Dinastia premislida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Dinastia Premislida)
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde janeiro de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.

As terras da República Checa emergiram nos fins do século IX quando foram unificadas pelos Premislidas (Přemyslovci em checo). O reino da Boémia foi uma potência regional com significado, mas conflitos religiosos como as Guerras Hussitas do século XV e a Guerra dos Trinta Anos do século XVII foram devastadoras. Mais tarde, a Boémia caiu sob influência dos Habsburgos e passou a fazer parte da Áustria-Hungria.

História[editar | editar código-fonte]

Primeira dinastia boêmia (checa), a família subiu ao poder no século X. Borivoi I (851 - 888), primeiro duque da Boêmia, conseguiu a independência da Boêmia que estava antes sob o reinado da Grande Morávia. Ele é assim considerado o primeiro governante checo da história e que acabou se convertendo ao cristianismo. Seu sucessor, Spytihnev I é conhecido por ter se aproximado politicamente da Baviera e por ter começado a construção do Castelo de Praga. Seu sucessor foi seu irmão, Vratislau I que tinha dois filhos, Venceslau I e Boleslau I, que acabaram posteriormente se tornado duques da Boêmia.

Venceslau I, duque da Boêmia que se tornou santo e patrono da República Checa.

Venceslau I que construiu a primeira Catedral de São Vito, foi morto pelo próprio irmão e depois canonizado como São Venceslau, e hoje em dia é o patrono da República Checa. Após o assassinato do irmão, Boleslau I assumiu o poder e expandiu-o pela Morávia e Silésia. Boleslau II criou a arquidiocese de Praga em 973 e manteve boas relações com os reis alemães apoiando Otão II na sua guerra civil. Boleslau III sucedido por Vladivoi, é considerado um dos piores duques da Boêmia.

Boleslau IV, rei polonês onde era chamado de Boneslau I, conquistou a Boêmia em 1003 e se auto proclamou Duque da Boêmia. Jaromir, segundo filho de Boleslau II, reconquistou Praga e o Reino da Boêmia em 1004 com o apoio alemão e se auto-proclamou duque. Em 1012, Jaromir foi destronado por Oldrique e obrigado a se exilar mas retornou ao poder em 1033. Em 1034, Jaromir morreu e Oldrique assumiu o poder novamente. Com a morte de Oldrique em 1035, seu filho Bretislau I substituiu. Ele é conhecido como o Aquiles da Boêmia, sequestrou sua futura esposa, filha de um magnata da Baviera, e conquistou a Morávia e parte da Silésia; foi substituído por Spytihnev II em 1055.

Vratislau II, sucessor de Spytihnev II, é considerado o primeiro rei da Boêmia; seu título real foi dado pelo Sacro Império Romano em 1085, mas não era um título hereditário. Antes de se tornar rei, Vratislau II governou a Boêmia como duque, cargo que ocupo só por oito meses. Seu filho, Conrado I, ascendeu ao poder somente como duque, em 1092. Bretislau II expulsou os eslavos do monastério de Sázava em 1097 e morreu assassinado em 1100. Após a sucessão de vários duques, Ladislau II, duque da Boêmia desde 1140, tornou-se o segundo rei Premislide em 1158, abdicando em 1172 quando novos duques novamente o sucederam. Em 1192, o novo rei Otacar I teve seu título reconhecido pelo Sacro Império Romano. Em 1200, tanto o Sacro Império quanto o papa Inocêncio III reconheceram o título de rei da Boêmia como hereditário.

O sucessor de Otacar I foi Venceslau I; em 1241 ele conseguiu reprimir a invasão de 20 000 mongóis, sob Batu Khan, embora não tenha conseguido impedir a Morávia de ser devastada. Em 1248 Venceslau I sofreu com uma rebelião comandada por seu próprio filho, Otacar.

Moeda de Praga, cunhada pelo rei Venceslau II.

O filho de Venceslau I só subiu ao trono depois da morte do pai com o nome de Otacar II. O rei Otacar II é considerado por muitos como um dos maiores reis da República Checa junto com Carlos VI. Fundou várias cidades, não só na Boêmia, Morávia e Silésia, mas também na Áustria e Estíria, e incorporou muitos assentamentos existentes. Era um grande partidário do comércio, da lei e da ordem. Além disto, instituiu políticas de imigração abertas, através das quais, imigrantes de língua alemã se assentaram nas principais cidades de seus domínios. É uma figura famosa na história checa e nas lendas folclóricas. Na Divina Comédia de Dante Alighieri, Otacar é visto fora das portas do purgatório, em companhia de seu rival imperial Rodolfo I.

Com a morte de Otacar II, seu filho Venceslau II assumiu o trono em 1278. Em 1298 foi descoberta uma mina de prata na cidade de Kutná Hora, Venceslau II tomou o controle dela fazendo sua produção de monopólio real e criou uma moeda de Praga (em checo Pražský groš, algo como o "grosso de Praga" em português).

Venceslau III subiu ao trono em 1305. Venceslau III havia se tornado rei da Hungria em 1301 mas renunciou ao trono quando seu pai, Venceslau II morreu ficando só com o trono da Boêmia. Foi o último governante da Dinastia Premislida.

Duques[editar | editar código-fonte]

Duques da Boêmia
Dinastia Premislidas
Imagem Nome Data Notas
Borivoi I c.870–888/889
Spytihnev I 894–915 Filho de Borivoi I.
Vratislau I 915–921 Irmão de Spytihnev I.
Wenceslaus I Duke of Bohemia equestrian statue in Prague 1.jpg
Venceslau I 921–935 Filho de Vratislau I; conhecido como São Venceslau

Em checo é chamado de Vaclau

Boleslav-I-Bohemian.jpg
Boleslau I (Boleslau, o Cruel) 935–972 Irmão de Venceslau I
Boleslav-II-Bohemian.jpg
Boleslau II (Boleslau II, o Piedoso) 972–999 Filho de Boleslau I
Boleslau III 999–1002 Filho de Boleslau II.
Vladivoi 1002–1003
Boleslau III 1003 Segunda vez
Boleslaus I.jpg
Boleslau, o Bravo 1003–1004 Irmão de Vladivoi, rei da Polônia (como Boleslau I)
Jaromir
Jaromir 1004–1012 Irmão de Boleslau III.
Oldrique 1012–1033 Irmão de Jaromir
Jaromir 1033–1034 Segunda vez
Oldrique 1034 Segunda vez
Bretislau I 1034–1055 Filho de Oldrique.
Spytihnev II 1055–1061 Filho de Bretislau I
W vratislav ii 198 320.jpeg
Vratislau II 1061–1092 Irmão de Spytihnev II.

Rei 1085-1092 como Vratislau I.

Conrado I ou Conrado de Brno 1092 Irmão de Vratislau II.
Bretislau II 1092–1100 Sobrinho de Conrado I, filho de Vratislau II.
Borivoi II 1101–1107 Irmão de Bretislau II
Svatopluk 1107–1109 Primo de Borivoi II
Ladislau I 1109–1117 Irmão de Borivoi II
Borivoi II 1117–1120 Segunda vez
Ladislau I 1120–1125 Segunda vez
Sobeslau I 1125–1140 Irmão de Ladislau I
Ladislau II 1140–1172 Sobrinho de Sobeslau I, filho do Duque Ladislau I.

Rei 1158-1172 como Ladislau I.

Frederico 1172–1173 Filho de Vladislau II.
Sobeslau II 1173–1178 Filho de Sobeslau I
Frederico 1178–1189 Segunda vez
Conrado II 1189–1191 Descendente de Conrado I
Venceslau II 1191–1192 Irmão de Sobeslau II.
Otacar I 1192–1193 Filho de Ladislau II.
Henrique Bretislau 1193–1197 Primo de Otacar
Ladislau III Henrique 1197 Irmão de Otacar
Otacar I 1197–1198 Segunda vez. Em 1198 tornou-se rei com direitos hereditários.

Reis[editar | editar código-fonte]

Reis da Boêmia
Dinastia Premislide
Imagem Nome Data Notas
Otacar I 1198-1230
Venceslau I 1230-1253 Filho de Otacar I
Ottokar II Premysl.jpg Otacar II 1253–1278 Filho de Venceslau I. Também duque da Áustria, Duque da Caríntia e da Carniola.
Codex Manesse Wenzel II. von Böhmen.jpg Venceslau II 1278-1305 Filho de Otacar II. Também rei da Polônia (1300-1305) como Wacław II.
Wenzel3.jpg Venceslau III 1305-1306 Filho de Venceslau II. Também Rei da Hungria e Polônia

Ver também[editar | editar código-fonte]