Eduard Markarov

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Eduard Markarov
Эдуард Артёмович Маркаров
Էդուարդ Մարգարյան
Informações pessoais
Nome completo Eduard Artemović Markarov
Data de nasc. 20 de junho de 1942 (72 anos)
Local de nasc. Baku, RSS do Azerbaijão, URSS
Informações profissionais
Clube atual Mika Yerevan (treinador)
Posição Atacante (aposentado)
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1961-1970
1971-1975
Neftchi Baku
FC Ararat Yerevan
251(88)
119(41)
Seleção nacional
1966-1968 URSS 3(0)
Times que treinou
1975-1976
1986-1991
1992
1992-1994
1995-1996
1996-1999
2000-2002
2008
2011-presente
FC Ararat Yerevan
URSS sub-21(assistente)
Malatia Yerevan
Armênia
Erebuni Yerevan
Homenmen Beirut
Mika Yerevan
Kilikia Yerevan
Mika Yerevan
?(?)

Eduard Artyomovich Markarov ou Edoward Margaryan - respectivamente, em russo, Эдуард Артёмович Маркаров e, em armênio, Էդուարդ Մարգարյան (Baku, 20 de junho de 1942) - é um ex-futebolista armênio nascido na então RSS do Azerbaijão.

Seu sobrenome também é grafado como "Margarian", "Markarian" ou "Markaryan". Porém, mesmo na Armênia é mais conhecido por Markarov[1] (Մարգարով; "Margaruv", em romanização literal).

Neftyanik[editar | editar código-fonte]

Após jogar um pouco por Lokomotiv Baku e Torpedo Armavir, foi em 1961 para o Neftyanik Baku, tendo sido artilheiro do campeonato soviético do ano seguinte. No Neftyanik, teve como colega Anatoli Banişevski, o outro azerbaijano (mas azeri) que foi, ao lado de Margaryan, o único a ter disputado uma Copa do Mundo - ambos foram chamados à edição de 1966, pela seleção soviética.

Ararat[editar | editar código-fonte]

Saiu do clube (que àquela altura já se chamava Neftçi Baku) em 1971, transferindo-se para o Ararat Erevan, da Armênia de suas origens. Liderou o clube na vitoriosa campanha de 1973, quando a Ararat tornou-se o primeiro e único clube armênio a conquistar o campeonato soviético. Na Copa dos Campeões da UEFA (a atual Liga dos Campeões) de 1974/75, Markarov foi, ao lado de Gerd Müller, tendo jogado menos partidas que este, um dos artilheiros daquela edição, guiando o time até as quartas-de-final, quando foram eliminados pelo Bayern Munique (clube de Müller), que terminaria campeão.

Técnico[editar | editar código-fonte]

Tornou-se técnico a partir de 1976, tendo treinado o time juvenil da União Soviética pouco antes da desintegração. Foi o segundo armênio étnico a jogar uma Copa do Mundo, curiosamente seu antecessor também nascera fora da Armênia, Mkrtych Simonyan (nascido na atual Rússia). Chegou a trabalhar com o próprio Simonyan no Ararat, e a treinar a Seleção Armênia após a independência do país.

Referências