Eric Burdon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Eric Burdon
Eric-Burdon 1973.jpg
Burdon em 1973
Informação geral
Nome completo Eric Victor Burdon
Nascimento 11 de maio de 1941 (73 anos) Walker, Newcastle upon Tyne, Inglaterra
País  Reino Unido
Gênero(s) Rock, blues-rock, R&B, funk rock, Rock Psicodélico, heavy metal, punk
Período em atividade 1960 - atualmente
Outras ocupações Ator
Afiliação(ões) The Animals, War, Marcelo Nova
Página oficial EricBurton.com

Eric Victor Burdon (Newcastle upon Tyne, Northumberland, 11 de maio de 1941) é um músico britânico. Foi vocalista e líder da banda The Animals e mais tarde do grupo War.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Ele foi o integrante fundador dos Animals, uma banda originalmente formada em Newcastle no começo dos anos 60. Em 1966, o grupo se dissolveu e Burdon continuou como Eric Burdon and The New Animals. Esta formação durou até 1970, quando ele formou outra banda, a War. Burdon deixou o grupo em 1971 para seguir carreira solo.

Os Animals se reuniram por pouco tempo durante 1976 e 1983, mas se separaram novamente depois de ambas reuniões. Burdon continua a gravar e viajar em turnê por conta própria.

Vida Pessoal[editar | editar código-fonte]

Burdon nasceu em Walker, Newcastle upon Tyne. Em 7 de setembro de 1967. casou-se com Angie King, em Londres. Burdon deixou claro que ele não queria tornar público o casamento, mas no dia do casamento a imprensa invadiu o culto na igreja. O casamento durou até 1969, quando eles se divorciaram.

Em 17 de setembro de 1972, ele casou com uma mulher alemã, Rosie Marks. Eles tiveram uma filha, Alexandria, que nomeou o álbum Mirage que foi lançado em 2008. Marks apareceu em um programa de televisão "Up North", onde aparece com a família de Burdon. Eles se divorciaram em 1978 e uma batalha pela custódia da criança começou. Em 1983, durante a excursão do The Animals, sua ex-esposa e sua filha desapareceram. Em uma entrevista em 2006 Burdon confirmou que ele finalmente fez contato com sua filha.

No final dos anos 70, sua casa na Califórnia foi queimada por sua ex-esposa Rosie Marks. Muito de seu material de arquivo, incluindo imagens, registros, letras, scripts, diários e imagens foram destruídos.

Seu pai morreu em 1984, e sua mãe em 1991.[1]

Influências[editar | editar código-fonte]

O som dos The Animals influenciou muitas bandas de Britpop, rock alternativo, e sua voz é muito respeitada por muitas pessoas como Jim Morrison, Robert Plant, Tom Petty , David Johansen, Joe Cocker e Dan Zanes.

Iggy Pop e Bruce Springsteen votaram em Burdon em uma enquete da Revista Rolling Stone dos "100 melhores cantores de todos os tempos"

Brian Jones chamou de "melhor cantor de blues que saiu da Inglaterra."

Alan Price o chamou de "o melhor cantor de uma banda de brancos".[1]

Burdon ficou em 57º na lista da Rolling Stone - The 100 Greatest Singers of All Time.[2]

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • Na música "I Am The Walrus", John Lennon supostamente teria feito uma referência à Burdon, que era conhecido por seus amigos como "eggman" pelo hábito de quebrar ovos em suas conquistas femininas enquanto fazia sexo. [3]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]