Easy Rider

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Easy Rider
Easy Rider (PT)
Sem Destino (BR)
 Estados Unidos
1969 • cor • 94 min 
Direção Dennis Hopper
Roteiro Peter Fonda
Dennis Hopper
Terry Southern
Elenco Peter Fonda
Dennis Hopper
Jack Nicholson
Género road movie / aventura / drama
Idioma inglês / espanhol
Página no IMDb (em inglês)

Easy Rider (br: Sem Destino / pt: Easy Rider) é um road movie americano de 1969, escrito por Peter Fonda, Dennis Hopper e Terry Southern, produzido por Fonda e dirigido por Hopper.

Conta a história de dois motociclistas que viajam através do sul e sudoeste do Estados Unidos, com o objectivo de alcançar a liberdade pessoal. O sucesso de Easy Rider ajudou a avivar a fase New Hollywood do cinema norte-americano durante a década de 1960.

Um marco na filmografia de contracultura,[1] e a "pedra-de-toque" de uma geração" que "capturou a imaginação nacional",[2] Easy Rider explora as paisagens sociais, assuntos e tensões na América da década de 1960, tal como a ascensão e queda do movimento hippie, o uso de drogas e estilo de vida comunal.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Os protagonistas são dois motociclistas, Wyatt ou 'Capitão América' (Fonda) e Billy (Hopper). Fonda e Hopper disseram que os nomes referem-se a Wyatt Earp e Billy the Kid. Wyatt veste-se de cabedal adornado com a bandeira americana, enquanto Billy se veste com calças e camisa ao estilo dos nativos americanos.

Depois de contrabandearem drogas do México para Los Angeles, Wyat e Billy vendem a mercadoria para um homem (protagonizado por Phil Spector) em um Rolls-Royce. Com o dinheiro da venda armazenado em mangueiras dentro dos tanques de gasolina, eles vão rumo a Leste na tentativa de chegar em Nova Orleans, na Luisiana, em tempo para o Mardi Gras.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Trilha Sonora[editar | editar código-fonte]

1. The Pusher - Steppenwolf
2. Born To Be Wild - Steppenwolf
3. I Wasn't Born To Follow - The Byrds
4. The Weight - The Band.
5. If You Want To Be A Bird - The Holy Modal Rounders.
6. Don't Bogart Me - Fraternity of Man.
7. If Six Was Nine - The Jimi Hendrix Experience.
8. Let's Turkey Trot - Little Eva.
9. Kyrie Eleison - The Electric Prunes.
10. Flash, Bam, Pow - The Electric Flag.
11. It's Alright Ma (I'm Only Bleeding) - Roger McGuinn.
12. Ballad Of Easy Rider - Roger McGuinn.

Fonte: cineplayers.com/trilha.php?id=136 [3]

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Applications-multimedia.svg A Wikipédia possui o

Oscar 1970 (EUA)

BAFTA 1970 (Reino Unido)

  • Indicado na categoria de melhor ator coadjuvante (Jack Nicholson).

Festival de Cinema de Cannes 1969 (França)

  • Ganhou o prêmio de melhor filme de diretor estreante (Dennis Hopper).
  • Indicado à Palma de Ouro.

Globo de Ouro 1970 (EUA)

  • Indicado na categoria de melhor ator coadjuvante (Jack Nicholson).

AFI's 100 Years

  • O filme ocupa o 88º lugar dentre os melhores filmes norte-americanos das últimas décadas, e o 29º dentre as melhores trilhas-sonoras de filmes.

A produção[editar | editar código-fonte]

A gênese para o filme Sem Destino começou com uma fotografia. Peter Fonda conta: "Eu me lembro o dia em que apareci com a idéia para Sem Destino, 27 de setembro de 1967. Estava olhando uma fotografia minha e de Bruce Dern em frente a uma motocicleta. Nós parecíamos grandes, numa imagem 18x24, em contra-luz, de forma que ninguém poderia dizer que éramos nós. E isso me deu um estalo, para fazer este filme".

Fonda chamou seu amigo Dennis Hopper e disse a ele sua idéia de dois jovens experimentando a "liberdade total" enquanto cruzavam o país de motocicleta. Hopper, no cinema desde Juventude Transviada (1955), estava pensando em abandonar a profissão de ator para se tornar professor de teatro. Fonda mudou a cabeça de Hopper, oferecendo-lhe a oportunidade de dirigir o filme.

Para financiar o projeto, Hopper pediu a seu amigo Jack Nicholson para apresentá-lo a Bert Schneider, um dos sócios da BBS Productions, uma companhia independente que lançava seus projetos pela Columbia Pictures. A BBS concordou em colocar 400 mil dólares para fazer Sem Destino.

A produção começou com locações em Nova Orleans, em 23 de fevereiro de 1968. Juntando-se a Hopper e Fonda estavam Karen Black e a futura coreógrafa e cantora Toni Basil. Apesar de Rip Torn ter sido originalmente escolhido para fazer o papel do advogado alcoólatra George Hanson, ele acabou deixando a produção antes do início das filmagens. Jack Nicholson - que a BBS havia enviado a Nova Orleans no cargo de produtor executivo - concordou em fazer o papel. Sua atuação o transformou num astro.


Referências

  1. "Peter Fonda's Easy Rider auction", Boing Boing, 19 de junho de 2007. Página visitada em 18-10-2008.
  2. "BORN TO BE A CLASSIC: "EASY RIDER" WAS A TOUCHSTONE FOR A GENERATION AND FOR AMERICAN FILMMAKING", 'St. Louis Post-Dispatch', 29 de julho de 2001. Página visitada em 19-10-2008.
  3. Trilha Sonora - Sem Destino (1969)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]