Eleições presidenciais portuguesas de 2001

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
‹ 1996 • Flag of Portugal.svg • 2006
Eleição presidencial de 2001
Presidente para o período 2001-2006
14 de janeiro de 2001
Tipo de eleição:  Presidencial
Demografia eleitoral
Hab. inscritos:  8 950 905
Votantes : 4 449 800
  
49.71% Red Arrow Down.svg 25%
Jorge Sampaio 2-square.jpg
Jorge Sampaio
Votos: 2 401 015  
  
55.55%
Man silhouette.svg
Joaquim Ferreira do Amaral
Votos: 1 498 948  
  
34.68%
Man silhouette.svg
António Abreu
Votos: 223 196  
  
5.16%
Man silhouette.svg
Fernando Rosas
Votos: 129 840  
  
3.00%
Man silhouette.svg
Garcia Pereira
Votos: 68 900  
  
1.59%
Candidatos mais votados por distrito (Açores e Madeira não mostrados)
Eleições presidenciais portuguesas de 2001

Coat of arms of Portugal.svg
Presidente de Portugal

As sextas eleições presidenciais portuguesas após o 25 de Abril de 1974 tiveram lugar a 14 de Janeiro de 2001.

Seguindo a tradição das eleições presidenciais, o presidente em exercício Jorge Sampaio foi reeleito para um segundo mandato com uma maioria absoluta de quase 56% dos votos. Talvez por esse motivo, as eleições foram muito menos participadas que as anteriores, mas o aumento da abstenção deve também ser lido em comparação com as legislativas precedentes, em que o número de votantes tem vindo progressivamente a diminuir.

Os outros candidatos foram o ex-ministro das obras públicas de Cavaco Silva, Joaquim Ferreira do Amaral (pelo PSD), o então vereador da Câmara Municipal de Lisboa António Abreu (pelo PCP), o historiador Fernando Rosas (pelo BE) e o advogado Garcia Pereira (pelo PCTP/MRPP). Com excepção do candidato da direita (que logrou alcançar quase 35% dos votos), os restantes candidatos da esquerda obtiveram percentagens insignificantes.

Resultados[editar | editar código-fonte]

Primeira volta[editar | editar código-fonte]

Resultados da primeira volta da eleições presidenciais portuguesas de 2001 (14 de janeiro)
Partido Candidato Votos Votos (%)
  Partido Socialista Jorge Sampaio 2 401 015
 
55,55%
  Partido Social Democrata, Partido Popular Ferreira do Amaral 1 498 948
 
34,68%
  Partido Comunista Português António Abreu 223 196
 
5,16%
  Bloco de Esquerda Fernando Rosas 129 840
 
3%
  Partido Comunista dos Trabalhadores Portugueses Garcia Pereira 68 900
 
1,59%
Totais 4 321 899  
Fonte: Comissão Nacional de Eleições.
Primeira volta Valor  % de eleitores inscritos  % de votantes
Eleitores inscritos 8 950 905
Abstenção 4 501 105 50,29
Votantes 4 449 800 49,71
Votos brancos 82 391 0,92 1,85
Votos nulos 45 510 0,51 1,02
Votos expressos 4 321 899 48,28 97,13