Epifânio de Pavia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Santo Epifânio de Pavia
Tímpano representando Cristo (centro), São Gotardo (esq.) e Santo Epifânio (dir.), na Basílica de São Gotardo em Hildesheim, Alemanha.
Bispo de Pavia
Nascimento 438 em Pavia, Império Romano
Morte 21 de janeiro de 496 (58 anos) em Pavia, Reino de Odoacro
Veneração por Igreja Católica; Igreja Ortodoxa
Festa litúrgica 21 de janeiro
Gloriole.svg Portal dos Santos

Epifânio de Pavia, mais tarde venerado como Santo Epifânio de Pavia, foi bispo de Pavia[1] de 466 até sua morte em 496.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Consagrado bispo com 28 anos, Epifânio reconstruiu a igreja de Pavia após ter sido destruída pelas forças do hérulo Odoacro.

Por toda a vida, Epifânio realizou muitas missões e explorações em nome da igreja. Uma das mais significantes foi a expedição à Ravena, onde enfrentou Teodorico, o Grande, logo após seu embate com Odoacro, onde brigou pelos direitos civis, em sua jornada como embaixador para o imperador Júlio Nepos, com o rei visigodo Eurico em Tolosa, no Reino Visigótico.[2]

Epifânio morreu na Borgonha graças ao rigor do inverno em sua jornada atrás de Teodorico, em 21 de janeiro de 496, com 58 anos.[3]

Referências

  1. Gibbon, Edward. The history of the decline and fall of the Roman empire. [S.l.]: E. Claxton & co., 1862. 291 p.
  2. Ferreiro, Alberto. The Visigoths: Studies in Culture and Society. Leiden: Brill, 1999. 29 p. ISBN 90-04-11206-5
  3. August Neander, 'Allgemeine Geschichte der christlichen Religion und Kirche): '"Epiphanius of Pavia"
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Epifânio de Pavia