Duncan I da Escócia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde outubro de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Donnchad mac Crínáin

Duncan I (15 de Agosto de 1001 - 14 de Agosto de 1040) foi rei da Escócia, filho de Crimus ou Crinan, Mormaer de Atholl e abade laico de Dunkeld, e de Bethoc ou Beatriz, primogênita do rei Malcolm II e herdeira de Scone. É mais conhecido como personagem da tragédia de William Shakespeare, Macbeth.

Reinado.[editar | editar código-fonte]

Apelidado 0 Doente, foi rei em 1034 como sucessor do avô materno Malcolm II (954-1018), o que teria enfurecido Macbeth da Escócia, da Casa de Moray (c.1005 - 1057), igualmente neto de Malcolm, com esperanças de suceder ao avô.

Como Rex Cumbrorum foi o primeiro exemplo de herança do trono escocês por linha direta. Foi o autor da reunião dos quatro reinos tribais existentes.

Não difere muito do retrato que dele fez William Shakespeare: era tolo e não particularmente efetivo e se deixou vencer por noruegueses e por nortumbrianos. Macbeth formou uma aliança com o conde ou Earl of Orkney, primo de ambos, e derrotou e matou Duncan em seu castelo de Inverness, nos arredores de Forbes. O filho de Duncan, Malcolm Canmore (c. 1031-1093) só pode suceder ao pai no trono depois de derrotar MacBeth e seu filho Luloch.

Descendência[editar | editar código-fonte]

Casou-se por volta de 1030 com Aelflaed ou Sibila da Nortúmbria, que seria talvez filha de Siward Digera, Conde da Nortúmbria (por sua vez filho de Bjorn Bearsson) ou de Ealred ou Siward de Nortumberlândia, Conde da Nortumberlândia, e Aelflaed da Bernicia.

Tiveram três filhos:

  • 1 - Malcolm III (1031-1093) chamado Caennmor, Canmore, ou Cabeça Grande, rei da Escócia em 1058.
  • 2 - Donaldo III ou Donald VIII apelidado Bane, Ban ou Louro (c. 1033-1099). Rei de 1093 a 1094 e de novo até 1097. Sucedido por seu sobrinho Edgar, filho de Malcolm III, acima.
  • 3 - Margarida (c. 1053-1110). Não aparece em muitas linhagens; em outras aparece casada com o Aetheling Edgar, Rei da Inglaterra em 1066 escolhido pelo Witan por morte Haroldo II, mas não coroado, morto em 1126; filho do Aetheling Eduardo, o Proscrito e Agata de Saxe, parente do Imperador Henrique II.
  • 4 - Mælmuir em escocês,Melmare em português, conde de Atholl, tronco dos Condes de Atholl, Conde das Órcades.

Personagem de ficção[editar | editar código-fonte]

Na tragédia shakespeariana, Duncan é retratado como um velho e bondoso rei, assassinado pelo jovem primo Macbeth. Na realidade, Duncan era mais jovem que Macbeth, e não foi morto à traição, mas depois de ter sido vencido em uma guerra aberta pelo pretendente ao trono.

Precedido por
Malcolm II
Rei da Escócia
1034 - 1040
Sucedido por
Macbeth