El Ajedrecista

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Torres Quevedo mostra sua invenção.

El Ajedrecista foi um autômato capaz de executar com precisão a fase final de uma partida de xadrez, construído em 1912 por Leonardo Torres y Quevedo. Sua primeira aparição pública foi na grande exposição mundial de 1914, tendo criado uma grande repercussão na época. A máquina foi extensamente mencionada na revista Scientific American como "Torres and His Remarkable Automatic Devices" em 6 de novembro de 1915.[1] Utilizando eletromagnetos sob o tabuleiro, ele era capaz de vencer o final de partida de uma Torre e Rei contra um oponente humano com somente o Rei solitário. O dispositivo é considerado o primeiro jogo de computador da história.[2]

O autômato não conseguia aplicar o xeque-mate na quantidade mínima de movimentos necessários, nem sempre em menos de 50 movimentos por causa de seu algoritmo simples que calculava as posições. Entretanto conseguia vencer o oponente todas as vezes. Se um movimento ilegal fosse feito, pelo oponente, o autômato assinalaria através de um indicador luminoso.[2] [3]

Sua construção interna foi publicada por H. Vigneron.[4] O filho de Leonardo fez uma versão melhorada de um autômato baseada no El Ajedrecista em 1920, que fazia os movimentos via magnetos localizados sob o tabuleiro.[5] Ambas as máquinas ainda estão funcionando e são exibidas no Colegio de Ingenieros de Caminos, Canales y Puertos em Madri. Ao contrário do O Turco e Ajeeb, o El Ajedrecista foi um autômato verdadeiro capaz de jogar xadrez sem o auxílio humano.

Referências

  1. (1915) "Torres and his remarkable automatic devices". Scientific American (2079).
  2. a b Montfort, Nick. Twisty Little Passages: An Approach to Interactive Fiction. [S.l.]: MIT Press, 2005. 76 pp. ISBN 0262633183
  3. Atkinson, George W.. Chess and machine intuition. [S.l.]: Intellect Books, 1998. 21-22 pp. ISBN 1871516447
  4. H. Vigneron. Chess and Computers. [S.l.]: Computer Science Press, 1982. 13-23 pp.
  5. Brian Randell, From Analytical Engine to Electronic Digital Computer: The Contributions of Ludgate, Torres and Bush. Annals of the History of Computing, Vol. 4, No. 4, Out. 1982

Ligações externas[editar | editar código-fonte]