Diocese de Ratisbona

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Diocese de Ratisbona
Diœcesis Ratisbonensis
Brasão da Diocese de Ratisbona
Localização
País  Alemanha
Território Regensburgo, Baviera
Arquidiocese Metropolitana [[Reinhard Marx
Arquidiocese de Munique e Frisinga]]
Estatísticas
População 1 686 000 (2 010)
Área 14 665 km²
Paróquias 769
Informação
Denominação Católica Romana
Rito Romano
Criação da Diocese 739
Catedral Catedral de Regensburgo (Igreja de São Pedro)
Padroeiro São Wolfgang de Ratisbona
Governo da Diocese
Bispo Rudolf Voderholzer
Bispo Auxiliar Reinhard Pappenberger
Bispo Emérito Manfred Müller
Jurisdição Diocese
Contactos
Página Oficial bistum-regensburg.de

A Diocese de Ratisbona ou Diocese de Regensburgo (em latim: Dioecesis Ratisbonensis) é um território eclesiástico da Igreja Católica Romana sediado em Regensburgo, na Alemanha. Seu distrito cobre partes do nordeste da Baviera e é subordinado à Arquidiocese de Munique e Frisinga. A diocese conta com 1,220 milhões de católicos, 81% da população. O atual bispo é Rudolf Voderholzer e a igreja catedral é Igreja de São Pedro em Ratisbona. A diocese está dividida em oito regiões, com 769 paróquias.

História[editar | editar código-fonte]

A diocese foi fundada em 739 por São Bonifácio e estava originalmente subordinada ao arcebispo de Salzburgo. Pelo "Reichsdeputationshauptschluss" de 1803, o bispado foi incorporado pelo recém-criado arcebispado de Ratisbona.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]