Dragon Ash

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Dragon Ash
Informação geral
País Tóquio,  Japão
Gênero(s) Rock Alternativo
Drum and Bass
Hip Hop
Reggae
Período em atividade 1997 – atualmente
Gravadora(s) Victor Entertainment
Página oficial dragonash.co.jp
Integrantes
Kenji Furuya
Ikuzo Baba
Makoto Sakurai
Bots
Hiroki
Atsushi
Dri-V

Dragon Ash (ドラゴンアッシュ) é uma banda japonesa que funde punk, rock alternativo, reggae e hip-hop com influências hispânicas, estabelecendo um gênero denominado no Japão de "mixture-kei".

Parte do apelo do Dragon Ash (e do hip hop japonês em geral) são as letras positivas com foco em idéias de como seguir seus sonhos e ser sincero com seus amigos e família, ao invés do estilo gangues, armas e violência, temas do "Gangsta Rap" Americano.

História[editar | editar código-fonte]

A banda foi formada por volta de 1996, no início não havia influência do hip hop, eles tocavam basicamente punk e rock progressivo. A força criativa por trás deles está no vocalista e guitarrista, Kenji Furuya, filho do famoroso ator japonês Ikko Furuya. Em 1995, com 16 anos, Kenji atuou em "Gerende ga Tokeru Hodo Koi Shitai", depois disso decidiu que a música era o que ele queria.

Junto com seu amigo de colégio, o baterista Makoto Sakurai, ele organizou uma audição para selecionar membros e recrutou Ikuzo Baba como baixista. Baba na época tinha 29 anos, o mais velho dos três, seus 10 anos de experiência foram vitais com seus conselhos em como entrar no negócio da música.

A estréia ao vivo veio no Clube Citta em Kawasaki em agosto de 1996, e no ano seguinte eles assinavam com a gravadora Victor Entertainment. Depois de lançar duas músicas de razoável sucesso, o trio fez experiências com seus próprios gostos musicais como o rap e a dance music vinda dos Estado Unidos. DJ Bots foi convidado para se unir a banda na turnê de 1997, e sua habilidade nos toca discos foi mostrada na música "NJ Soul", junto ao primeiro álbum completo do Dragon Ash, Mustang!.

Em 1998 DJ Bots foi reconhecido como um membro permanente da banda, e em setembro eles lançaram Buzz Songs, seu segundo álbum. Ali eles descobriram o segredo do sucesso, a união da sensibilidade da guitarra do rock combinada ao hip hop, apresentado com paixão e habilidade. Eles finalmente bateram as portas da classificação de suecessos da Oricon com os singles "Let Yourself Go. Let Myself Go", "I Love Hip Hop", e a música que viria a ser seu hino, "Grateful Days".

Em Julho de 1999 ele lançaram um álbum de enorme sucesso chamado Viva La Revolution. Com uma grande parte das letras escrita em inglês; refletindo seu internacionalismo, mas sem a ambição de tentar conquistar o mercado fora do Japão. Dragon Ash e seus produtores não tem planos de tentar quebrar a grandes trincheiras do mercado norte americano.

Dentro do Japão o Dragon Ash continua com sua trajetória de sucesso, com alguns flashes internacionais, como a música "Fantasista" uma das músicas tema da Copa do Mundo de 2002 e recentemente com "Resound" música que fez parte do filme Velozes e Furiosos - desafio em Tóquio em 2006.

Membros[editar | editar código-fonte]

  • Kenji "Kj" Furuya – vocal, violão, guitarra
  • Ikuzo "Iküzöne" Baba – baixo
  • Makoto Sakurai – bateria
  • Bots – DJ, samples, entrou em 1999
  • Hiroki – guitarra, entrou em 2003
  • Atsushi – dance, entrou em 2003
  • Dri-V – dance, entrou em 2003

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns[editar | editar código-fonte]

Singles[editar | editar código-fonte]

EPs[editar | editar código-fonte]

Coletâneas[editar | editar código-fonte]

Álbuns Split[editar | editar código-fonte]

VHS[editar | editar código-fonte]

  • 1998: Buzz Clips
  • 2001: Lily Da Video
  • 2003: Posse In Video

DVD[editar | editar código-fonte]

  • 2001: Buzz Clips
  • 2001: Lily Da Video
  • 2003: Posse In Video
  • 2005: Video de Emoción
  • 2007: The Best Of Dragon Ash With Changes

Ligações externas[editar | editar código-fonte]