Don't Stop 'Til You Get Enough

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Don't Stop 'Til You Get Enough"
Single de Michael Jackson
do álbum 'Off the Wall'
Lado B "I Can't Help It"
Lançamento 28 de Julho de 1979
Formato(s) Single play, cassete, CD single
Gravação 1978 - 1979
Westlake Studios
Los Angeles, Califórnia
Gênero(s) Pop, disco, funk
Duração 6:05 (versão do álbum)
4:11 (versão do videoclipe)
3:55 (versão single)
Gravadora(s) Epic
CBS
Composição Michael Jackson
Produção Michael Jackson
Quincy Jones
Informações sobre o vídeo musical
Gravação 1979
Los Angeles, Califórnia
Lançamento 26 de Outubro de 1979
Diretor(es) Nick Saxton
Duração 4:12
Cronologia de singles de Michael Jackson
Último
Último
"A Brand New Day"
(1979)
"Rock with You"
(1980)
Próximo
Próximo
Amostra de áudio
informação do ficheiro · ajuda

"Don't Stop 'Til You Get Enough" é uma canção dos gêneros pop/disco do famoso cantor e compositor americano Michael Jackson. Lançado pela Epic Records em 28 de Julho de 1979, para o quinto álbum de estúdio em carreira solo do cantor, Off the Wall, figura como o primeiro single solo de Jackson em idade adulta e o primeiro lançado para promover o álbum.

Foi a primeira música de Jackson em que ele assumiu o controle criativo, compondo-a e co-produzindo-a. Apesar de parecer, Michael disse que a canção não fala sobre sexo. "Don't Stop 'Til You Get Enough" foi a primeira música de Jackson a atingir o número um em sete anos (desde "Ben", lançada em 1972, ainda pela Motown), e seu primeiro #1 em fase adulta. A canção também rendeu a Jackson seu primeiro Grammy (na categoria de "Melhor Performance Vocal Masculina de R&B") e American Music Awards (como "Melhor Single de Soul/R&B") de sua carreira.

Antecedentes[editar | editar código-fonte]

Em 1977, Michael participou do longa-metragem The Wiz — uma adaptação do clássico livro infantil The Wonderful Wizard of Oz, estrelado apenas com artistas negros e ambientado na cidade de Nova York —, como o corajoso Espantalho. Durante as filmagens, o cantor se aproximou de Quincy Jones — famoso e respeitado empresário e produtor do meio fonográfico —, que atuava como diretor musical do filme.

Devido ao respeito e a admiração que Michael tinha por Quincy, o cantor decidiu pedir conselhos a ele, sobre "qual produtor Jones indicaria para trabalhar em seu mais novo álbum solo". Para surpressa de Michael, Quincy sugeriu ele próprio.

Logo após o término das filmagens de The Wiz, em dezembro de 1977 — e depois de trabalhar com os irmãos em mais um álbum do grupo, Destiny —, Michael e Jones começaram a trabalhar no quinto álbum em carreira solo de Jackson, Off the Wall — figurando como o primeiro lançado por Michael em sua idade adulta, e, efetivamente, o primeiro em que Jackson realmente se envolvia, tanto no processo de composição como no de produção.

Música[editar | editar código-fonte]

"Don't Stop 'Til You Get Enough" é uma faixa de Disco Music lançada no final do movimento. "Não pare até que esteja satisfeito" foi descrito como tendo um "tom libidinoso". A canção começa com um sussuro em um tom sex, logo depois Jackson grita um "Ouww", uma marca vocal de Diana Ross que acabaria se tornando uma marca vocal de Jackson também, assim como os falsetes que lembram as canções disco dos Bee Gees, e os soluços. Jackson gravou o próprio backvocal da música, algo que se repetiria em todos os álbuns solo posteriores do cantor. Esse feito foi possível devido a grande extensão vocal do cantor, de 3.9, algo raro, até mesmo entre cantores famosos por suas potências vocais.

Em 1982, ano que Michael lançou com êxito o álbum Thriller, a música "Don't Stop 'Til You Get Enough" teve uma adaptação instrumental do trompetista canadense Maynard Ferguson e orquestra, para o álbum Hollywood. Conhecido aqui no Brasil como a trilha principal de abertura do programa Vídeo Show da Rede Globo desde 20 de março de 1983.

Videoclipe[editar | editar código-fonte]

O videoclipe de "Don't Stop 'Til You Get Enough" foi dirigido por Nick Saxton e fez sua estreia mundial em 1979. Diferente do material produzido por Jackson nos anos posteriores, "Don't Stop 'Til You Get Enough" não tem nada de inovador, sendo um típico clipe de música disco. A grande atração do clipe é o sorriso e espontaneidade de Michael, além de seu smoking e o efeito de triplicação da imagem.

Performances ao vivo[editar | editar código-fonte]

Essa música foi executada no turnê do Jacksons, Triumph Tour. Nos turnês Victory e Bad (primeiro turnê solo), cantou apenas o refrão dentro da música "Shake your body (down to the ground)". E voltou a ser executado no HIStory World Tour como parte do medley Off the Wall. E essa canção iria incluir como interlude para o turnê This Is it.

Posições[editar | editar código-fonte]

  • UK Chart: #03
  • Australia: #01
  • US Chart: #01

Covers[editar | editar código-fonte]

Diversos artistas e bandas já fizeram cover de "Don't Stop 'Til You Get Enough". Abaixo, alguns deles:

  1. Maynard Ferguson e orquestra (1982)
  2. James Chance & The Contortions (1991)
  3. Melissa Ellen (2004)
  4. Shivaree (2007)
  5. Julian Coryell (2008)

Remixes[editar | editar código-fonte]

Os remixes Masters at Work e Roger’s Underground Club Solution contém ambos vocais inéditos e improvisos não ouvidos originalmente na versão original do álbum. Isso é porque os DJs geralmente tem acesso às "master tapes" da canção para produzirem seus remixes.

  1. Album Version – 6:03
  2. Video Edit - 4:12
  3. 7" Edit/Short Version - 3:56
  4. Original 12" Version/Long Version - 5:55
  5. Masters At Work Remix - 7:48
  6. Roger's Underground Club Solution - 6:20
  7. Original Demo From 1978 - 4:48
  8. Illicit Vocal Club - 7:16


Ícone de esboço Este artigo sobre um single de Michael Jackson é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.