Duracell

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox important.svg
Este artigo ou seção parece estar escrito em formato publicitário.
Por favor ajude a reescrever este artigo para que possa atingir um ponto de vista neutro, evitando assim conflitos de interesse.
Para casos explícitos de propaganda, em que o título ou todo o conteúdo do artigo seja considerado como um anúncio, considere usar {{spam}}, regra n° 6 da eliminação rápida.

Duracell é uma marca internacional de pilhas alcalinas, comercializada pela P&G - Procter & Gamble. A Duracell lançou no mercado os formatos de pilha AAA, nos anos 50, e o AA, nos anos 60. Tornou-se marca da Procter & Gamble em 2005. Sua matriz está localizada em Cincinnati, Ohio, mas possui filiais em diversas regiões dos Estados Unidos da América, Ásia, Europa e América Latina.

História[editar | editar código-fonte]

A Duracell teve início com a parceria do cientista Samuel Ruben e do empreendedor Philip Rogers Mallory, que se encontraram nos anos 20. Ruben procurou a P. R. Mallory and Co. Inc., que produzia células de mercúrio para equipamentos de uso militar, a fim de encontrar uma peça que faltava para sua experiência.

Durante a Segunda Guerra Mundial, Ruben projetou a primeira pilha de mercúrio, que armazenava mais energia em um espaço menor e apresentava uma durabilidade bem maior que a da pilha de zinco-carbono — que muitas vezes não funcionava em lugares como o Norte da África e o Pacífico Sul. A P.R. Mallory fabricou milhões de pilhas de mercúrio que foram utilizadas durante a guerra. Logo após esse período, a Mallory Battery Company se formou.

Nos anos 50, Samuel Ruben iniciou a fabricação de pilhas alcalinas, mais compactas e duráveis. Foi quando a empresa Kodak lançou câmeras fotográficas com flash, que exigiam mais energia do que as pilhas zinco-carbono podiam oferecer. Ruben criou, então, as pilhas alcalinas em outro tamanho, a AAA (palito), que atendia às necessidades das câmeras.

Em 1964, a marca Duracell chegou ao mercado, como a junção das palavras "durable" e "cell" (pilha durável, em inglês).

Produtos[editar | editar código-fonte]

A linha Duracell é composta por pilhas alcalinas, pilhas ultra e pilhas de lítio de alta potência.

As pilhas alcalinas têm diferentes tamanhos: AA, AAA, C, D, CR2, 9V, 21-23, PX76A, DL1/3N, DL123 e DL245. Formatos menos usados também são fabricados, como o AAAA, utilizados principalmente em pagers, lanternas e medidores de glicose, e o tamanho J, presente em aparelhos hospitalares.

Em julho de 2008, foi lançada no Brasil a pilha Duracell Power Pix, desenvolvida para câmeras fotográficas digitais, no tamanho AA (pequena), juntamente com a Duracell Ultra M3, indicada para uso em aparelhos de alta tecnologia, como jogos portáteis e tocadores de MP3. No mesmo mês, a marca entrou no mercado de pilhas recarregáveis, com produtos que vêm pré-carregados de fábrica. Um carregador de pilhas também foi lançado.

A Duracell também possui uma linha de lanternas (para ambientes externos e internos).

No processo de fabricação das pilhas Duracell não há adição de mercúrio, cádmio ou chumbo.[1]

Durabilidade[editar | editar código-fonte]

A durabilidade das pilhas varia com a versão, porém a P&G é muito criticada por veicular que sua pilha "dura até 8X mais" do que as pilhas comuns de zinco da concorrência, já que uma única carga de pilha recarregável NiMH pode chegar a 2300 mAh, contra 2100 mAh da versão alcalina da Duracell.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]