Economia de Curitiba

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikitext.svg
Este artigo ou seção precisa ser wikificado (desde maio de 2012).
Por favor ajude a formatar este artigo de acordo com as diretrizes estabelecidas no livro de estilo.

Curitiba é o centro econômico do estado do Paraná e quarta cidade mais rica do Brasil, atrás de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasilia. Em parte, isso se deve à população de quase três milhões de habitantes, se for considerada a sua região metropolitana.

Além disso, a cidade concentra a maior porção da estrutura governamental e de serviços públicos do estado e sedia importantes empresas nos setores de comércio, serviços e financeiro.

Aproximadamente metade das 150 maiores empresas do estado estão sediadas na região metropolitana de Curitiba. Copel, HSBC, Cimento Rio Branco, Cooperativa Coamo, Paraná Previdência, Kraft Foods, TIM Sul, Sanepar, Renault, Audi, Volvo, Electrolux, Petrobrás e GVT são algumas das mais significativas.

Curitiba é o segundo município que mais exportou no Paraná em 2005 e o terceiro da região sul.[1] No ano de 2003 o PIB de Curitiba foi de R$ 15,4 bilhões, ou cerca de 16% do total do estado. Aproximadamente 40% do PIB municipal provém da indústria e o restante de atividades ligadas ao setor terciário.[2]

Participação no PIB Municipal
PIB
US$ 5.573.796.668,02 %
PIB per capita
US$ 4.038,92 %
População Economicamente Ativa
697.291,00 hab.
Repasses
ICMS,IPVA, Fundo de Exportação e Royalties de Petróleo
Principais Produtos Agrosilvopastoris
Indústria Dominante
Distribuição das Atividades Econômicas (Número de estabelecimentos sujeitos ao recolhimento do ICMS, por setor)
Setor Nº Total de Estabelecimentos no Município Participação % em relação à associação
Indústria 4630 0,58
Comércio Varejista 24032 0,75
Comércio Atacadista 1630 0,67
Serviços 5626 0,74
Produto interno bruto

Analisando o PIB de Curitiba, verifica-se que no período de 1995 a 2000, a economia cresceu aproximadamente 3% ao ano.

Quanto ao PIB per capita, no ano de 2000, Curitiba apresentou uma renda de 33,02% maior que o Paraná e 37% maior que a do Brasil. Neste mesmo ano, o setor econômico que compôs a maior parte do PIB de Curitiba foi o setor de serviços com 38,8%, seguido do setor industrial com 36%.

Evolução do PIB em R$ e sua variação percentual em Curitiba - 1995 a 2000

Produto Interno Bruto em R$

Ano Preços correntes Preços constantes de 2002
  Valor Variação anual
1995 9.250.000.000,00 16.455.852.674,07 -
1996 11.340.000.000,00 17.175.618.556,70 4,37%
1997 12.520.000.000,00 17.518.063.492,06 1,99%
1998 13.240.000.000,00 17.670.037.850,11 0,87%
1999 14.500.000.000,00 18.311.962.750,72 3,63%
2000 16.310.000.000,00 19.004.976.867,15 3,78%
Média de crescimento no período 2,93%

Referências