Dromaius ater

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Como ler uma caixa taxonómicaEmu-negro
Na foto animal similar (Dromaius baudinianus ou nome popular de Emu da ilha kangaroo)

Na foto animal similar (Dromaius baudinianus ou nome popular de Emu da ilha kangaroo)
Estado de conservação
Status iucn3.1 EX pt.svg
Extinta
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Struthioniformes
Família: Dromaiidae
Género: Dromaius
Espécie: Dromaius ater
Nome binomial
Dromaius ater
(Vieillot, 1817)
Sinónimos
  • Dromaius novaehollandiae minor
    Spencer, 1906
  • Dromaius bassi
    Legge, 1907
  • Dromaius spenceri (partim)
    Mathews, 1912
  • Dromaius novaehollandiae ater

Emu-negro (Dromaius ater) é uma subespécie extinta de ave struthioniforme da família Dromaiidae[1] . Era endémica da ilha King (Austrália). Extinguiu-se no início do século XIX devido à ação dos colonizadores. Era mais escura e bastante mais pequena que o emu-comum.

Extinção[editar | editar código-fonte]

Foi descoberta pela expedição Baudin em 1802. Dois exemplares foram levados para França em 1804 e criados em cativeiro no Jardim das Plantas. O último exemplar morreu em 1822. Uma destas aves continua em exibição, sendo mostrada dissecada no Museu Nacional de História Natural. No momento da morte do último exemplar cativo todas as aves tinham sido exterminadas no seu meio natural, ou por caçadores ou pelos incêndios iniciados pelos marinheiros visitantes.

Referências