Duque Bacelar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Duque Bacelar
Bandeira desconhecida
Brasão desconhecido
Bandeira desconhecida Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 1 de janeiro
Fundação 1 de janeiro de 1955
Gentílico bacelarence
Prefeito(a) Flávio Furtado[1] (PSD)
(2013–2016)
Localização
Localização de Duque Bacelar
Localização de Duque Bacelar no Maranhão
Duque Bacelar está localizado em: Brasil
Duque Bacelar
Localização de Duque Bacelar no Brasil
04° 09' 21" S 42° 56' 38" O04° 09' 21" S 42° 56' 38" O
Unidade federativa  Maranhão
Mesorregião Leste Maranhense IBGE/2008[2]
Microrregião Coelho Neto IBGE/2008[2]
Municípios limítrofes Coelho Neto, Chapadinha, Buriti e o estado do Piauí
Distância até a capital Não disponível
Características geográficas
Área 317,924 km² [3]
População 10 634 hab. IBGE/2010[4]
Densidade 33,45 hab./km²
Altitude 35 m
Clima 38 graus
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,54 baixo PNUD/2000[5]
PIB R$ 25 794,704 mil IBGE/2008[6]
PIB per capita R$ 2 409,82 IBGE/2008[6]
Página oficial

Duque Bacelar é um município brasileiro do estado do Maranhão.

Localiza-se na microrregião de Coelho Neto, mesorregião do Leste Maranhense. O município tem cerca de 10 mil habitantes e 310 km². Foi criado em 1 de janeiro de 1955. Desmembrado do município de Coelho Neto, de acordo com o Dec Lei nº 1.294, datado de 7 de dezembro de 1954, pelo Governador do Estado do Maranhão, Dr. Eugênio Barros e publicado no Diário Oficial nº 275, de 10 de dezembro de 1954.

História[editar | editar código-fonte]

De acordo com a “Enciclopédia dos Municípios Brasileiros” volume XV, de autoria do IBGE, a cidade de Duque Bacelar, deu-se exclusivamente a interesse particulares de duas famílias de destaque no município de Coelho Neto.

O clã dos “Bacelar” cuja geração é considerada autóctone, era de maior influência do município. Vindo do Alto Sertão Maranhense, o capitalista José de Ribamar Oliveira com sua família, estabeleceu-se no povoado “Garapa”, durante 15 anos, sem maiores problemas com a família Bacelar.

Com a morte do chefe do clã, o coronel Raimundo de Melo Bacelar, em 1954, começou o desentendimento entre as duas famílias o que veio originar a criação do município de Duque Bacelar, pelo desmembro, os separativistas, visto contar com a influência política e o prestígio de um dos membros que na época era Deputado Estadual.

O topônimo “Duque Bacelar”, foi dado ao novo município em homenagem póstuma ao coronel Raimundo Melo Bacelar, conhecido pela alcunha “Duque Bacelar”.

O referido municípo vive com os mais complexos problemas administrativos, é Duque Bacelar, um protótipo dos município maranhense fundado sem a menor condição, apenas para satisfazer caprichos político sempre foi formada com base no prestígio familiar havendo sempre maior possibilidade de poder para os de melhor situação econômica.

Referências

  1. Resultado Final eleições 2012 no Maranhão. Página visitada em 13/01/2013.
  2. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  3. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  4. Censo Populacional 2010 Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Página visitada em 11 de dezembro de 2010.
  5. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  6. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 11 dez. 2010.