Entrei de Gaiato

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Entrei de gaiato)
Ir para: navegação, pesquisa
Entrei de gaiato
 Brasil
1959 • p&b • 97 min 
Direção J.B. Tanko
Roteiro Chico Anysio / J.B. Tanko
Elenco Zé Trindade
Dercy Gonçalves
Costinha
Chico Anysio
Género comédia
Idioma português
Página no IMDb (em inglês)

Entrei de gaiato é um filme brasileiro de 1959, dos gêneros musical e comédia chanchada, dirigido por J.B. Tanko.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Januário é um vigarista que, com ajuda de seus amigos igualmente trapaceiros, se hospeda no requintado Hotel Palácio, fazendo-se passar por um rico fazendeiro de cacau a fim de roubar e enganar turistas.

Ananásia é uma viúva que também se torna hóspede do mesmo hotel, com quase o mesmo plano: fingir ser milionária para conseguir casar com algum "velho" endinheirado. De imediato, Januário e Ananásia começam a namorar. No entanto, as mentiras sobre suas riquezas os fazem alvos de ladrões internacionais de jóias que estavam entre os hóspedes.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

Nos inúmeros quadros musicais, destacam-se as atuações dos grandes cantores de marchinha de carnaval da época, como Moacyr Franco, que canta seu sucesso Me dá um dinheiro aí, usada também como canção-tema do filme. Outros números são interpretados por Grande Otelo, Linda Batista, Carlos Galhardo, Blecaute, Joel de Almeida e Emilinha Borba. Os atores Dercy Gonçalves e Zé Trindade também interpretam canções carnavalescas.

Ver também[editar | editar código-fonte]