Eduardo Batarda

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Eduardo Manuel Batarda Fernandes (Coimbra, 1943) é um pintor português.

Família[editar | editar código-fonte]

É filho de Abílio Fernandes (Guarda, Maçainhas de Baixo, 19 de Outubro de 1906 - Coimbra, 16 de Outubro de 1994) e de sua mulher Rosette Mercedes Saraiva Batarda (Redondo, Redondo, 1 de Outubro de 1916 - Coimbra, 28 de Maio de 2005) e irmão de José António Batarda Fernandes (Coimbra, 1946).

Biografia[editar | editar código-fonte]

Começou por estudar Medicina na Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra, mas enveredou pela pintura, tendo-se Licenciado na Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa (hoje FBAUL), em 1968.

Graças a uma bolsa Fundação Calouste Gulbenkian, obteve uma Pós-Graduação pelo Royal College of Art, em Londres, onde viveu entre 1971 e 1974 e onde nasceria a sua filha. Obteve também o diploma de MaRCA e foi distinguido com os Prémios Sir Alan Lane e John Minton.

Foi Professor da Escola Superior de Belas-Artes do Porto. Está representado no Centro de Arte Moderna da Fundação Calouste Gulbenkian e nas colecções do Museu do Chiado, bem como em colecções privadas na Europa, Reino Unido e Estados Unidos da América.

Em 1986 foi-lhe atribuído o prémio telegráfico Homeostética, e em 2007, o Grande Prémio EDP, galardão que em edições anteriores foi atribuído a Lourdes Castro, Mário Cesariny e Álvaro Lapa.

Casamentos e descendência[editar | editar código-fonte]

Casou primeira vez com Cláudia Maria Germaine da Silveira Moreno (filha de Alberto da Silveira Moreno, trineto do 1.º Barão de Almeirim e 5.º neto do 1.º Barão de Sobral e da 3.ª Senhora de Sobral, e de sua mulher Ginette Goldstein, nascida na cidade de São Paulo de origem Judaica, tia da actriz Leonor Silveira), de quem tem uma filha:

Casou segunda vez com Maria Beatriz Gentil Penha Ferreira, sem geração (casada em primeiras núpcias em Santa Maria de Belém, Lisboa, a 6 de Maio de 1966 com Luís de Morais Alçada, de quem teve dois filhos, portanto enteados de Eduardo Batarda)