Epigeneium

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaEpigeneium
Epigeneium amplum

Epigeneium amplum
Classificação científica
Domínio: Eukaryota
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Liliopsida
Ordem: Asparagales
Família: Orchidaceae
Género: Epigeneium
Espécies
ver texto

Epigeneium (em português: Epigênio) é um género botânico pertencente à família das orquídeas (Orchidaceae).

Etimologia[editar | editar código-fonte]

O nome deste gênero (Epi.) deriva da latinização de duas palavras gregas: επί (epi), que significa “sobre”, “em cima de”; e γένειον (géneion), que significa "queixo"; referindo-se à forma de queixo do labelo da flor desta espécie.

Sinônimos[editar | editar código-fonte]

Descrição[editar | editar código-fonte]

A maioria das espécies do gênero Epigênio são epífitas, raramente litófitas. São plantas com rizomas e Pseudobulbos alongados ou globulares, com folhas ovais oblongas, com duas a três folhas coriáceas de aproximadamente dez centímetros. Sua haste floral pode atingir quarenta centímetros, contendo até dez flores. As flores são trilobadas. O ginostêmio é curto e tem a base fundida com as sépalas laterais para dar a forma de queixo característica.

Habitat e distribuição[editar | editar código-fonte]

As espécies de Epigênio crescem em árvores e rochas musgosas, à sombra sombra, fria para aquecer húmidas do Himalaia, China, Índia, Mianmar, Vietnã, Tailândia, Indonésia e Filipinas.

Espécies[editar | editar código-fonte]

O gênero possui cerca de 35 a 40 espécies. A espécie tipo é “Epigeneium fargesii”.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  • L. Watson and M. J. Dallwitz, The Families of Flowering Plants, Orchidaceae Juss.