Edmond Hamilton

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Edmond Moore Hamilton
Nacionalidade  Estados Unidos
Data de nascimento 21 de Outubro de 1904
Data de falecimento 1 de fevereiro de 1977 (72 anos)
Local de falecimento Lancaster (Califórnia)
Género(s) Ficção-científica
Pseudónimo(s) Brett Sterling
Edmund Hamilton
Magnum opus Captain Future
Super-Homem
Prémios First Fandom Hall of Fame award 1967

Edmond Moore Hamilton (21 de Outubro de 1904 - 1 de Fevereiro de 1977) foi um autor norte-americano de romances, histórias de ficção-científica, fantasia, terror, policial, thriller e banda desenhada, em meados do século XX[1] .

Nasceu em Youngstown, Ohio, mudando-se ainda em jovem para as proximidades de New Castle, Pensilvânia. Foi uma criança prodígio, formou-se no colégio e começou a faculdade (Westminster College, New Wilmington, Pennsylvania) com 14 anos de idade, terminando aos 17.

Carreira[editar | editar código-fonte]

É dito que Edmond foi o autor da primeira compilação em capa dura do que viria a ser conhecido como o género da ficção-científica, The Horror on The Asteroid and Other Tales of Planetary Horror (1936). O livro reunia as seguintes histórias: "The Horror on the Asteroid", “The Accursed Galaxy", "The Man Who Saw Everything" ("The Man With the X-Ray Eyes"), "The Earth-Brain", "The Monster-God of Mamurth" e "The Man Who Evolved".

Capa da revista Weird Tales vol. 8, nº 6 de Dezembro de 1926 contendo o conto "The Metal Giants" escrito por Hamilton

A sua carreira como escritor de ficção-científica começou com a publicação do conto "The Monster God of Mamurth" que foi publicado em 1926 na edição de Agosto da revista clássica de ficção alternativa Weird Tales. Hamilton tornou-se rapidamente um membro central do grupo notável de escritores da Weird Tales, criada pelo editor Farnsworth Wright, que inclui-a nomes como, H. P. Lovecraft e Robert E. Howard. Hamilton iria publicar 79 obras de ficção na revista Weird Tales, entre 1926 e 1948, fazendo dele um dos mais prolíferos colaboradores da revista (só Seabury Quinn e August Derleth publicaram mais do que ele). Hamilton tornou-se amigo e associado de vários veteranos da Weird Tales, incluindo E. Hoffmann Price e Otis Adelbert Kline, mais notavelmente, ele iniciou uma amizade de 20 anos com o quase contemporâneo Jack Williamson, como descrito por Williamson na sua autobiografia de 1984 Wonder's Child. No final dos anos 1930 a Weird Tales lançou vários contos de fantasia de Hamilton, sendo o mais notável "He That Hath Wings" (Julho de 1938), um dos seus contos mais populares e frequentemente reeditado.

Durante os anos 1920 e início dos anos 30 Hamilton escreveu para todas as revistas de ficção-cientifica que existiam na altura, publicando também em revistas de terror e de histórias de suspense. Era muito popular como autor de space opera, um sub-género que criou em conjunto com E. E. "Doc" Smith. A sua história "The Island of Unreason" (Wonder Stories, Maio de 1933) ganhou o primeiro Prémio Júlio Verne (este prémio era obtido por votação dos fãs e foi o precursor do Hugo Awards) como a melhor história de ficção-cientifica do ano.

Nos finais da década de 1930, em resposta à recessão económica da Grande Depressão, escreveu histórias de detectives e crime. Sempre prolífico nas suas publicações em revistas, Hamilton às vezes tinha quatro ou cinco de suas histórias publicadas em um único mês, nesses anos, a edição de Fevereiro de 1937 da revista Popular Detective publicou três histórias de detectives de Hamilton, uma com o seu nome e duas sob pseudónimos.

Em 1940, Hamilton foi a principal força por trás da franquia do Captain Future[2] , uma história de ficção-cientifica projectada para leitores juvenis, o que lhe rendeu muitos fãs, mas diminuiu a sua reputação nos últimos anos de ficção científica, quando se afastou das suas raízes a "space opera". Hamilton sempre foi associada a um estilo romântico e extravagante de aventuras de ficção-cientifica, talvez melhor representado no seu romance de 1947 The Star Kings. Como o campo da ficção-cientifica se tornou mais sofisticado, a sua marca de aventuras extremas, hoje em dia, parece cada vez mais estranha, banal e datada.

Em 1946, Hamilton começou a escrever para a DC Comics e especializou-se nos seus mais emblemáticos personagens Batman e Super-Homem[3] . Uma das suas histórias mais conhecidas do Super-Homem foi "Superman Under the Red Sun" que apareceu em Action Comics #300 em 1963 e que tem muitos elementos em comum com o seu romance City At World's End (1951)[4] . Ele escreveu outros trabalhos para a DC Comics, incluindo a série de ficção-científica Chris KL-99 (Strange Adventures) que foi vagamente baseada no seu personagem Capitão Futuro.

Aposentou-se da banda desenhada em 1966.

Compilação histórica[editar | editar código-fonte]

Em 2009, a Haffner Press lançou os primeiros dois livros, de uma série de seis, que tem como objective publicar todo o trabalho em prosa de Hamilton. O primeiro volume lançado compila as primeiras quarto novelas de Capitão Futuro.

  • The Metal Giants and Others, The Collected Edmond Hamilton, Volume One (2009)
  • The Star-Stealers: The Complete Tales of the Interstellar Patrol, The Collected Edmond Hamilton, Volume Two (2009)
  • The Universe Wreckers, The Collected Edmond Hamilton, Volume Three (2010)
  • The Collected Captain Future, Volume One (2009)
  • The Collected Captain Future, Volume Two (2010)

Homenagens[editar | editar código-fonte]

A 18 de Julho de 2009 em Kinsman, Ohio celebrou-se o "Edmond Hamilton Day"[5] .

A 21 de Outubro de 2010, no 106º aniversário de Hamilton, a Kinsman Historical Society e a Haffner Press vão receber a "Edmond Hamilton / Leigh Brackett Day"[6] em Kinsman, Ohio.

Referências[editar | editar código-fonte]

Notas
  1. Edmond Hamilton. Página visitada em 20 de Maio de 2010.
  2. Captain Future. Página visitada em 20 de Maio de 2010.
  3. Superman in Kandor. Página visitada em 20 de Maio de 2010.
  4. Edmond Hamilton. City At World's End. [S.l.: s.n.]. Página visitada em 20 de Maio de 2010.
  5. Edmond Hamilton Day Locus Online (Julho de 2009). Página visitada em 20 de Maio de 2010.
  6. Edmond Hamilton/Leigh Brackett Day. Página visitada em 20 de Maio de 2010.
Bibliografia

Ligações externas[editar | editar código-fonte]