Diocese de Assis-Nocera Umbra-Gualdo Tadino

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Diocese de Assis-Nocera Umbra-Gualdo Tadino
Diœcesis Assisiensis-Nucerina-Tadinensis
Localização
País Itália
Arquidiocese Metropolitana Arquidiocese de Perugia-Città della Pieve
Estatísticas
Área 1.142 km²
Informação
Rito Romano
Criação da Diocese Século III
Padroeiro São Rufìno
Governo da Diocese
Bispo Domingos Sorrentino
Jurisdição diocese
Contactos
Endereço Piazza del Vescovado 3, 06081 Assis, provincia de Perugia, Itália. Telefone: 075-812483

A Diocese de Assis-Nocera Umbra-Gualdo Tadino (Dioecesis Assisiensis-Nucerina-Tadinensis) é uma circunscrição eclesiástica da Igreja Católica na Itália, pertencente à Província Eclesiástica da Úmbria e à Conferenza Episcopale Italiana, sendo sufragânea da Arquidiocese de Perugia-Città della Pieve.

A Sé episcopal está na Catedral de São Rufino, em Assis.

Território[editar | editar código-fonte]

A diocese inclui as cidades de Assisi, Nocera Umbra e Gualdo Tadino. O território é dividido em 63 paróquias.

Assis é muito conhecida por ser a cidade natal de São Francisco de Assis e Santa Clara de Assis, todos os lugares que têm algo à ver com eles, estão transformados em santuários. Entre outros tem a Basílica de Santa Maria dos Anjos, construida por Papa Pio V no modelo da Basílica de São Pedro, acima da pequena Igreja da Porciúncula, lugar onde São Francisco faleceu e berço dos Franciscanos.

O corpo do santo agora está na Basílica de São Francisco de Assis, de quem foi colocada a primeira pedra em 25 de julho 1228 por Papa Gregório IX e consagrada por Papa Inocêncio IV; a Basílica é feita por três santuários e é uma das primeiras igrejas em estilo Gótico na Itália.

Outras Igrejas[editar | editar código-fonte]

A Igreja Nova construida acima da casa natal de São Francisco de Assis por Filipe III de Espanha em 1615.

A Basílica de Santa Clara, construida no Século XIII, onde repousa o corpo da Santa, fundadora, junto com São Francisco de Assis, das Clarissas.

O Convento de São Damião, de quem Santa Clara de Assis foi Abadessa, fica na parte alta da Cidade.

Historia[editar | editar código-fonte]

A Diocese foi erguida no Século III.

Muitos bispos da Diocese, no tempo à seguir, participaram aos vários Concílios. Em 659 Papa Martinho I solicitou a presença do Bispo Aqulino em Laterano para contrastar o Monotelismo.

O Bispo Hugo (1036-1050) transferiu a catedral na Igreja de São Rufino. Desde este santo até 2005, provavelmente 96 bispos forma titulares da Diocese, mas em alguns casos não tem noticias certas.

O Bispo José Plácido Nicolini, na época da ocupação alemã, protegeu mais de 300 Judeus, por isso em Yad Vashem é homenageado como Justo entre as nações.

Em 30 de setembro 1986 a diocese foi unida com aquela de Nocera Umbra-Gualdo Tadino, que já forma unidas em 1915.

Cronologia dos Bispos do Século XX[editar | editar código-fonte]

Bispos de Assis-Nocera Umbra-Gualdo Tadino[editar | editar código-fonte]