Donald Malarkey

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde novembro de 2012).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Donald Malarkey

Donald Malarkey nasceu em Astoria, Oregon, Estados Unidos, em 1921. Ele estava no primeiro semestre da Universidade do Oregon em 1941 quando o Japão atacou a base naval de Pearl Harbor. Após o ataque, Malarkey tentou alistar-se nos Marines mas foi recusado em função de problemas com seus dentes. Mais tarde tentou alistar-se no Air Corps (Divisão Aérea do Exército que deu origem à USAF - Força Aérea norte-americana), mas faltavam-lhe conhecimentos de matemática. Quando ele foi selecionado em julho de 1942, ele ofereceu-se como voluntário para os para-quedistas do exército norte-americano, tornando-se membro da Easy Company, 2º Batalhão, 506º Regimento de Infantaria de Pára-Quedistas da 101ª Divisão Aerotransportada. Ele recebeu a Bronze Star Medal por seu envolvimento na tomada de Brécourt Manor no Dia-D na Normandia. Mais tarde, foi promovido a sargento na própria Easy Company e serviu sob o comando do tenente Richard Winters. Malarkey envolveu-se em combate na Normandia, Operação Market Garden na Holanda, Bastogne na Bélgica e também na Alemanha.

Na mini-série de 2001, Band of Brothers, ele foi interpretado pelo ator Scott Grimes. Ele foi mencionado no livro Band of Brothers de autoria do historiador Stephen E. Ambrose. Em 2005 ele e Lynn "Buck" Compton apareceram numa campanha contra impostos estaduais que atingiam 47%.

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.