Eir

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Menglöð sento com as nove donzelas, incluindo Eir, em Lyfjaberg (1893) por Lorenz Frölich.

Eir é uma deusa da mitologia nórdica ou escandinava, mais conhecida por sua habilidade de cura (principalmente com ervas), inclusive conhecedora da ressurreição. Seu nome está ligado a socorro ou piedade no nórdico antigo. Ela é uma das deusas da montanha Lifia ("que cura através da magia"). Também era boa amiga de Frigg e considerada como uma das vinte criadas dela. Eir também é o nome de uma das nove criadas que servem o gigante Menglöd no poema Svipdagsmál.

Como uma mestre no medicamento, Eir é a protetora dos trabalhadores saudáveis. Ela é tida como na medicina moderna não apenas como médica física, mas também mental, emocional e espiritual. Dizem que Eir entrega suas curas a todas as mulheres que já a viram, e ela apenas ensina as mulheres seus segredos das artes medicinais. De acordo com a lenda, apenas as mulheres podiam aprender as artes de curas escandinavas.

Ícone de esboço Este artigo sobre mitologia nórdica é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.