Dinastia Sung

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Dinastia Song(宋)

Império

Blank.png
 
Blank.png
960 – 1279 Blank.png
Localização de Song
Continente Ásia
País China
Capital Hangzhou
Língua oficial Chinês
Governo Não especificado
História
 • 960 Fundação
 • 1279 Dissolução

A dinastia Song ou Sung, que governou a China de 960 a 1279, deveu a sua existência a um jovem oficial que pensou ter tido uma visão. Essa visão significava, declarou, que um novo imperador iria tirar a China das mãos do jovem imperador Kung-ti, da dinastia Chou. Os oficiais seus colegas pensaram que aquilo queria dizer que o seu general, Chão Kuang-yin, seria o novo imperador. Acordaram-no e proclamaram-no como novo governante, Sung Tai Tsu.

A dinastia Song pode ser dividida em dois períodos distintos: o Song do Norte (chinês: 北宋, 960–1127), que se refere ao período em que a capital do Império chinês estava na cidade setentrional de Kaifeng; e o Song do Sul (chinês: 南宋, 1127–1279), que começou quando o Império perdeu controlo de Kaifeng e do Norte da China para a Dinastia Jin. Durante este período final, a dinastia transferiu a sua capital para Hangzhou, a sul do rio Yangtze.

Tai Tsu e os seus sucessores esforçaram-se por reorganizar a China após mais de cinquenta anos de guerra civil, mas a tarefa era superior às forças de que dispunham. Em 1068, Wang An-Shih, primeiro-ministro no tempo do imperador Sung Shen Tsung, impôs a reforma do governo, simplificou o sistema de impostos e diminui o exército, transformando-o numa força de dimensões mais razoáveis. No entanto, estas reformas não viriam a ser devidamente executadas, o que abriu caminho para que os Mongóis, comandados por Genghis Khan e depois por Kublai Khan, acabassem por ocupar o país, em 1279. Antes disso, os mongóis já tinham conquistado o Norte da China, acabando com a dinastia Jin em 1234.

As artes da China, durante o período Song, reflectem a moral do país. Os poetas e pintores olhavam para o passado, tentando imitar ou recordando glórias e realizações passadas. Foi na Dinastia Sung que foi elaborado o Wujing Zongyao, um manual contendo as técnicas e equipamentos militares mais modernos da época.

Filósofo Zhu Xi, dinastia Song

Foi por volta desta época que surgiram os contadores de histórias profissionais na China, vagueando de um lado para o outro como os trovadores da Europa Ocidental, entretendo os que conseguiam convencer a escutá-los a troco de algumas moedas. Com o tempo, estes homens seriam os predecessores dos romancistas chineses.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Dinastia Sung

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Roberts, John A. G., History of China (título original), Palgrave MacMillan, 1999 (primeira edição), 2006 (segunda edição), ISBN 978-989-8285-39-3, págs-
Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um historiador é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.