Erik Gandini

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Erik Gandini, 2010

Erik Gandini (Bergamo, 14 de agosto de 1967) é um cineasta italiano, naturalizado sueco. É co-fundador da produtora Atmo.

Gandini realizou diversos documentários com ampla distribuição internacional. Em 2003 foi premiado com o Lobo de Prata no IDFA (International Documentary Film Festival Amsterdam), o festival internacional de cinema documentário de Amsterdam, com o filme Surplus: Terrorized into Being Consumers, que também recebeu, em 2004, o prêmio de Melhor Longa Metragem do FICA - Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental de Goiás.[1]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

  • Raja Sarajevo (1994)
  • Not Without Prijedor (1996)
  • Ameriasians (1998)
  • Sacrificio: Who Betrayed Che Guevara? (2001), com Tarik Saleh
  • Surplus: Terrorized into Being Consumers (2003)
  • Gitmo - Le nuove regole della guerra (2005), com Tarik Saleh
  • Videocracy - Basta apparire (2009)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Erik Gandini

Erik Gandini (em inglês) no Internet Movie Database



Referências


Ícone de esboço Este artigo sobre cineastas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.