Discussão:São Paulo (cidade)/Arquivo/3

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Clima[editar | editar código-fonte]

Há que se discutir, também, o fato de que São Paulo é apresentada como cidade global alfa, quando na realidade é cidade global beta. Outros textos no interior da própria Wikipedia mostram isso (exemplo: http://pt.wikipedia.org/wiki/Cidade_Global), portanto é fundamental corrigir esse erro crasso.

É importante, também, reiterar que São Paulo é a sexta maior cidade do mundo EM TAMANHO - pois pode-se confundir o aspecto meramente quantitativo (tamanho do território) com o qualitativo (zona de influência econômica ou cultural).

Conforme já discutido anteriormente, o problema com o seguinte texto ainda não foi solucionado:

"São Paulo é a terceira capital mais fria do Brasil, sendo superada apenas por Curitiba, em primeiro lugar, e Porto Alegre em segundo, superando até mesmo, por conta de sua altitude, a litorânea Florianópolis, que se localiza mais ao sul.

Porém, cabe lembrar que Porto Alegre, embora mais quente no verão, possui tanto mínimas absolutas como temperatura média mais baixa no inverno, mas, levando em consideração apenas a temperatura média anual, São Paulo é a segunda capital mais fria, superada apenas por Curitiba."

Afinal, qual a segunda capital mais fria? O texto está bastante confuso e contraditório. Sugiro que, até comprovação ou revisão do texto, haja sinalização de [carece de fontes?] nos referidos trechos citados. Grato. 189.120.69.163 (discussão) 03h22min de 13 de Setembro de 2008 (UTC)

É assim… Curitiba é a capital mais fria, e São Paulo a segunda, se contar a média anual, ou seja, a quantidade de dias frios que "passam" pela metrópole. Já Porto Alegre, apesar de ter dias que a sua temperatura é baixíssima, mais baixa até do que a mais baixa ja regitrada em São Paulo… Não possui a mesma quantidade de dias frios que São Paulo. Conclusão: São Paulo possui mais dias frios durante todo o ano do que Porto Alegre, porém, Porto Alegre possui temperaturas mais baixas que a de São Paulo, mas não nas mesmas quantidades de dias frios. Lukinhaz (discussão) 13h16min de 13 de Setembro de 2008 (UTC)

Desculpa, mas não faz sentido. Se a média anual de São Paulo é superior à de Porto Alegre, então a capital sul rio-grandense é a segunda mais fria do Brasil, ou vice-versa. Não importa se Sampa tem mais dias frios ou não. Ademais, qual a definição de "dia frio"? 189.120.69.163 (discussão) 14h57min de 13 de Setembro de 2008 (UTC)
Mas a temperatura média anual de São Paulo é ligeiramente inferior à de Porto Alegre, e não superior como você afirma, porisso, se considerada a temperatura média anual, São Paulo é a segunda capital mais fria. Deve-se arrumar este texto. São Paulo é a segunda capital mais fria considerando-se a temperatura média anual, atrás apenas de Curitiba. SP é a terceira capital mais fria considerando-se a temperatura média do mês mais frio, atrás de Curitiba e Porto Alegre.

Não sou especialista no assunto, mas é isso mesmo ! O texto quer dizer isso… Dia Frio = Dia com baixas temperaturas. São Paulo tem mais dias com temperaturas baixas, mas quando Porto Alegre tem temperaturas baixas… Supera São Paulo ! Lukinhaz (discussão) 15h37min de 13 de Setembro de 2008 (UTC)

Um "dia com baixa temperatura" se define por estar em média a quantos graus? Também considero o texto dúbio e confuso. 200.201.112.32 (discussão) 00h04min de 18 de Setembro de 2008 (UTC)

Pelo que eu vejo nas notícias, reportagens e previsões do tempo, acho que um dia frio em São Paulo é quando a temperatura está abaixo dos 18° ! Mais ou menos isso ! Porque quando estão nos 20°, a temperatura da cidade está boa, nem muito quente e nem muito frio ! Geralmente no SPTV eu ouço: - A mínima na grande São Paulo será de 13° e a máxima de 20° (Quando o tempo está frio aqui em São Paulo, ou o tempo está para mudar) ! Mas acho que para classificar uma temperatura, "dia frio" aqui em São Paulo é mais ou menos abaixo dos 18°, porque em 15° ja faz bastante frio aqui ! Lukinhaz (discussão) 01h15min de 18 de Setembro de 2008 (UTC)

Pesquisando a classificacao de Koppen. O clima da cidade de Sao Paulo classifica-se como subtropical portanto a primeira letra da classificacao de Koppen (para subtropical): C.

A segunda letra (representa a precipitacao): Para ser W a cidade deveria ser mais seca. Seu mes mais seco deveria ser um decimo de seu mes mais umido e deveria ter medias inferiores a 30 mm de chuvas. Isto nao ocorre na cidade. Portanto a segunda letra para Sao Paulo deve ser F.

A terceira e ultima letra (representa a temperatura): A ou B? Para ser A um clima deve ter temperatura media superior a 22 graus ceusius em seu mes mais quente. Para ser B ele deveria ter temperatura media inferior a 22 graus ceusius em seu mes mais quente. Sao Paulo encontra-se no limite. Seu mes mais quente possui media de 22 graus ceusius.

Portanto o clima da cidade deve ser classificado como Cfa ou mesmo Cfb e não Cwa. o comentário precedente não foi assinado por 92.2.192.28 (discussão • contrib.) Béria Lima Msg 08h17min de 5 de Outubro de 2008 (UTC)

Sobre a discussão sobre "qual é a segunda capital mais fria do Brasil", o assunto também está em debate na página de discussão do artigo "Porto Alegre". Se alguém souber alguma fonte fiável sobre o assunto, por favor, ajude a sanar a dúvida. Grato. Nosteb 15h42min de 4 de Novembro de 2008 (UTC)

Fonte para o gráfico de clima[editar | editar código-fonte]

Por que estamos usando como fonte o Canal do Tempo se há uma fonte mais oficial e não comercial, no caso, a Unicamp, aqui: [1]. Há variações sobre os valores de ambas, isso já foi discutido, será que devemos preferir uma fonte comercial? Carlos-PC (discussão) 15h29min de 11 de Outubro de 2008 (UTC)

Eu como um climatologista, indico para usar como fonte o site do tempo agora, pois lá eles somente apresentam as normais climatológicas do periodo 1961 a 1990 do termômetro do mirante de santana, que pertence ao inmet, que é o orgão oficial no Brasil, e gostaria de pedir que corrijam o gráfico por que ele está completamente errado. climatologista (discussão) 08h27min de 30 de março de 2010 (UTC)

Eu alterei a fonte para o Inmet, pois considero mais fiavel, por ser o instituto oficial, tudo que ele registra é oficial também. Qualquer problema, por favor avisem aqui na seção de discussão, que nós resolvemos.Climatologista (discussão) 23h42min de 3 de abril de 2010 (UTC)

Imagem principal[editar | editar código-fonte]

Peço aos editores que discutam e entrem em um consenso acerca da imagem principal, pois não é adequado, a todo momento, salvar-se uma nova versão completa de um artigo de mais de 120 kb apenas para substituir uma imagem. Ruy Pugliesi discussão 13h57min de 13 de Setembro de 2008 (UTC)

Pois é, mas ninguém chegou em mim e disse se minha montagem era boa. Eu não gostei da montegem do Banespa, MASP, Monumento às Bandeiras e Ponte Estaiada. Troquei pela minha montagem que possui os 4 marcos e acrescentei 3 skylines da cidade. Lukinhaz (discussão) 14h13min de 13 de Setembro de 2008 (UTC)

Já que ninguém gostou da minha montagem… Deixa assim, fazer o que ?! Lukinhaz (discussão) 15h52min de 13 de Setembro de 2008 (UTC)

Alteração atual[editar | editar código-fonte]

Gostei muito das alterações que foram feitas hoje no artigo ! Mas tenho duas críticas a fazer: Algumas fotos ficaram muito pequenas, se for possível aumentá-las, seria melhor. E tem fotos que representam melhor os tecidos urbanos da cidade, e mesmo porque, ja temos mais uma foto do Brooklin no artigo, mais duas na verdade, a da Ponte também é. Mas fora isso está perfeito, muito bem atualizado ! Mas gostaria que fosse possível arrumar os pontos que eu indique ! Cumprimentos, Lukinhaz (discussão) 21h52min de 12 de Outubro de 2008 (UTC)

Dúvida[editar | editar código-fonte]

Oque o IBGE disse sobre São Paulo abrager 28% da população do Brasil e 40,5% do PIB do país… Não seriam dados sobre o Estado de São Paulo ?! Porque a apenas alguns parágrafos abaixo está dizendo que a cidade colabora com pouco mais de 12% do PIB brasileiro… Mesmo porque, se a cidade abrangesse quase metade do PIB do país, o restante do país seria tecnicamente ineficiente ! Apesar de que se a cidade fosse um estado, seria o 2º mais rico do Brasil, atrás apenas do próprio estado de São Paulo ! Mas eu vou retirar essa frase, e colocá-la no artigo sobre o estado ! Tenha mais atenção quem adicionou isso ao artigo ! Lukinhaz (discussão) 01h34min de 15 de Outubro de 2008 (UTC)

Os valores estão corretos e correspondem à rede urbana de influência da qual a cidade participa. Ruy Pugliesi discussão 01h52min de 15 de Outubro de 2008 (UTC)

Meus Deus ! Tudo bem então, desculpe-me, mas 28% da população ?! O Brasil não tem mais de 180 milhões de habitantes, e São Paulo 11 milhões, como poderia ser 28% ?! Ou é uma rede urbana maior ? Não entendi ! Pode explicar ? Lukinhaz (discussão) 11h46min de 15 de Outubro de 2008 (UTC)

Ja entendi ! Obrigado mesmo assim. Lukinhaz (discussão) 12h02min de 15 de Outubro de 2008 (UTC)

Mais uma faculdade de ponta em São Paulo[editar | editar código-fonte]

Na lista de faculdades de São Paulo, faltou o Ibmec São Paulo, que é uma das melhores instituições de ensino do país segundo o MEC. Na página em inglês tem o Ibmec!!!! Falta colocar na em português!

Infelizmente há que se levantar uma objeção aqui: como é fato notório, o Ibmec não é uma instituição de ponta. Anexe links com avaliações do MEC e da CAPES para provar isso. comentário não assinado de 187.67.196.7 (discussão • contrib) (data/hora não informada)

Acrescentar[editar | editar código-fonte]

Na área que fala sobre a economia da cidade, podia colocar a imagem da BM&FBOVESPA. Lukinhaz (discussão) 09h48min de 23 de Outubro de 2008 (UTC)

Substituição do vermelho da Navbox São Paulo[editar | editar código-fonte]

O texto que aqui estava foi movido para: Predefinição Discussão:São Paulo (cidade)#Navbox.

  • Existe uma página de discussão específica para a Navbox.

--Mrzero (discussão) 09h10min de 31 de Outubro de 2008 (UTC)

Ligações externas para sites de imagems[editar | editar código-fonte]

Qual o critério para colocar um link ali ? Dentre os 4 tem um site que é página de usuário (membro da AOL). Página de usuário pode ? Também tenho uma, cheia de imagens de São Paulo. Todo mundo da minha família tem, posso encher de links ? A menos que o dono do site seja alguém bem famoso (não me pareceu) não vejo pq deixar esse site.

O mesmo para os outros. O que faz esses sites diferentes dos outros que tem por aí com fotos da cidade ?

Rjclaudio msg 21h03min de 30 de Novembro de 2008 (UTC)

Questionamento acerca da população residente[editar | editar código-fonte]

alguem usou um ARGUMENTO ERRADO aqui.. e bem errado São Paulo não é A MAIOR CIDADE DAS AMERICAS! (não passa nem perto de washington ou atlanta)

favor corrigir.. ou eu mesmo corrigirei.

Gchiorato (discussão) 00h39min de 13 de Dezembro de 2008 (UTC)

  • São Paulo não passa perto de Atlanta ou Washington, ela fica paradinha aqui na América do Sul. Quanto ao seu argumento de estas cidades são maiores em população que São Paulo, tem alguma fonte para apresentar?-- Jo Lorib →500k 00h49min de 13 de Dezembro de 2008 (UTC)
Acusação absurda do usuário. Não existe cidade alguma nas Américas com mais de 11 milhões de habitantes (cidade, não região metropolitana). Ruy Pugliesi discussão 00h51min de 13 de Dezembro de 2008 (UTC)

Parte do comentário existente aqui foi suprimido: Wikipedia:Civilidade.Ruy Pugliesi discussão 01h17min de 13 de Dezembro de 2008 (UTC) Primeiro, conheça São Paulo, depois questione alguma coisa ! Segundo, leia, procure fontes, pesquise mais ! Terceiro, não me interessa oque você acha, mas antes de agredir os outros editores, o artigo e a cidade, tente rever suas ações, pense bem antes de dizer asneiras a respeito de algo !

Ps: 11 milhões de habitantes, 20 milhões de habitantes (RM), cerca de 1.000 km² de área urbana (cidade), mais de 2.000 na RM, mais de 5.000 edifícios em toda a cidade (a terceira cidade com mais edifícios na face da terra. =P

Cumprimentos, Lukinhaz (discussão) 00h57min de 13 de Dezembro de 2008 (UTC)

A Cidade do México não é maior que São Paulo? --189.35.107.97 (discussão) 08h15min de 8 de janeiro de 2010 (UTC)
Veja: Anexo:Lista das cidades mais populosas do mundo. Heitor discussão 09h30min de 8 de janeiro de 2010 (UTC)

Quem pode me esclarecer?[editar | editar código-fonte]

A passagem do texto de apresentação diz:"Conta com importantes monumentos e museus, como o Memorial da América Latina, o Museu da Língua Portuguesa, o MASP, o Parque Ibirapuera e a avenida Paulista"… E eu pergunto:A Avenida Paulista e Parque do Ibirapuera são um monumento ou um Museu?

Está parte foi editada para ficar mais de acordo ontem, porém quiseram reverter para voltar a ficar errado, por que será?Asdrubal (discussão) 22h49min de 12 de Janeiro de 2009 (UTC)

Pode-se dizer que a Avenida Paulista e o Parque do Ibirapuera são grande e importantes espaços da cidade de São Paulo. Num sentido figurado, poderia até dizer que são monumentos da metrópole, mas nesse caso, acho que o texto deveria ser melhorado. Porém, não tenho uma boa idéia de palavras para serem usadas; seria bom que alguém com mais experiência o fizesse. Lukinhaz (discussão) 22h55min de 12 de Janeiro de 2009 (UTC)

O texto da edição que fiz ontem (ainda com um login que estou aposentando) estava correto e coerente, mas estou percebendo que na Wikipédia há alguns artigos que "possuem donos", porém eles deveriam revertar o quanto quiserem porém lendo cada versão para não cometerem erros grosseiros como esse!189.47.225.223 (discussão) 23h49min de 12 de Janeiro de 2009 (UTC)

Região metropolitana de São Paulo[editar | editar código-fonte]

Nossa, eu ja disse e argumentei com dados que a Região Metropolitana de SP é a segunda maior do mundo, depois de Tokyo. Esse ranking em que vocês fazem referência, é uma previsão(previsão hein!) que a ONU fez no ano 2002 em relação aos dados e indices de crescimento da população de cada uma das cidades, exemplo esse reporte deu para o ano 2005 19 milhões de pessoas para cidade de Mexico, mas essa cidade hoje tem menos população do q a ONU disse, pq o indice de cresimento no ano 2003, 2004 desceu.

O mesmo aconteceu com SP, só que ao revez, a taxa de cresimento da população aumentou e SP tem quase 20 milhões de pessoas (19.800.000).

Eu ja enviei links e o artigo tinha sido editado, pq tem de novo essa informação errada?

Abraço desde Argentina.o comentário precedente não foi assinado por 200.40.197.194 (discussão • contrib.) Heitor discussão 04h17min de 15 de janeiro de 2009 (UTC)

O artigo sobre a região metropolitana apresenta fontes que confirmam tal informação. Se discorda, apresente outras referências que atestem o que está dizendo. Lembrando que "Wikipédia não é fonte para a própria ou outras Wikipédias", e as fontes devem ser confiáveis. Ruy Pugliesi discussão 13h42min de 15 de janeiro de 2009 (UTC)

PIB 2006[editar | editar código-fonte]

No fim do ano o IBGE divulgou.

PIB do Município de São Paulo em 2006:

R$ 282.852.336.000

PIB per capita :

R$ 25.675o comentário precedente não foi assinado por 201.95.84.61 (discussão • contrib.) Heitor discussão 06h30min de 18 de janeiro de 2009 (UTC)

Leia Wikipedia:Seja audaz Heitor discussão 06h30min de 18 de janeiro de 2009 (UTC)

Por que não atualizam os dados?? Ainda com os valores de 2005???

Censura[editar | editar código-fonte]

A censura na Wikipédia brasileira chega ao ponto de apagarem textos na seção de Discussões. Por favor, isso é censura pura e simples. O criador dessa enciclopédia seguramente não concordaria com isso. Aqui deve ser um espaço de livre discussão. Não apagem as minhas mensagens. Isso é autoritário e mesquinho. Deixem aqui o comentário sobre a Parada do Orgulgo Gay. Estamos em uma democracia, gente! o comentário precedente não foi assinado por 189.46.211.151 (discussão • contrib.)

Car@, sua edição foi revertida por um robô, que interpretou a edição como vandalismo. Robô não toma decisões e não faz censura, analista tecnicamente uma edição e faz o que foi programado pra fazer. Por favor, tenha mais calma ao acusar os editores. Porantim msg 16h47min de 23 de janeiro de 2009 (UTC)

Não sabia que robô tinha preconceitos. Curiosamente, este "robô" sabe bem o que apagar. Tive já uma séria discussão com o "robô" que edita certas páginas aqui e que insistia em não mostrar fotos de anatomia em outros artigos - como se fotos informativas pudessem ser pornográficas (as mesmas fotos que estão na Wikipédia em inglês, francês, espanhol, alemão…). Sinto que, se não tomarmos cuidado, a Wikipédia em português pode-se tornar a mais provinciana de todas. Não se trata de agressividade da minha parte, é um aviso de uma pessoa que tem tentado resistir à censura de alguns "robôs". PS: tampouco entendo o porquê de se colocar o IP das pessoas que decidem, sem brigas ou palavrões, questionar certas atitudes.o comentário precedente não foi assinado por 189.46.211.151 (discussão • contrib.) Heitor discussão 17h00min de 23 de janeiro de 2009 (UTC)

Eu mereço… Leia a página do "usuário" que apagou tua edição: "Salebot is an anti-vandalism bot. The original runs on the French-language Wikipedia."
Se você quer discutir com o robô, vai fundo, só não espere que ele responda.
Porantim msg 17h55min de 23 de janeiro de 2009 (UTC)
kkkkkkkkkkk…cada uma…boa resposta Porantim. Heitor discussão 19h23min de 23 de janeiro de 2009 (UTC)

Não sei se os usuários mais "experientes" sabem, mas existe(m) usuário(s) por trás do robô, que respondem a perguntas/dúvidas/reclamações feitas na página de discussão do robo. Então discordo dos anteriores : escreva, e espere uma respota. Não garanto que seja uma boa resposta, mas terá uma resposta (escrita na página de discussão do próprio robo, não na sua). ⇒ Rjclaudio msg 19h59min de 23 de janeiro de 2009 (UTC)

Nós sabemos disso usuário Rjclaudio, porém o IP acima ironizou dizendo que o robô na verdade era um editor com vontades próprias e que estava perseguindo suas edições. Na próxima vez seja um pouco mais educado quando for se referir a usuários que, ao contrário de você, são realmente experientes. Cumprimentos. Heitor discussão 23h44min de 23 de janeiro de 2009 (UTC)


Área total[editar | editar código-fonte]

No campo Características Geográficas a área da cidade de São Paulo está como 1.522,986 km². O correto seria 1.522,986 m². o comentário precedente não foi assinado por 201.27.185.164 (discussão • contrib.)

Caro anônimo, 1500 m² é área inferior a qualquer quarteirão de são paulo… Os mil e quinhentos quilômetros quadrados estão corretos--g a f M 01h09min de 1 de fevereiro de 2009 (UTC)

Alterações[editar | editar código-fonte]

Eu fiz as alterações que fiz, pois:

  • A ponte estaiada, o MASP, já encontram-se na cabeça do artigo, já o Museu Paulista não;
  • A ponte é uma obra quase que inútil;
  • As fotos do Silvio Tanaka têm que ter o nome dele as indicando, vide [2] ;
  • A lista de referências está absurdamente grande e ocupa muito espaço do modo que estava;
  • Havia um erro em uma tag, que é um tanto … deixá-la quebrada;
  • Por fim, Hector o artigo não é seu. Rodrigo Tetsuo Argenton Deixe uma massagem 02h14min de 22 de fevereiro de 2009 (UTC)
Havia me esquecido, o artigo ainda apontava para uma página inexistente do meta. Rodrigo Tetsuo Argenton Deixe uma massagem 02h17min de 22 de fevereiro de 2009 (UTC)
  • Vamos com calma meu caro:
    • O fato de que as imagens da Ponte Estaiada e do MASP já estarem na foto inicial do artigo não pode ser usado como argumento para impedir que esses monumentos sejam representados em outras partes do artigo, uma coisa nada tem a ver com a outra;
    • Isso é opinião sua, cuidado com a imparcialidade;
    • Isso realmente foi erro meu, vou recolocar o nome do fotográfo;
    • Existe um padrão na WP quanto à seção "Referências", por favor respeite-o;
    • Qual erro e em qual tag? Se desfiz o ajuste por favor refaça;
    • Nunca disse que sou dono do artigo, porém sou um dos grandes colaboradores do mesmo e mereço ser ouvido. Cumprimentos. Heitor discussão 02h25min de 22 de fevereiro de 2009 (UTC)
  • Discussão resolvida.Face-grin.svg Heitor discussão 02h55min de 22 de fevereiro de 2009 (UTC)

SUGIRO ALTERAÇÕES AO DONO DO ARTIGO

  • A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias e As Testemunhas de Jeová não são consideradas ou classificadas como igrejas Evangélicas/Protestantes. Alguns membros de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias até se consideram evangélicos/protestantes, no entanto não são aceitos como tal pelos demais, entenda-se luteranos, presbiterianos, metodistas, batistas, pentecostais e neopentecostais. Quanto As Testemunhas de Jeová, além delas não serem aceitas/reconhecidas por nenhum outro grupo evangélico/protestante, elas mesmas (testemunhas de Jeová) não se consideram protestantes/evangélicas, ao contrário, combatem e são combatidas pelos demais.

A parte do artigo que diz: "Há um considerável avanço dessas Igrejas, principalmente na periferia da cidade", soa meio preconceituoso. OBS: Não fiz eu mesmo a alteração pq há tempos desisti de corrigir erros ou equívocos do wikipédia, já que 90% das correções e acréscimos feitos são revertidos. comentário não assinado de 200.226.150.25 (discussão • contrib) (data/hora não informada)

Lema da Bandeira de São Paulo[editar | editar código-fonte]

O correto é: "Non Dvcor Dvco", e não: "Non ducor duco". Para quem tiver dúvidas, basta apenas olhar na própria bandeira de São Paulo: http://www.oragoo.net/wp-content/uploads/2008/02/bandeirasaopaulocity_.jpg Já fiz as devidas alterações Rajude (discussão) 06h48min de 5 de abril de 2009 (UTC)

O latim dos romanos originalmente não tinha o U, e o V era usado em seu lugar, para representá-lo; mas com tempo fez-se a diferenciação, com o aparecimento do U para representar o som vocálico, e assim por diante. O uso desta letra hoje em dia para representar uma vogal não é correto, e só é feito no caso da bandeira e tantos outros, por questões estéticas. Conduzir, em latim, é "duco", não "dvco", está claro em qualquer fonte (qualquer dicionário de latim). RafaAzevedo msg 07h13min de 5 de abril de 2009 (UTC)


Eu sei que V é o U maiúsculo em latim. Usuário:Paulogetulio 5 abril 2009.

No latim romano, especialmente em inscrições monumentais, era o caso. Hoje em dia, a maior parte da obra linguística adota as duas letras, já que os fonemas que elas representavam não eram idênticos. RafaAzevedo msg 20h48min de 5 de abril de 2009 (UTC)

Mais alterações[editar | editar código-fonte]

Dois pontos a serem considerados:

  • Na seção "etnias", substituí a palavra "negros" por "africanos", porque as demais etnias são classificadas de acordo com a origem geográfica (Europa, Ásia, países árabes, etc.), não poderia ser diferente em relação aos africanos. Outrossim, é sabido que todos os negros de São Paulo são oriundos de etnias africanas, uma vez que não é só na África que existe população nativa de pele negra - haja vista o caso dos povos dravídicos da Índia e dos aborígines australianos. A palavra "negro" designa qualquer pessoa de pele castanha escura, sem levar em conta os aspectos étnico-culturais. Mesmo assim, existem diferenças étnicas e culturais marcantes entre os diferentes povos africanos, como, por exemplo, entre os bantos e os khoisan.
  • Na seção sobre violência, removi a seção que diz simplesmente que "os índices de violência são elevados na cidade", por ser uma afirmação subjetiva. Qualquer menção dessa natureza precisa ter um ponto de referência, do contrário poder-se-ia perguntar: "elevado em relação a quê?". Por isso apenas mantive os dados estatísticos existentes a respeito da criminalidade (ordem em que a cidade está na escala de violência, da maior para a menor).

Fábio (discussão) 17h53min de 6 de julho de 2009 (UTC)

Que interessante…[editar | editar código-fonte]

Interessante notar que quando eu coloco conteúdo aqui logo revertem o artigo sem nem ao menos uma justificativa, aí vou na versão em idioma espanhol transformo boa parte do artigo "São Paulo" e quando lembro de dar uma olhada por aqui vejo que a versão em português copia um monte de conteúdo colocado por mim lá, interessante ver como rechaçam editores natos da ligua portuguesa por aqui enquanto volorizão o que os mesmos fazem em idioma estrangeiro penssando ter sido obra de alguém "melhor", como se o que fosse feito por lá fosse mais idôneo, seria o esse o significado da expressão "complexo de vira latas" ou do ditado "Santo de casa não faz milagre?189.110.59.184 (discussão) 21h49min de 21 de outubro de 2009 (UTC)

Cidade Global (?)[editar | editar código-fonte]

Como "cidade global", São Paulo teria acesso às principais rotas aeroviárias mundiais, às principais redes de informação, assim como sediaria filiais de empresas transnacionais de importância global e importantes instituições financeiras. O urbanista João Sette Whitaker Ferreira, entretanto, considera que a desigualdade social e segregação espacial descaracteriza São Paulo como uma cidade global.

Há outras fontes além da tese de doutorado do Whitaker que suportem essas afirmações? Até onde eu entendo, a primeira sentença não faz sentido. Whitaker diz que São Paulo não tem acesso às principais rotas aeroviárias mundiais, às principais redes de informação, não possui sedes de filiais de empresas transnacionais de importância global e não possui importantes instituições financeiras? Ou a sentença original foi adaptada para oferecer o ponto-de-vista de Whitaker? Parece-me uma criação híbrida.

Muitas cidades classificadas como globais possuem problemas relacionados a desigualdade social e a segregação espacial. Mas os elementos que as classificam como cidades globais continuam presentes. O que Whitaker diz é que cidades em países subdesenvolvidos não podem ser metrópoles globais? Ou que São Paulo é tão segregada que não pode ostentar esse título? De qualquer forma, precisamos de mais do que a opinião dele e sua tese de doutorado para manter essa frase dessa forma no artigo. Aquilo é POV puro. Dornicke (discussão) 14h51min de 31 de outubro de 2009 (UTC)

Achei um texto da Mônica de Carvalho que aborda o assunto com uma perspectiva mais ampla: [3]. Acho que é importante explicar bem os conceitos no texto, dando ao leitor a capacidade de tirar suas próprias conclusões, não misturá-los ou induzir a conclusão, como a palavra "teria" está fazendo lá em cima. Dornicke (discussão) 15h28min de 31 de outubro de 2009 (UTC)
Talvez o mais adequado fosse um texto como o que aparece no Vitruvius [4]: São Paulo aspira a ser uma cidade global, ainda que conectada marginalmente aos fluxos transnacionais de investimentos, pessoas e empregos. A atual expansão da modernização capitalista numa escala globalizada, assim como o rápido crescimento do número e do tamanho das megalópoles do hemisfério sul apresenta uma nova constelação para se pensar o desenvolvimento urbano contemporâneo. As reorganizações espacial, econômica e social de centros estratégicos em uma área urbana como São Paulo oferece alguns elementos para se pensar sobre aspectos concretos e epistemológicos dessa questão. Assim, evitamos misturar conceitos ou dar um peso excessivo a determinada ideologia. Dornicke (discussão) 15h44min de 31 de outubro de 2009 (UTC)

Censura?[editar | editar código-fonte]

Demorei 3 horas pensando em como fazer e abordar os Indicadores Sócioeconômicos. Pesquisas e mais pesquisas no Atlas do Trabalho e Desenvolvimento de São Paulo, o qual sou cadastrado. Criei a seção pois há algumas falhas no artigo, entretanto o "dono" do artigo deletou todo o que fiz, alegando que mudanças desta magnitude devem ser colocadas nesta página e que ele colaborou muito com o artigo e deveria ser respeitado.

Esta foi minha criação e queria que vocês opinassem. Fiz a junção de diversos temas, jogados ao relento, em uma só seção. Vejam (esta compactado para diminuir o espaço): Obs.: o trecho seguinte está "compactado" de modo a despoluir visualmente o contexto da página toda.

Indicadores Sócioeconômicos[editar | editar código-fonte]

Mapa dos distritos de São Paulo por índice de desenvolvimento humano, de acordo com o Atlas de Trabalho e Desenvolvimento da Cidade de São Paulo - Atlas Municipal, em 2007.

São Paulo possui um IDH elevado (0,841), o décimo oitavo maior do estado. Porém a décima cidade mais rica do mundo[1] apresenta fortes desigualdades sociais. A maioria dos distritos localizados nas zonas Central, Oeste e Centro-Sul; historicamente as áreas de maior grau de planejamento por parte do poder público apresentam indicadores muito elevados, ou seja, acima de 0,900. Fora destas regiões somente Santana, Tatuapé e Mooca são agraciados por esta classificação. Já nas zonas Nordeste, Sudeste são elevados os padrões de desenvolvimento. No restante, Zona Sul, Zona Noroeste e Zona Leste é visível a transição dos indicadores elevados para médios nos distritos.

O IDH estabelece três critérios para avaliação: o índice de educação, longevidade e renda. O fator "educação" do IDH no município atingiu em 2000 a marca de 0,919 – patamar consideravelmente elevado, em conformidade aos padrões do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) [2] – ao passo que a taxa de analfabetismo indicada pelo último censo demográfico do IBGE foi de 4,9%, superior apenas à porcentagem verificada nas cidades de Curitiba, Porto Alegre, Florianópolis, Rio de Janeiro, Vitória e Belo Horizonte.[3] [4] Os melhores distritos classificados pelo IDH em educação são Moema, Jardim Paulista e Pinheiros, os piores são Marsilac, Jardim Ângela e Grajaú.

Tomando-se por base o relatório do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) de 2007, São Paulo obteve a nona colocação entre as capitais brasileiras.[5] Na classificação geral do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) de 2007, três escolas da cidade figuraram entre as 20 melhores do ranking, sendo os colégios Vértice, Bandeirantes e Móbile os respectivos terceiro, décimo quarto e vigésimo colocados.[6] Contudo – e em consonância aos grandes contrastes verificados na metrópole –, em algumas regiões periféricas e empobrecidas, o aparato educacional público de nível médio e fundamental é ainda deficitário, dada a escassez relativa de escolas ou recursos. Nesses locais, a violência costuma impor certas barreiras ao aproveitamento escolar, constituindo-se em uma das causas preponderantes à evasão ou ao aprendizado carencial.[7]

No fator renda estabelecido pelo IDH, 11 dos 96 distritos apresentam a maior classificação (1,000), enquanto 14 estão no grupo dos níveis médios, abaixo de 0,700. Em longevidade os distritos de Pinheiros, Moema e Perdizes lideram a lista e os piores colocados foram Marsilac, Parelheiros e Lajeado. [[Ficheiro:Rich and poor in São Paulo.jpg|thumb|left|A [[desigualdade social]] é um dos maiores e mais evidentes problemas da cidade. Na fotografia, a [[favela]] de [[Paraisópolis (bairro de São Paulo)|Paraisópolis]] em [[Vila Andrade]] e um dos edifícios de alto padrão da região nobre do [[Morumbi]] convivem lado a lado.]] O Índice de Gini que mede a desigualdade social, os distritos de Vila Andrade, Vila Sônia e Tremembé possuem a maior disparidade econômica. Todos os índices são publicados no Atlas do Trabalho e Desenvolvimento de São Paulo, uma ferramenta eletrônica que abriga mais de 200 indicadores socioeconômicos da capital.

Segregação socioespacial[editar | editar código-fonte]

A cidade de São Paulo sofre com problemas de segregação socioespacial, fenômeno cujas causas é objeto de debate entre especialistas. Urbanistas e estudiosos das questões urbanas em São Paulo[8] apontam, como já comentado, a região entre os rios Pinheiros, Tietê e Tamanduateí como a área urbana na qual historicamente a prefeitura atuou com maior rigor e com maior planejamento por parte do poder público, assim como a área no qual o poder público mais investiu, sendo também esta a região onde se encontra a maioria dos bairros com melhores indicadores sociais da cidade. Esta região tem perdido população e apresentado uma densidade demográfica cada vez menor, apesar de ser região da cidade com maior índice de infraestrutura e equipamentos sociais.[9] Exceção feita às regiões de Ibirapuera, Campo Belo, Vila Nova Conceição, Vila Olímpia que sofreram um impressionante acréscimo de população.[10]

Alto de Santana, região da Zona Norte que recebe lançamentos de alto padrão.

As populações de mais baixa renda, por não terem como arcar com o custo de vida dessas áreas, acabam assim ocupando as áreas nas bordas do município, mais desprovidas de infraestrutura. É válido mencionar, entretanto, que mesmo dentro da área delimitada por esses rios há algumas regiões de exclusão social, como a favela de Heliópolis. Por outro lado, há também alguns núcleos de alta renda como Morumbi na Zona Oeste, Jardim Anália Franco na Zona Leste; Jardim França, Alto de Santana, Jardim São Bento e Jardim São Paulo localizados na Zona Norte[11] [12] e os condomínios da serra da Cantareira que estão localizados fora da área delimitada por esses rios.

Além da dualidade centro-periferia que explicita em parte a desigualdade social na cidade, também notam-se pontos em que o contraste é visível e grupos de perfis de renda diversos convivem, como é o caso do distrito do Morumbi, que apresenta conjuntos de habitação de alta renda localizados próximos a regiões de favela.

Tal fenômeno ocorre na história da estruturação urbana da cidade em momentos diversos: a recente e já citada transformação da região da avenida Berrini pode ser caracterizada segundo tal interpretação.[13]

Mas outros especialistas lembram que a área da avenida Berrini era quase muito pouco habitada, devido ao terreno encharcado e insalubre daquela região próximo ao rio Pinheiros. Sendo que a população construía suas moradias no bairro situado mais acima, o Brooklin. A ocupação da avenida Berrini se processou após ocorrerem investimento imobiliários particulares que consistiam na construção de diversos prédios de escritórios e que mudaram o perfil daquela região feitos pela Construtora Bratke e Collet.[10]

Conjunto habitacional em área periférica de São Paulo

Nas últimas duas décadas, verifica-se a ocorrência de casos que uma corrente de urbanistas denomina de gentrificação,[14] especialmente durante as gestões de José Serra e Gilberto Kassab, e particularmente no caso do projeto conhecido como Nova Luz.[15]

Devido a crescente degradação do centro da cidade, alguns projetos de reurbanização, requalificação e revitalização têm sido sugeridos. Bairros situados fora do centro expandido como Capão Redondo que anos atrás abrigavam uma população pobre e operária, e nos quais há poucos anos havia falta de infraestrutura básica, sofreram uma grande mudança econômica. Hoje tais bairros dispõem de equipamentos comerciais e de algum investimento infra-estrutural.

Outros estudiosos creditam ao grande crescimento econômico ocorrido na década de 1970 (apelidado de "milagre econômico") e com a chegada de milhares de migrantes, nordestinos em grande parte, à procura de melhores condições de vida são a causa dos problemas de segregação.[16] [17]

DP do Carandiru, uma das cinco melhores delegacias do mundo e melhor da América Latina.[18]

Criminalidade[editar | editar código-fonte]

A cidade de São Paulo ocupa a 493ª posição na lista das cidades mais violentas do Brasil. Entre as capitais, é a quarta menos violenta, registrando, em 2006, índices de homicídios superiores apenas aos de Boa Vista, Palmas e Natal.[19] [20] A taxa de homicídios na capital paulista (23,7)[19] também é substancialmente menor que a de outras metrópoles como Recife (90,9), Curitiba (49,3) e Belo Horizonte (49,2),[19] e inferior à do Rio de Janeiro (37,7).[19] Índices de criminalidade, como o homicídio, têm diminuído continuamente por 8 anos.[21] O número de assassinatos em 2007 foi 63% mais baixo do que em 1999.[22] Em uma pesquisa sobre o Índice de Homicídios na Adolescência (IHA), divulgada em 2009, São Paulo ficou no 151º lugar entre 267 cidades com mais de cem mil habitantes.[23] Em novembro de 2009, o Ministério da Justiça e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública divulgaram uma pesquisa que apontou a São Paulo como a capital brasileira mais segura para jovens.[24]

Ocorrências de Homicídios Dolosos por Ano.[21]

Comércio de contrabando e produtos piratas[editar | editar código-fonte]

A cidade de São Paulo tem se consolidado em um polo de comércio de produtos contrabandeados, pirateados e falsificados,[25] [26] em geral localizados em alguns pontos do centro da cidade como a Rua 25 de Março, a rua Santa Ifigênia e áreas próximas a estações de metrô. Os artigos em geral são CDs com versões piratas de softwares, filmes ou álbuns em CD e DVD,[27] ou então acessórios e itens de vestuário, principalmente mochilas e tênis de marcas internacionais, entre outros artigos. Nos últimos anos, porém, tem crescido a apreensão desses artigos pirateados.[28]

Queria a opinião de vocês. Muito obrigado--PeterLouiz (discussão) 23h32min de 7 de dezembro de 2009 (UTC)

Por favor, não seja ridículo usuário Pedu0303 D​ C​ E​ B. Como já disse em sua página de discussão, apenas reverti sua edição pelo fato de você ter alterado a estrutura do artigo, que é padronizada pelo Wikipedia Discussão:Projetos/Países/Livro de Estilo, também disse que acho ótimo que você esteja a ampliar o conteúdo da página, contanto que isso não afete o layout, a estrutura e o trabalho que eu e vários outros editores demoramos muito para construir. É interessante observar também que as supostas "falhas" do artigo são frutos da sua opinião, antes de "consertá-las" você deveria vir até essa página de discussão e perguntar a opinião de outros editores, antes de realizar uma mudança dessa amplitude. Por fim, quero deixar claro que não vou tolerar mais trechos opinativos como "entretanto o "dono" do artigo deletou todo o que fiz", estou lhe tratando como respeito e exijo que este tratamento seja recíproco. Espero que você, finalmente, tenha entendido o motivo da minha reversão. Cumprimentos cordiais. Heitor discussão 00h04min de 8 de dezembro de 2009 (UTC)
  • Reinseri os dados adicionados pelo usuário Pedu0303 D​ C​ E​ B no artigo, de acordo com o Wikipedia Discussão:Projetos/Países/Livro de Estilo. O conteúdo foi anexado à seção Demografia, já que esta é o estudo das dinâmicas populacionais humanas (segregação socioespacial) e das características da sociedade (criminalidade, religião, etnia, indicadores socioeconômicos, etc). Espero que o problema tenha sido resolvido, mas se o editor em questão tiver mais alguma sugestão estarei disposto a discutir. Cumprimentos. Heitor discussão 03h20min de 8 de dezembro de 2009 (UTC)

62ª melhor para viver[editar | editar código-fonte]

Removi o texto que dizia isso. Existem vários rankings de cidades e nem todas são observadas. Além disso, o texto omitia a informação de que o ranking avaliava somente 72 cidades. Fábio (discussão) 18h51min de 9 de dezembro de 2009 (UTC)

Filtragem do artigo[editar | editar código-fonte]

Os capítulos "segregação sócio-espacial" e "déficit habitacional e esvaziamento das áreas centrais" eu fundi em uma única seção, denominada "Habitação e uso do espaço urbano". Outras informações eu mantive na área que trata do índice de desenvolvimento humano, por ser mais adequada. Algumas partes eu removi, por serem redundantes ou por se tratarem de regras estabelecidas por "estudiosos" que têm tantas exceções a ponto de não serem válidas. Fábio (discussão) 12h26min de 11 de dezembro de 2009 (UTC)


Desculpe[editar | editar código-fonte]

Não sou um "estudioso", mas pelo menos tento ajudar.--PeterLouiz (discussão) 17h37min de 11 de dezembro de 2009 (UTC)

Paulistas Famosos[editar | editar código-fonte]

A idéia de ter esta seção é boa, porém deveria se chamar Paulistanos Notáveis, não deve ser uma lista e separar por categorias políticos, esportistas, músicos....--PeterLouiz (discussão) 03h29min de 9 de março de 2010 (UTC)

Simplesmente ridícula esta lista de "Paulistas famosos"...lamentável.--Mitzi (discussão) 04h15min de 9 de março de 2010 (UTC)

Também discordo de sua existência, na medida em que ela viola uma série de regras e recomendações do projeto... infelizmente parece que tornou-se um lugar-comum, todo artigo sobre cidade tem uma lista semelhante. RafaAzevedo msg 13h39min de 9 de março de 2010 (UTC)
Acho interessante haver uma lista de pessoas notáveis ou que se distinguiram de alguma forma e nasceram na cidade de São Paulo, assim como em qualquer outra cidade. Mas não no meio do artigo e sim uma lista separada. Vejam como é feito no artigo sobre Nova Iorque em inglês, onde no final do artigo (na caixa 'New York City'), há uma lista de pessoas famosas de Nova Iorque. --everton137 (discussão) 14h28min de 9 de março de 2010 (UTC)
Na seção "Ver também" desse artigo já está a "Categoria:Paulistas da cidade de São Paulo", que eu mesmo incluí para evitar a criação dessas listas horríveis. A adição desse tipo de conteúdo é completamente irrelevante e desnecessária, ainda mais em um artigo destacado. Heitor discussão 15h36min de 9 de março de 2010 (UTC)
Ótima idéia a do usuário Heitor, mas é possivel haver a lista de pessoas famosas de São Paulo.--PeterLouiz (discussão) 18h09min de 9 de março de 2010 (UTC)

Obs.: o trecho seguinte está "compactado" de modo a despoluir visualmente o contexto da página toda.

Referências

  1. São Paulo será 6ª cidade mais rica do mundo até 2025, diz ranking Price Waterhouse & Coopers e BBC Brasil (08 de novembro de 2009). Visitado em 8 de novembro de 2009.
  2. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Visitado em 29 de maio de 2008.
  3. Analfabetismo na cidade do Rio de Janeiro Governo do Estado do Rio de Janeiro (junho de 2002). Visitado em 5 de agosto de 2008.
  4. Rio e São Paulo são as cidades com mais analfabetos do País UOL Notícias da Educação (5 de junho de 2003). Visitado em 5 de agosto de 2008.
  5. No IDEB, 'pior' cidade raspa nota zero; maioria tira menos de 5 UOL Educação (26 de abril de 2007). Visitado em 5 de agosto de 2008.
  6. As 20 melhores escolas do país no ENEM 2007 Portal G1 (3 de abril de 2008). Visitado em 5 de agosto de 2008.
  7. Virada Social leva serviços gratuitos ao Jardim Elisa Maria Governo do Estado de São Paulo. Visitado em 8 de agosto de 2008.
  8. Villaça, 1998; Maricato, 1996; Rolnik, 2003
  9. Segundo Nobre, Eduardo; lares.org.br/SL4G_nobre.pdf Novos instrumentos urbanísticos em São Paulo: limites e possibilidades
  10. a b Histórico Demográfico do Município de São Paulo Prefeitura de São Paulo. Visitado em 27 de outubro de 2008.
  11. Santana eleva padrão de lançamentos na zona norte de São Paulo Folha Online (25/10/2009 - 09h38). Visitado em 3/12/2009.
  12. Pesquisa CRECI (11 de julho de 2009). Visitado em 23 de julho de 2009.
  13. Fix, Mariana; Parceiros da exclusão; São Paulo: Boitempo, 2001; ISBN 8585934689
  14. Conferir o artigo Gentrificação na cidade de São Paulo para mais detalhes
  15. Para mais detalhes a respeito da relação entre negócios urbanos, planejamento, gestão e política nos bairros centrais e particularmente no caso do bairro da Luz, conferir KARA JOSÉ, 2007
  16. Maria Rejane Souza de Britto Lyra. A rota clandestina de ônibus sugerindo redes migratórias entre Pernambuco e São Paulo São Paulo em Perspectiva. Visitado em 25 de novembro de 2008.
  17. Carta: Paraisópolis, zona Sul Repórter Brasil. Visitado em 25 de novembro de 2008.
  18. Angela Pinho (Qui, 01/03/07 - 15h54). 9º DP no Carandiru é um dos cinco melhores do mundo Governo do Estado de São Paulo. Visitado em 7 de dezembro de 2009.
  19. a b c d Mapa da Violência dos Municípios Brasileiros 2008 Rede de Informação Tecnológica Latino Americana (RITLA) (29 de janeiro de 2008). Visitado em 26 de outubro de 2008.
  20. Angela Pinho (30 janeiro de 2008). Número de homicídios cai no Brasil Folha Online. Visitado em 14 de fevereiro de 2008.
  21. a b Estatísticas Secretaria de Segurança Pública website. Visitado em 14 de fevereiro de 2008.
  22. Uma vitória sobre o crime Época magazine website (31 de janeiro de 2008). Visitado em 14 de fevereiro de 2008.
  23. Demétrio Weber (21 de julho de 2009). Violência: índice de mortes do Rio é três vezes maior que o de SP O Globo Online. Visitado em 22 de julho de 2009.
  24. SP é capital com menos jovens expostos à violência, diz pesquisa G1 (24 de novembro de 2009). Visitado em 25 de novembro de 2009.
  25. http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20081111/not_imp275573,0.php
  26. http://www.estado.com.br/editorias/2007/09/04/edi-1.93.5.20070904.2.1.xml
  27. Ultimo Segundo
  28. http://www.prefeitura.sp.gov.br/portal/a_cidade/noticias/index.php?p=20410

Clima (e link quebrado)[editar | editar código-fonte]

Os dados sobre temperaturas médias mínimas e máximas com certeza estão errados. Se no mês de julho a temperatura média fosse de 7 a 16 graus, São Paulo seria mais fria do que Curitiba ou São José dos Pinhais, o que é simplesmente impossível. Além disso, no gráfico está precipitação anual total de 145 mm, o que significaria clima desértico. Acima, ao contrário, afirma-se que a precipitação anual é de 1.509 mm, o que é mais verossímil, mas que está sem referências.

Sobre a fonte citada (INMET), ela não pode ser acessada, pois o link está quebrado.

Sugiro que confiram os seguintes sites:

[5]

[6]

Não sei quem fez as alterações inescrupulosas sobre clima neste artigo, mas peço aos editores que, por favor, corrijam isso logo que possível. --Laciportbus msg 01h44min de 22 de maio de 2010 (UTC)

Peço desculpa ao usuário Heitor C. Jorge, por ter tentado recolocar as temperaturas corretas para a cidade de São Paulo através da tabela antiga, pois eu não estava conseguindo encontrar a página Predefinição:Tabela climática da cidade de São Paulo. Mas já a localizei, agora. Scheridon (discussão) 16h59min de 22 de maio de 2010 (UTC)
Sem problemas Scheridon, já transferi o conteúdo para a predefinição. Abraço. Wink.png Heitor diz aí! 19h11min de 22 de maio de 2010 (UTC)

Obrigado pela correção, pessoal! Alegre --Laciportbus msg 22h18min de 22 de maio de 2010 (UTC)

Alterações[editar | editar código-fonte]

SUGIRO ALTERAÇÕES AO DONO DO ARTIGO

  • A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias e As Testemunhas de Jeová não são consideradas ou classificadas como igrejas Evangélicas/Protestantes. Alguns membros de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias até se consideram evangélicos/protestantes, no entanto não são aceitos como tal pelos demais, entenda-se luteranos, presbiterianos, metodistas, batistas, pentecostais e neopentecostais. Quanto As Testemunhas de Jeová, além delas não serem aceitas/reconhecidas por nenhum outro grupo evangélico/protestante, elas mesmas (testemunhas de Jeová) não se consideram protestantes/evangélicas, ao contrário, combatem e são combatidas pelos demais.

A parte do artigo que diz: "Há um considerável avanço dessas Igrejas, principalmente na periferia da cidade", soa meio preconceituoso. OBS: Não fiz eu mesmo a alteração pq há tempos desisti de corrigir erros ou equívocos do wikipédia, já que 90% das correções e acréscimos feitos são revertidos. comentário não assinado de 200.226.150.25 (discussão • contrib) (data/hora não informada)

Achei engraçado e bem adequada a expressão irônica "dono do artigo", pois existem editores aqui que se acham donos dos artigos e revertem qualquer contribuição dos demais usuários. Isso é uma tolice, já que na Wikipédia TODOS têm o direito de contribuir.
Quanto à sua proposta, ela é correta, pois SUD e Testemunhas de Jeová não são mesmo protestantes e sim antitrinitarismo. Já fiz a correção no artigo.
Quanto ao trecho que mencionou, não acho que seja preconceituoso, mas caberia colocar "carece de fontes".
--Laciportbus msg 02h28min de 19 de julho de 2010 (UTC)

Imagem principal[editar | editar código-fonte]

Sugiro que mudem a imagem principal do artigo de São Paulo para a File:São paulo 2.jpg porque esta imagem representa mais a cidade do que as outras. --jvfmpontes (discussão) 20h55min de 8 de setembro de 2010 (UTC)

Por ter feito parte da história política e econômica do Brasil, São Paulo é praticamente um museu a céu aberto, com bairros e edifícios de incalculável valor histórico.
Ufanista e exagerado, para não cometer a indelicadeza de dizer falso mesmo. Os conjuntos arquitetônicos de "valor histórico" foram derrubados já há muitas décadas. São raríssimos os edifícios tombados pelo executivo federal. Há um bom acervo da arquitetura eclética e neoclássica do início do século XX, mas nada também que a destaque em relação às outras capitais brasileiras. Os exemplares coloniais, à exceção do Mosteiro da Luz, são inexpressivos... não há muito de histórico na arquitetura paulistana de hoje (embora sobre mau gosto para construir horríveis torres neoclássicas em tudo que é terreno baldio). Seria melhor enfocar efetivamente o valor dos acervos histórico-artísticos contidos nos museus da cidade. Dornicke (discussão) 00h08min de 12 de julho de 2010 (UTC)
Ui, esta passagem do texto está bem "bairrista" mesmo, mas vale ressaltar que bairros inteiros são tombados por causa de seu "valor arquitetônico", exemplos deles: Jardins, Alto da Lapa, Pacaembu, Sumaré, dentre outros. Já no: "é praticamente um museu a céu aberto" aí é utopia demais. Apesar de não ser arquiteto me interesso muito por essa área, estou pronto a ajudar.--PeterLouiz (discussão) 00h55min de 12 de julho de 2010 (UTC)

Cidade global alfa ou beta?[editar | editar código-fonte]

Afinal, a cidade de São Paulo é alfa ou beta? Pelo que diz aqui, ela é alfa (ano 2008). Mas aqui diz que é beta (ano 1998). Então, ela faz parte de qual grupo? Alfa ou beta? Marcos diga-me!.

Se no estudo mais recente a cidade é classificada como alfa, então é alfa. Heitor diz aí! 16h29min de 19 de julho de 2010 (UTC)
Ok! a propósito, já corrigi a referência do artigo. Marcos diga-me! 16h47min de 19 de julho de 2010 (UTC).

Educação[editar | editar código-fonte]

"A cidade de São Paulo tem um sistema bem desenvolvido de ensino primário e secundário, público e privado, e uma variedade de profissionais de escolas técnicas."

You gotta be kidding me...
Ideb: São Paulo fica em 1.903º lugar no ranking
... Marcado como parcial. Dornicke (discussão) 01h48min de 18 de agosto de 2010 (UTC)
Favor alterar o período antes de remover a tag. A cidade de São Paulo não possui um sistema de ensino que possa ser chamado sequer de razoável, sequer de normal, sequer de aceitável, quanto mais desenvolvido e, muito pior, bem desenvolvido. Pelo amor de Deus, qualquer um sabe disso. Dornicke (discussão) 02h09min de 18 de agosto de 2010 (UTC)
Já o fiz. Aliás, você mesmo poderia ter feito o ajuste antes de meter uma tag dessas em artigo destacado. Abraço. Heitor diz aí! 02h12min de 18 de agosto de 2010 (UTC)

Capital paulistana?[editar | editar código-fonte]

Qual o termo correto para se referir à capital do estado de São Paulo? Capital paulista ou capital paulistana? Por mim, diria que o correto seria o primeiro, pois paulistano é aquele que nasce no município de São Paulo. Paulista é aquele que nasce do estado. Portanto, qual o correto? As duas formas também estão corretas? Marcos converse comigo! 17h02min de 4 de setembro de 2010 (UTC).

Ah, já ia me esquecendo. O trecho está na seção "Demografia", subseção "Etnias", onde há uma parágrafo falando sobre a etnia árabe no município. Marcos converse comigo! 17h05min de 4 de setembro de 2010 (UTC).
Feito. Heitor diz aí! 18h28min de 4 de setembro de 2010 (UTC)
Obrigado! Marcos converse comigo! 21h35min de 5 de setembro de 2010 (UTC).

Cidades-irmãs[editar | editar código-fonte]

AO meu ver, esse é o tipo de informação "bonitinha" de se colocar em artigos de cidades de pequenos porte, mas irrelevantes como no caso de São Paulo. Por serem muitas cidades irmãs, ocupam desnecessariamente espaço aqui e a situação é mais delicada como se pode ver no anexo. Não faz sentido também citar "algumas" cidades-irmãs. Além disso as referências dessa seção são incompletas e apontam leis que já foram outorgados ou substituídas. Giro720msg 23h32min de 8 de setembro de 2010 (UTC)

O clima da cidade não é do tipo Cfa, segundo Köppen[editar | editar código-fonte]

Segundo a classificação climática de Köppen(que a propósito pode ser encontrada na própria Wikipédia),o tipo climático Cfa é aquele em que as chuvas são bem distribuídas durante todo o ano.Entretanto,não é o que se passa na cidade de São Paulo; já que existe, de maneira bem definida, uma estação seca(no inverno), e uma úmida(no verão). Portanto, a sigla deveria ser alterada para Cwa(essa letra "w" indica a ocorrência de uma estação pouco chuvosa).Na sigla atual, a letra "f" de Cfa indica pluviosidade bem distribuída durante todo o ano, que como já foi dito, NÃO é o observado na capital paulista. o comentário precedente deveria ter sido assinado por 187.11.67.17 (discussão • contrib.) Marcos converse comigo! 17h06min de 16 de setembro de 2010 (UTC).

O clima de Sao Paulo deve ser classificado como CFA. A letra W do clima CWA requer que a media de umidade do ar do mes mais seco seja inferior aos 30mm. No caso da cidade de Sao Paulo esta media se encontra sempre superior a este valor, mesmo durante o mes mais seco, portanto, mesmo que a cidade experimente um relativo periodo seco, o clima da cidade deve ser classificado como CFA.--92.2.89.223 (discussão) 10h57min de 10 de maio de 2012 (UTC)

Votação[editar | editar código-fonte]

Acho melhor haver uma modificação da foto principal do artigo, que está muito batida. Para não haver guerras de edição futuras peço que votem na mudança ou permanência da tal montagem.

Nova, com efeitos visuais sutis.
Atual.
Nova, com efeitos visuais sutis.

Desde já obrigado.--PeterLouiz (discussão) 21h06min de 20 de outubro de 2010 (UTC)

Primeiro peço que defina o conceito de "batida". Batida na opinião de quem? Não seriam a Paulista ou o Edifício do Banespa símbolos "batidos" também? A montagem que está atualmente no artigo consta em mais de 19 Wikipédias e foi feita recentemente por mim justamente porque, na antiga, uma das fotos havia sido eliminada pelos administradores do Wikimedia Commons. A colagem do usuário Peter, além de ter sido mal feita (a qualidade das imagens está péssima), conta com imagens que claramente violam direitos autorais (como essa, que, curiosamente, não consta na infobox). Portanto, obviamente Symbol declined.svg Discordo da mudança. Além do mais, na minha humilde opinião, qualquer alteração da montagem deve ser feita diretamente no arquivo atual, assim evitamos que seja necessário alterar a imagem de cada Wikipédia. Heitor diz aí! 21h52min de 20 de outubro de 2010 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo com o Heitor. A principio eu prefiria a imagem sugerida, mas os seus argumentos foram convincentes. x360xSilent LightStep (Contact) 21h58min de 20 de outubro de 2010 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo também com o Heitor. Seria melhor mesmo carregar uma nova versão na imagem, assim, as mudanças geradas nelas iriam aparecer em todas as Wikipédias, sem tais páginas serem editadas. Marcos (discussão), 22h09min de 20 de outubro de 2010 (UTC).

Além do mais, esta não é a primeira vez que uma montagem é trocada. A atual montagem é mais essencial; e ainda que é melhor uma montagem-padrão e única em todas as Wikipédias. Marcos (discussão), 22h11min de 20 de outubro de 2010 (UTC).
Não há grandes motivos para mudanças. Symbol support vote.svg Concordo com o Heitor. Mas desconhecia de que a imagem principal em um artigo da pt.wiki, por exemplo, tinha que ser a mesma em outra Wikipédia. HélioVL (D ¤ C) 22h22min de 20 de outubro de 2010 (UTC)
Não tem Hélio, mas se todas optaram por usar a mesma montagem que a nossa, por que alterar? Abraço. Heitor diz aí! 22h26min de 20 de outubro de 2010 (UTC)
  • Calma gente, não falei que os edifícios e monumentos estão batidos, e sim as fotos. Mudanças são sempre boas. Achei que todas as fotos estavam de acordo com a Commons. Pois quando se esquece de colocar especificação nas fotos, dias depois somos avisados. E convenhamos, é claro que todas as Wikipédias utilizarão a imagem do artigo do país de origem. Grandes motivos não há para mudança, mas queria ajudar a ilustrar o artigo de minha cidade. Mas se a montagem não for "ao ar" não vou morrer por causa disso. Heitor manere na fala.--PeterLouiz (discussão) 22h52min de 20 de outubro de 2010 (UTC) Fiz em baixa qualidade pois pensei que não seria necessário sobrecarregar demais o artigo.--PeterLouiz (discussão) 22h53min de 20 de outubro de 2010 (UTC) Tenho a original da foto em alta resulução também.--PeterLouiz (discussão) 22h54min de 20 de outubro de 2010 (UTC)
"Manere na fala"?! Qual o motivo dessa infeliz frase Pedro? Pareci mal educado para alguém aqui? Cada uma... Heitor diz aí! 23h06min de 20 de outubro de 2010 (UTC)
  • Qual é o motivo? Não se faça de alienado Heitor. Mudando de assunto... Desculpem-me pessoal esqueci de colocar a imagem acima citada, foi falta de atenção mesmo. Ela está em domínio público e não viola os direitos autorais. É esta daqui: Ficheiro:Avenida Paulista Aérea.jpg. Como já dito quero só melhorar o artigo. E se porventura a imagem não for selecionada, tudo bem. O que valeu foi a intenção.--PeterLouiz (discussão) 23h13min de 20 de outubro de 2010 (UTC)
"Alienado"? Mais um adjetivo Pedro? Não vou aguentar seus ataques por muito mais tempo, esteja avisado. Heitor diz aí! 23h15min de 20 de outubro de 2010 (UTC)

Legenda da montagem de São Paulo[editar | editar código-fonte]

A legenda da imagem de São Paulo diz: Do alto, em sentido horário: Ponte Octávio Frias de Oliveira, visão geral da cidade, MASP, CENU, Catedral da Sé e Parque Ibirapuera. Porém, com a nova versão carregada, ela não está errada, de acordo com a nova imagem? Parece que esqueceram de editar o artigo e corrigir a próprio legenda. Portanto, proponho aqui alguém o corrija! Marcos (discussão), 16h28min de 24 de outubro de 2010 (UTC).

Seja audaz! Heitor diz aí! 16h48min de 24 de outubro de 2010 (UTC)

Seja audaz! [2] Silent (Contact) 17h29min de 24 de outubro de 2010 (UTC)

Municípios limítrofes[editar | editar código-fonte]

Acho que os nomes dos municípios deveriam estar escritos numa determinada ordem. Por exemplo, em "sentido horário", de acordo com o mapa da região metropolitana: http://www.sp-turismo.com/imagens/mapa/grande-sao-paulo.jpg

Por exemplo, no artigo estava "Norte: Caieiras, Guarulhos e Mairiporã", quando em ordem coloquei "Caieiras, Mairiporã e Guarulhos". No Leste coloquei "Itaquaquecetuba, Poá e Ferraz de Vasconcelos", e assim por diante. Me perdoem o perfeccionismo.

Não sei se estão de acordo com a mudança. De qualquer modo, seria melhor colocar no artigo pelo menos um mapa da Grande São Paulo, com destaque para a cidade de São Paulo, já que isso daria uma noção melhor ainda da localização. --Laciportbus msg 18h52min de 27 de outubro de 2010 (UTC)

Barueri[editar | editar código-fonte]

No artigo Barueri consta que o município tem limite com São Paulo. Isso procede? Aqui no artigo São Paulo (cidade) não consta essa informação em "Municípios limítrofes"... --Laciportbus msg 20h12min de 27 de outubro de 2010 (UTC)

Foto[editar | editar código-fonte]

Carreguei uma foto no Commons, porém como faz tempo desde a última vez que coloquei fotos lá, não estou conseguindo classificar ela nas categorias correspondentes a São Paulo, peço se alguém puder me auxiliar ou até fazer isso que fique a vontade, acho que ala iria bem para ilustrar o artigo também, segue o link:http://commons.wikimedia.org/wiki/File:S%C3%A3o_Paulo_-_Brazil_-_31-10-2010_%28By_Felipe_Mostarda%29.jpg Asdrubol (discussão) 14h07min de 2 de novembro de 2010 (UTC)

Ignorando o infeliz comentário do Pedro (ou "Peter"), o problema da fotografia vai muito além de qual categoria inserir, Asdrubol. A imagem tem problemas/violação de licença (assim como todas desse tal Felipe Mostarda), além de ser desnecessária e não ajudar em nada na ilustração do verbete. Sinceramente, não sei como lhe ajudar. Heitor diz aí! 14h56min de 2 de novembro de 2010 (UTC)
  • "Esse tal Felipe Mostarda" sou eu, como posso ter violado a licensa de um trabalho feito por mim mesmo?Asdrubol (discussão) 00h27min de 3 de novembro de 2010 (UTC)

Alguém pode me explicar também quem é que decide o que é ou não desnecessário para ailustrar o verbete?Asdrubol (discussão) 00h33min de 3 de novembro de 2010 (UTC)

Em primeiro lugar você tem que provar que é o Felipe Mostarda e, o mais importante, que você realmente é o autor da(s) fotografia(s), o que parece não proceder de acordo com o Wikimedia Commons. Em segundo lugar, não se chega a um artigo destacado (como indica aquela tag gigante ali em cima) e mete uma imagem enorme no meio do texto sem qualquer motivo aparente e/ou justificativa, ao menos sem antes propor isso na discussão para que se alcance uma decisão coletiva. Aí vai um conselho: primeiro cuide das licenças das "suas" fotografias e, depois, venha tentar inserir alguma em qualquer artigo do projeto. Só estamos a zelar pela qualidade do verbete e para que o trabalho, até aqui desenvolvido, não seja prejudicado. Espero que tenha compreendido. Heitor diz aí! 01h29min de 3 de novembro de 2010 (UTC)

1º) Não, não espere que eu digitalize meus documentos e os carregue no commons para te provar algo, definitivamente não tenho por que provar ao senhor que sou quem efetivamenete sou, e caso necessário faria isso somente a uma autoridade.

2º) Somente agora posas de democratico falando de forma conciliadora sobre propor discussão para que se chegue a consensos coletivos acerca do que aportar ou não no vebete, visto que anteriormente o sr foi contundente e absoluto ao afirmar que a foto em questão era desnecessária ao verbete, e eu pergunto, quem lhe delegou autoridade para tal afirmação?

3º) Se dizes que tenho problemas de licença com minhas obras no Commons, tens que ser mais objetivo e dizer do que se trata, visto que ao que parece não dominas muito o assunto, já teria sido mais objetivo caso contrário, sempre que carrego imagens no commons escolho uma das licensas disponíveis, sinceramente não sei do falas. Felipe Mostarda (discussão) 00h02min de 6 de novembro de 2010 (UTC)

Opa, além de carregar imagens que violam direitos autorais no Wikimedia Commons, também faz uso sockpuppets? Devo lhe chamar de Felipe Mostarda ou Asdrubol? rs
Você não tem que provar para mim quem é você ou que as fotos que você carrega são de sua autoria, você tem que provar isso para o próprio Wikimedia Commons. Entendeu? Vou lhe explicar uma coisa meu caro, não adianta pegar um monte de fotos, juntá-las numa montagem, carregar no Commons e dizer que você é o autor, as coisas são um tanto quanto mais complexas do que isso. E depois sou eu quem não domina o assunto... A propósito, já contactei usuários do Commons para verificar seus carregamentos, fique atento.
Quanto à inclusão da "sua" imagem no artigo, se quiser, faça uma proposta aqui e espere a opinião de outros usuários. Passar bem. Heitor diz aí! 00h26min de 6 de novembro de 2010 (UTC)

1º)Poupe seu entusiasmo, entendo que você adoraria que eu estivesse com medo por ter feito algo errado ou ilícito, mas não, não fiz, e nem é do meu feitio, "meu caro", as fotos da montagens que faço SÃO TODAS DE MINHA AUTORIA", já deixei de juntar fotos minhas com as de outros autores em edições que adoraria ter feito, devido ao direito autoral (que tem mesmo que ser respeitado), só pra constar estou absolutamente tranquilo e não tenho que "estar atento" como você recomenda.

2º)Não disse em momento nenhum que iria provar ao ao Sr, por que faria isso? Disse sim, que, faria isso a quem fosse de direito, E, caso fosse necessário, leia mais atentamente o que é postado, e não parta direto para suas conclusões precipitadas.

3º)Tirar fotos de São Paulo e posta-las aqui e em outros sites é um hobby que tenho, pouco cultivado ultimamente, devido ao tempo escasso e coisas mais interessantes para me dedicar, porém se isso aqui é a razão de sua vida, utilize toda sua "influência" rs para banir meu login e deletar minhas fotos, já que te encomodamos tanto, alias, é incrivel fragilidade da wikipédia nessa questão, qualquer um consegue ter várias contas e burlar banimentos e suspenssões, nem sei pra que suspender ou banir as pessoas aqui, se é tão fácil voltar com outra conta, "passar bem"Felipe Mostarda (discussão) 23h49min de 14 de novembro de 2010 (UTC)

Citação: Felipe Mostarda escreveu: «...definitivamente não tenho por que provar ao senhor que sou quem efetivamenete sou...» preciso dizer mais alguma coisa? A propósito, depois desse "encomodamos", prefiro não responder mais suas mensagens. Heitor diz aí! 01h41min de 15 de novembro de 2010 (UTC)

Remoção de predefinição[editar | editar código-fonte]

No início de julho deste ano, criei esta predefinição que incluí neste artigo, em São Paulo e em outros 49 artigos. Porém, pelo que já vi, existe a Predefinição:Subdivisões de São Paulo, que já trata do assunto. Posso retirar a predefinição cirada por mim mesmo dos artigos, ou não? Marcos (discussão), 00h32min de 8 de novembro de 2010 (UTC).

Claro. Predefinição redundante. Aproveita e manda ela pra ER7. Silent (Contact) 18h01min de 8 de novembro de 2010 (UTC)


Habitação e uso do espaço urbano[editar | editar código-fonte]

Troquei a foto antiga por uma foto mais "realista", incluindo os três padrões habitacionais existentes na cidade: condomínios de luxo, casario de classe média e favelados. Explico: a foto anterior, mostrando a favela do lado do condomínio de luxo, tem dois problemas: é um caso isolado dentro da realidade de São Paulo (que, sabidamente, tem espaços muito bem delimitados em relação às classes sociais, diferentemente do que ocorre no Rio de Janeiro, por exemplo), e a referida favela está em processo de demolição e urbanização - logo, essa imagem não representa mais uma cena real da cidade. Fábio (discussão) 14h44min de 15 de dezembro de 2010 (UTC)

Favelas[editar | editar código-fonte]

Como aparentemente passarei o resto da minha vida impedido de editar esse artigo graças à incompetência do Conselho de Arbitragem, peço a algum editor que por favor inclua o artigo Favelas na cidade de São Paulo na seção "ver também". Dornicke (discussão) 00h41min de 6 de janeiro de 2011 (UTC)

Feito [7]! Como assim você está impedido de editar esse artigo, Dornicke? Heitor diz aí! 01h29min de 6 de janeiro de 2011 (UTC)
Obrigado, Heitor. O usuário RafaAzevedo alegou que esse artigo é objeto das minhas edições supostamente problemáticas e alvo do que ele acredita ser "padrão de POV-Pushing por meio de guerra de edições", por isso fui impedido de editá-lo pelo Conselho de Arbitragem. Permaneceri filtrado, portanto, até que o Conselho julgue o caso... Dornicke (discussão) 01h41min de 6 de janeiro de 2011 (UTC)

Mapa do Brasil[editar | editar código-fonte]

Esse mapa do Brasil é realmente necessário? É claro que eu não vou retirar o mapa de localização em todos os artigos sobre municípios do Brasil. Exemplos como Águas de São Pedro e Santa Cruz de Minas são exceções, por serem muitos pequenos (olhando os artigos), mas Sâo Paulo é um município muito grande, aliás é o nono maior do estado. O mapa do Brasil como citei no histórico, tem em vermelho o estado onde se localiza (no caso de São Paulo, o mapa do Brasil está com SP em vermelho). Eu também achava estranho de aquele mapa, onde acabei retirando a opção de alguns artigos como aqui e aqui, mas, depois de eu receber uma explicação passei a concordar, mas é claro existam raras exceções como aqui. Portanto, o mapa é realmente necessário ou não? Marcos 18h08min de 30 de janeiro de 2011 (UTC)

Por essas e outras que deixei a proposta de inclusão desse mapa por dias na Predefinição Discussão:Info/Município do Brasil e adivinhem só, não obtive resposta. Acho apagado o mapa do Brasil que aparece nas imagens utilizadas atualmente e o que parece ser "óbvio" ou "redundante" para nós brasileiros, pode não ser para pessoas de outras nacionalidades, como ilustrou o Darwinius D​ C​ E na discussão da predefinição: "Eu como português sentia muito a falta desse mapa do Brasil, para poder facilmente localizar os lugares." Portanto, Marcos, peço que pare de ocultar os mapas nos artigos de municípios como anda fazendo, visto que, além de subjetivo, seu critério sequer foi discutido com outros editores. Esse mapa foi posto na predefinição por um motivo, portanto respeite-o. Cumprimentos cordiais. Heitor diz aí! 22h25min de 30 de janeiro de 2011 (UTC)
Acabo de ver que o seu critério de "tamanho territorial do município" não vale de nada. Lamentável alguém perder tempo para fazer esse tipo de coisa. Estou revertendo as suas edições indevidas. Heitor diz aí! 23h12min de 30 de janeiro de 2011 (UTC)
  • Concordo com o Heitor, para nós, brasileiros, é óbvio que a cidade de São Paulo está localizada no Sudeste do país, no estado de São Paulo. Mas, para moradores de outras localidades lusófonas isso não é amplamente conhecido. Tenha por exemplo Paris, uma das cidades mais conhecidas do mundo. Se eu te desse um mapa da França, você saberia me informar com precisão a localização dessa cidade? Acho que não.--PeterLouiz (discussão) 23h32min de 30 de janeiro de 2011 (UTC)
Então tudo bem. Vou aceitar. Só que existem alguns mapas que estão ocultos algum tempo, como em Ourinhos, e neste artigo ainda está, portanto que você retire, eu não vou retirar! Peço desculpas pelo meu erro! Marcos 23h58min de 30 de janeiro de 2011 (UTC)
Você deveria retirar a opção "ocultar mapa" ao menos nos artigos em que você a incluiu, Marcos, mas enfim, já estou fazendo isso. Entenda que essa opção deve ser aplicada apenas em casos raríssimos, como Brasília. Fico feliz que tenha entendido a situação. Heitor diz aí! 00h07min de 31 de janeiro de 2011 (UTC)
Aliás também estou até com "medo" de editar todos esses artigos. Indiquei alguns em sua página de discussão. Além daqueles: todos os municípios da microrregião de Pau dos Ferros e microrregião da Serra de São Miguel. Ainda bem que entendeu o que disse em Brasília. Marcos 00h11min de 31 de janeiro de 2011 (UTC)
Não entendo, se você teve tempo e paciência para ocultar os mapas de diversos artigos, porque eu devo "desocultar" as imagens? O erro foi seu, poderia ao menos me ajudar nesse trabalho. Heitor diz aí! 00h14min de 31 de janeiro de 2011 (UTC)
Tudo bem. Marcos 00h15min de 31 de janeiro de 2011 (UTC)
Ah, quando eu disse: Discuta isso também com o HélioVL, pois ele às vezes também faz isso., é porque eu não sabia que tinha esse negócio de ocultar mapas, foi porque ele me avisou sobre isto. Marcos 00h20min de 31 de janeiro de 2011 (UTC)
Ok, já deixei uma mensagem para ele também. Heitor diz aí! 00h22min de 31 de janeiro de 2011 (UTC)
Vi. A propósito, em caso como esse porque reverteu também a distância dos outros municípios até a capital do estado? Marcos 00h25min de 31 de janeiro de 2011 (UTC)

Devo ter revertido junto, sem querer. Heitor diz aí! 00h27min de 31 de janeiro de 2011 (UTC)

Ok, então vou verificar todas as suas versões e vou editar os artigos para reinserir a distância dos municípios até a capital do estado. Há alguns dias atrás também inseri o parâmetro "dist_capital_ref" para isso. Marcos 00h30min de 31 de janeiro de 2011 (UTC)

Transportes e acesso[editar | editar código-fonte]

Pessoal, o artigo sequer fala sobre o acesso ao município. Poderia pelo menos mencionar o Terminal Rodoviário Tietê (o maior do país) e rodovias importantes que passam pela cidade, como a Dutra, a Imigrantes e a Bandeirantes. Devo acrescentar essas informações? --Laciportbus msg 02h14min de 31 de janeiro de 2011 (UTC)

Sim, claro. São informações necessárias, mas lembre-se de adicionar as fontes. Se precisar de ajuda, pode chamar. Abraço. Heitor diz aí! 02h32min de 31 de janeiro de 2011 (UTC)

Feito --Laciportbus msg 04h21min de 31 de janeiro de 2011 (UTC)

População da Região Metropolitana de São Paulo[editar | editar código-fonte]

Qual é a população da Região Metropolitana de São Paulo? Segundo dados do IBGE, a população é de 19 672 582, não de 19 223 897 habitantes. --Marcos 15h55min de 18 de fevereiro de 2011 (UTC)

Perda do destaque[editar | editar código-fonte]

A situação atual do artigo está muito aquém do atual padrão para artigos destacados. O motivo é simples: muitos trechos sem fontes, até seções inteiras. Acho interessante coloca-lo para revalidação, mas antes aviso aos usuários que mantém o artigo para que este possa ser melhorado. Prowiki (discussão) 22h32min de 11 de março de 2011 (UTC)

É só adicionar referências que o artigo será mantido com o estatuto. --Marcos fala! 23h19min de 11 de março de 2011 (UTC)
Pelo o que vi, os maiores problemas estão nas seções "História" e "Geografia". Entretanto, não é caso para abrir um pedido de revalidação, visto poucos ajustes podem resolver as falhas. Qualquer ajuda é bem-vinda. Heitor diz aí! 23h42min de 11 de março de 2011 (UTC)
Concordo com os dois, por isso acho melhor dar um tempo para que as fontes possam ser colocadas. Prowiki (discussão) 23h49min de 11 de março de 2011 (UTC)

Mobilidade urbana e acessibilidade[editar | editar código-fonte]

Em Mobilidade urbana e acessibilidade, onde consta, por exemplo "Dutra (acesso ao Vale do Paraíba e ao Rio de Janeiro)", sinto que o texto não está muito adequado. Sei que fui eu mesmo que escrevi tudo aquilo, mas não sei de que forma poderia escrever melhor. O que acham? Deveríamos remover as informações entre parênteses? Ou então fazer uma tabela com as principais rodovias e seus destinos? --Laciportbus msg 05h26min de 13 de março de 2011 (UTC)

Extreme makeover[editar | editar código-fonte]

Ao contrário de dado oficial, latrocínios cresceram em São Paulo - Folha.
"Os latrocínios na cidade de São Paulo subiram ao menos 16%, informa reportagem de André Caramante publicada na edição da Folha deste sábado (íntegra disponível para assinantes do jornal e do UOL). A estatística oficial do governo do Estado apontava para queda de 12%, mas ao menos sete casos ficaram de fora da contabilidade.
O chefe da Polícia Civil, delegado Marcos Carneiro Lima, admitiu ontem que há uma falha nos registros de boletins de ocorrências que precisa ser corrigida para evitar distorções."
Proponho inclusão de nota no artigo, ao menos para relativizar a confiante ênfase do artigo nas estatísticas do governo paulista... Dornicke (discussão) 07h24min de 1 de maio de 2011 (UTC)

Nome do artigo[editar | editar código-fonte]

Entendo que este artigo é de maior relevância que o artigo do estado de São Paulo.

Internacionalmente, a cidade é conhecida. O estado nem tanto.

Por este motivo, acho que seria melhor se o nome deste artigo fosse São Paulo e do artigo referente ao estado, fosse São Paulo (estado).

As mesmas considerações são feitas para o estado e cidade do Rio de Janeiro.

WBV1986 (discussão) 21h22min de 12 de maio de 2011 (UTC).

Semiproteger esta página já[editar | editar código-fonte]

Vandalismos de IPs acontecem com bastante frequência desde sempre nessa página. Não sei porque ainda não semiprotegeram. - Eduardo Sellan III (discussão) 02h25min de 24 de maio de 2011 (UTC)

Para esse tipo de pedido existe essa página. Heitor diz aí! 03h27min de 24 de maio de 2011 (UTC)