mutantes, onde atravessou o Portal do Destino e foi parar na Ilha de Genosha, onde passou a ser um Magistrado. Quando conseguiu recuperar sua memória ele ajudou os X-Men a destruírem Cameron Hodge (um dos responsáveis pela opressão dos mutantes em Genosha), passando então a integrar o novo X-Factor (substituindo a Força Federal, até então a equipe de mutantes que trabalhava para o governo).

X-Factor[editar | editar código-fonte]

Destrutor foi líder do X-Factor até o fim da saga Era do Apocalipse, quando perdeu o controle de seus poderes e teve que passar a usar um traje que fosse capaz de absorver as energias que liberava. Inadvertidamente, nessa época ele se tornou alvo de interesse do Fera Negro e do Sugar Man. Apesar do segundo recriar geneticamente Scarlet McKenzie (antigo amor de Alex) é o Fera Negro quem consegue raptá-lo, através de seus asseclas: Fatale e Random. Após sofrer lavagem cerebral, ele passa a atuar para o vilão. Mesmo conseguindo (aparentemente) se livrar do controle mental em pouco tempo, Alex fica muito confuso chegando a atacar e quase matar seu próprio irmão Ciclope e até seu grande amor, Polaris.

Nesta fase, cansado de seguir o sonho dos outros ele fundou uma nova versão da Irmandade de Mutantes, recrutando inclusive seus antigos captores: Fera Negro e Fatale. Com essa equipe, Alex pretendia impôr a força o respeito da humanidade pelos mutantes (numa versão intermediária entre as visões do Professor X e Magneto, parecida com a visão inicial de Cable em sua época de guerrilha, mas ainda assim mais agressiva). Essa equipe, porém, não durou muito tempo. Supõe-se inclusive que a formação dessa equipe era o real objetivo do Fera Negro quando fez lavagem cerebral no mutante.

Mutante X[editar | editar código-fonte]

Em seguida, Alex voltou ao X-Factor, mas aparentemente morreu quando o avião que Greystone usou para tentar voltar no tempo explodiu. Na realidade, quando o avião explodiu, Alex foi parar numa realidade alternativa e tomou o corpo do Alex dessa dimensão (que havia morrido), assumindo nesta realidade o título de Mutante X. Quando retornou, Alex passou a liderar uma equipe de X-Men, apesar de ter sérias dúvidas sobre sua capacidade de liderança.

Dizimação[editar | editar código-fonte]

Quando os eventos da Dizimação ocorreram, Alex ficou preocupado com os diversos mutantes que haviam perdido seus poderes. Um desses mutante foi Polaris, que estva namorando com o Homem de Gelo. Lorna decidiu que deveria sair do Instituto e procurar pistas para recuperar seus poderes. Destrutor a seguiu. Em meio a muitos acontecimento, Lorna sumiu junto com a Rainha Leprosa e Alex voltou sem ela para o Instituto.

Num novo ataque de Apocalipse aos X-Men, Alex descobriu que não só Gambit e Solaris haviam se tornado cavaleiros do monstro. A Peste era, na verdade, Polaris, agora cheia de doenças terríveis e pronta para acabar com a humanidade.

No confronto final com Apocalipse, Polaris foi atingida e Alex a salvou. No hospital do Instituto, Alex viu que Polaris tinha ganhado seus poderes de volta, mas não como mutante.

Vulcano e os Shi'ars[editar | editar código-fonte]

Para deter Gabriel Summers de acabar com a raça Shi'ar, o Professor X decidiu formar um novo grupo de X-Men, onde Destrutor iria se tornar o líder. Eles seguiram para o espaço onde encontrariam o mutante enraivecido.

Outras realidades[editar | editar código-fonte]

Ultimate Marvel[editar | editar código-fonte]

Em Ultimate X-Men, Alex faz parte da Academia do Amanhã de Emma Frost. Ele tem uma séria rivalidade com o irmão, pois Scott foi o primeiro namorado de Lorna. Quando a mesma foi presa por um crime que não cometeu, Alex e os outros alunos foram tentar resgatá-la.

Quando tentaram, os X-Men estavam bloqueando a passagem. Destrutor atacou Ciclope e vice-e-versa. Destrutor sabia que seus poderes não afetavam o irmão, então o atacou com um pedaço de ferro. Assim, eles seguiram em seu plano, mas encontraram os Supremos no caminho. Tiveram que usar toda a sua habilidade para salvar Polaris do cativeiro e provar sua inocência.

Poderes e Habilidades[editar | editar código-fonte]

Ele consegue disparar rajadas energéticas contra seus inimigos. Sua habilidade consiste em canalisar energia e redirecioná-la em rajadas plásmicas energéticas que pode ser emitida de qualquer parte do seu corpo.Curiosamente, seu poder não tem efeito contra seu irmão Ciclope (capaz de disparar rajadas de plasma energética de seus olhos), sendo o inverso também verdadeiro. Outra diferença entre Alex e seu irmão é que esse tem controle completo sobre seu poder (seu descontrole reside no seu temperamento).

Outras Mídias[editar | editar código-fonte]

Esteve no filme X-Men: First Class, interpretado por Lucas Till. No filme, ele é tirado da prisão por Xavier e Magneto, e consegue controlar o foco do seu poder por um equipamento criado por Hank.

Esteve também no filme X-Men: Dias de um Futuro Esquecido com Groxo, Kid Omega e outro mutante como prisioneiros libertados por Mística, também interpretado por Lucas Till.