Edward Whymper

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Edward Whymper (1881) - a sua própria gravura

Edward Whymper (Londres, 27 de abril de 1840  — Chamonix, 16 de setembro de 1911) foi um ilustrador, alpinista e explorador britânico, mais conhecido pela primeira escalada do Matterhorn em 1865, descida durante a qual, quatro membros da expedição morreram.

Ascensões[editar | editar código-fonte]

Entre as sua ascensões mais notáveis destacam-se:

O seu livro Scrambles among the Alps (1871) é feito com a descrição dessas expedições e na qual se nota que se interessa mais pelas primeira ascensão do que da via tomada, pelo que se faz guiar sempre pelo melhor guia de alta montanha da época, e emprega assim Melchior Anderegg ou Christian Almer.

Como exemplo, a Aiguille Verte cujo corredor ficou com o seu nome, e mesmo se bifurcou directamente para o cume na última terceira parte, evitando assim uma parte mais difícil.

Está considerado como o ponto de passagem entre o alpinismo de exploração e o alpinismo desportivo.

Desastre no Matterhorn[editar | editar código-fonte]

Em 1865 Edward Whymper que há anos tenta conquistar o Matterhorn junta-se a Charles Hudson que havia escolhido Michel Croz como guia e que chefia uma cordada de sete alpinistas composta pelo velho guia Pierre Taugwalder e os seus dois filhoa como carregadores, lord Francis Douglas, Hadow, Hudson e Whymper. Na descida Hadow perde o equilíbrio e arrasta na queda Croz, Douglas, e Hudson.

Desenhador[editar | editar código-fonte]

Com uma formação de desenhador e de gravador, descobre os Alpes à procura de novos tema para ilustrações. Torna-se um grande alpinista e faz-se amigo dos seus guia de alta montanha dos quais nos deixa gravuras, como foi o caso com o desenho do reverendo Charles Hudson ou a gravura do seu guia Christian Almer.

Biografias[editar | editar código-fonte]

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]