EMD SD18

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa (desde agosto de 2012). Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.
EMD SD18
EMD SD18
EMD SD18 C-C nº5022 - MRS
Propulsão Diesel-Elétrica
Fabricante EMD - La Grange ( Estados Unidos)
Número de série 3401-3446
Modelo SD18
Ano de fabricação 1961
Classificação AAR C-C
Tipo de Serviço Carga
Bitola 1,600 m
Diâmetro das rodas 40"
Distância entre eixos 2.070 mm
Comprimento 16.504 mm
Largura 3.048 mm
Altura 4.640 mm
Peso da locomotiva 163.010 kg
Peso por eixo 27.168 kg
Peso aderente 163.010 kg
Tipo de combustível Diesel
Fabricante do motor EMD
Motor primário EMD 567D1
Limite de RPM 935
Tipo de motor 16 cilindros em V
Gerador D22
Motores de tração D47
Tipo de transmissão Elétrica
Tração múltipla Sim
Velocidade máxima 104 km/h
Potência disponível para tração 1.800HP (1,5MW)
Raio mínimo de inscrição 75,4m
Freios da locomotiva 26L Wabco
Ferrovias Originais RFFSA
Ferrovias que operou MRS
Número de locomotivas na classe 45
Numeração Sigo 5101-5145 (1 baixa)
Apelidos Cinquentinha, GMinhas, Cascudinhas.
Proprietário atual MRS
Situação 10 unidades operacionais

EMD SD18 é uma locomotiva diesel-elétrica de 6 eixos motorizados (C-C) construída entre Abril 1960 e Março de 1963 pela Electro-Motive Division (EMD), foram produzidas um total de 70 unidades.

Alimentada pelo motor diesel 2 tempos 16-567D1 de 1800 hp.

No Brasil a Rede Ferroviária Federal S.A. (RFFSA) adquiriu um total de 45 unidades em 1961, que reinaram até a chegada das EMD SD38, mais potentes e modernas. Hoje ainda 10 destas locomotivas estão rodando na atual MRS Logística e sua numeração é 50XX. São carinhosamente chamadas de "ciquentinhas". Foram usadas pela RFFSA junto com as ALCO RSD-12 principalmente nos trens de minério. Com a chegada das EMD SD38M foram transferidas para outros serviços, chegando a puxar os trens de passageiros.

Um fato curioso, quando sua chegada na Central, algumas delas chegaram a permanecer até vários dias ligadas, por nem todos os maquinistas terem instruções de como ligar as novas Diesel - Elétricas.

Devido a idade avançada as 5016, 5026 e 5031 trabalham somente com os trens de manutenção e reservas de pátios, porém, ainda operam com o motor diesel original 16-567-D-1. As outras 7 unidades, todas reformadas e modernizadas, receberam pintura MRS, 5 delas equipadas com o motor 16-645-D-1 (modificação do antigo 16-567-D-1) e duas equipadas com o 16-654-E3 (5005 e 5038) onde foi necessário fazer uma pequena modificação nas tubulações de água dos radiadores para o motor diesel.

Referências[editar | editar código-fonte]