Dialeto (computação)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Um dialeto de uma linguagem de programação é uma variação ou extensão (relativamente pequena) da linguagem que não altera sua natureza intrínseca. Com linguagens como Scheme e Forth, padrões podem ser considerados insuficientes, inadequados ou até mesmo ilegítimos pelos implementadores, assim frequentemente elas irão divergir do padrão, produzindo um novo dialeto. Em outros casos, um dialeto é criado para utilização em uma linguagem de domínio específico, frequentemente um subconjunto. No mundo Lisp, muitas linguagens que utilizam a sintaxe básica S-expression e semânticas similares a da Lisp são consideradas dialetos Lisp, mesmo que elas variem muito, assim como, digamos, Bigloo Scheme e newLisp. É comum para uma linguagem possuir vários dialetos, isto pode torná-la bastante difícil para que um programador inexperiente encontre a documentação correta. A linguagem de programação BASIC possui muitos dialetos.

A explosão dos dialetos Forth levaram a frase "se você viu um Forth... você viu um Forth."

Ver também[editar | editar código-fonte]