Desvendando o Arco-íris

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Unweaving the Rainbow
Decompondo o Arco-Íris: A Ciência, a ilusão e o Apetite pelo Deslumbramento (PT)
Desvendando o Arco-íris - Ciência, ilusão e encantamento (BR)
Autor (es) Richard Dawkins
País  Reino Unido
Editora Houghton Mifflin
Lançamento 1998
Páginas 336
ISBN 0-618-05673-4
Edição portuguesa
Tradução Paulo Cartaxana
Editora Gradiva
Lançamento 2000
Páginas 354
ISBN 972-662-743-5
Edição brasileira
Tradução Rosaura Eichenberg
Arte de capa João Baptista da Costa Aguiar
Editora Companhia das Letras[1]
Lançamento 19 de setembro de 2000
Páginas 424
ISBN 9788535900309
Cronologia
Último
Último
A Escalada do Monte Improvável
O Capelão do Diabo
Próximo
Próximo

Unweaving the Rainbow (Desvendando o Arco-Íris (título no Brasil) ou Decompondo o Arco-Íris (título em Portugal)) é um livro de Richard Dawkins, publicado em 1998 que discute a relação entre a ciência e a arte pela perspectiva de um cientista.

Dawkins escreve para combater a percepção das pessoas comuns de que a ciência é entediante, não conseguindo entender porque os cientistas a acham não apenas importante mas também excitante, interessante e bonita. Dirigido pelas respostas ao seu livro O Relojoeiro Cego onde leitores perceberam a sua descrição do mundo como mecânica e sem emoção, Dawkins sentiu a necessidade de explicar que para ele como um cientista o mundo é cheio de maravilhas e uma fonte de prazer; este prazer não era por contrariar, mas pelo fato que ele não assume a causa de ações inexplicáveis ser devida a um ser divino e sim pelo conhecimento das leis da natureza.

Seu ponto de partida é a bem conhecida acusação de John Keats de que Isaac Newton destruiu a beleza do arco-íris explicando-o. O objetivo do livro é mostrar para o leitor que a ciência não destrói, apenas descobre poesia nos padrões e leis da natureza.

Não é de surpreender que Dawkins é um patrocinador do movimento Brights e este livro pode ser visto como uma defesa dos pontos principais desta filosofia.

Referências

  1. Companhia das Letras. DESVENDANDO O ARCO-ÍRIS - Richard Dawkins. Visitado em 6 de novembro de 2012.