Eleições presidenciais da Bolívia de 2005

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Na Bolívia, houve uma nova eleição presidencial em 18 de dezembro de 2005, quando um novo presidente foi eleito.

Três milhões e setecentos mil bolivianos inscritos no registro eleitoral foram chamados às urnas no domingo de 18 de dezembro para eleger um novo governo e, segundo as pesquisas de opinião prévias, nenhum dos aspirantes obteria maioria absoluta (50% mais um), necessária para sua eleição direta. Dessa foram, a designação caberia ao recém eleito congresso, segundo as regras eleitorais bolivianas. Mas os resultados finais deram uma maioria absoluta de mais de 54% dos votos a Evo Morales, enquanto as pesquisas de opinião apontavam que teria apenas 37%.

Eleições regionais[editar | editar código-fonte]

A eleição de 2005 também passou para a história por iniciar a Eleição de Prefeitos Departamentais, mediante o voto direto (antes era designado pelo presidente da República). Muitos analistas políticos asseguravam que o novo congresso responderia mais a suas regiões do que aos partidos, o que daria mais importância à tarefa dos prefeitos.

Resultados[editar | editar código-fonte]

Candidato presidencial Candidato Vice Presidente Partido Votos Porcentagem
Juan Evo Morales Ayma Álvaro García Linera MAS 1.539.045 53,72%
Jorge Fernando "Tuto" Quiroga Ramírez María Renée de los Ángeles Duchén Cuéllar Podemos 819.817 28,62%
Samuel Jorge Doria Medina Auza Carlos Fernando Dabdoub Arrien UN 223.615 7.81%
Michiaki Nagatani Morishita Guillermo Luis Bedregal Gutiérrez MNR 184.937 6,46%
Felipe Quispe Huanca Camila Choqueticlla MIP 61.833 2,16%
Gildo Angulo Cabrera Gonzalo José Silvestre Quiroga Soria NFR 19.557 0,68%
Eliceo Rodríguez Pari Rodolfo Antonio Flores Morelli Frepab 8.733 0,31%
Néstor García Rojas Teodomiro Rengel Huanca USTB 7.331 0,26%
Total de votos validamente emitidos 2.185.960 100%
Votos nulos 103.960 3,36%
Votos brancos 122.879 3,97%
Total de votos 3.091.707 100%
Padrão eleitoral 3.670.995


Ligações externas[editar | editar código-fonte]