Endocardite de Libman-Sacks

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde julho de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Endocardite de Libman-Sacks
Classificação e recursos externos
CID-10 I39, M32.1
CID-9 710.0
DiseasesDB 29254
eMedicine med/1295
MeSH D008180
Star of life caution.svg Aviso médico

A endocardite de Libman-Sacks é uma forma de endocardite não bacteriana que é vista nos pacientes com lúpus eritematoso sistêmico e Sindrome do anticorpo antifosfolipideo. Se caracteriza pela formação de pequenas lesões vegetantes, histologicamente caracterizadas por microtrombos de fibrina-plaqueta cercado por fibroblastos e macrofagos. É a manifestação cardíaca mais característica do lúpus, porém não é a mais comum. A anormalidade cardíaca mais comum no lúpus é a pericardite¹ (inflamação do pericárdio, a membrana que recobre o coração).

Referências[editar | editar código-fonte]

1. Doria A et al. Cardiac involvement in systemic lupus erythematosus. Lupus, 2005;14(9):683

2. Harrisons's Principles of Internal Medicine - 18th ed.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Medicina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.