Erich Mielke

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Erich Mielke

Erich Mielke (28 de Dezembro de 1907 - 21 de Maio de 2000), foi desde 1957 Ministro para a Segurança do Estado da RDA (Alemanha de Leste), e, por conseguinte, um dos mais responsáveis pelo sistema de vigilância e controle exercidos em todos os domínios da sociedade leste-alemã. Mesmo em privado ninguém podia estar seguro de estar livre de traições e/ou de ser denunciado. Uma vítima famosa foi Robert Havemann, que a dado tempo chegou a ser vigiado por cerca de 100 agentes da Stasi.

Em 1989 o Ministério por ele controlado empregava 91 000 agentes e ainda 173 000 agentes não oficiais. A 13 de Novembro de 1989 (poucos dias depois da queda do Muro de Berlim), Erich Mielke usou uma expressão perante a Câmara do Povo da RDA que se tornou numa das mais citadas do momento: "Eu adoro-vos a todos, sem dúvida todos os homens". A população interpretou a frase como sendo cínica.

Por causa de dois assassínios a dois polícias e uma outra tentativa de homicídio no ano de 1931, Mielke foi condenado em 1993 a 6 anos de cadeia (que não foram cumpridos).