Dom Um Romão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Dom Um Romão (Rio de Janeiro, 3 de agosto de 1925 - 26 de julho de 2005) foi um instrumentista (baterista e percussionista) e compositor ligado ao começo da Bossa Nova.

São marcantes suas participações nos álbuns: Canção do Amor demais, considerado marco inicial para o movimento da Bossa Nova; Francis Albert Sinatra & Antonio Carlos Jobim e Wave com Tom Jobim. É considerado, com João Gilberto, um dos inventores da batida da Bossa Nova. Foi Dom Um quem primeiro apresentou Elis Regina no Beco das Garrafas, reduto de músicos e boêmios do Rio de Janeiro. Fez parte também do Weather Report, veteranos do Fusion

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • 1965 Dom Um Phillips
  • 1972 Dom Um Romão Muse
  • 1973 Spirit of the Times Muse
  • 1974 Braun-Blek-Blu (Happy Bird)
  • 1977 Hotmosphere Pablo
  • 1990 Samba de Rua Vogue
  • 1993 Saudades Waterlilly
  • 1999 Rhythm Traveller JSR/Natasha
  • 2001 Perseverance JSR/Irma
  • 2002 Nu Jazz meets Brazil JSR/Cuadra

Ligações externas[editar | editar código-fonte]