Erland Johnsen

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Erland Johnsen
Informações pessoais
Nome completo Erland Johnsen
Data de nasc. 5 de Abril de 1967 (47 anos)
Local de nasc. Moss,  Noruega
Altura 1,85 m
Informações profissionais
Posição Zagueiro
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
19831988
1988–1989
1989–1997
1997–1998
1998–1999
Noruega Moss
Alemanha Bayern Munique
Inglaterra Chelsea
Noruega Rosenborg
Noruega Strømsgodset
055 0(1)
021 0(0)
136 0(1)
012 0(0)
014 0(0)
Seleção nacional
19861988
1988–1995
Flag of Norway.svg Noruega Sub-21
Flag of Norway.svg Noruega
016 0(0)
019 0(2)
Times que treinou
19992002
2002–2003
2003–2006
2008
2012-
Noruega Strømsgodset
Noruega Moss
Noruega Follo
Noruega Lillestrøm
Noruega Strømmen

Erland Johnsen (Moss, 5 de Abril de 1967) é um ex-futebolista e atualmente, treinador norueguês.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Johnsen iniciou sua carreira no Moss, em 1983. Alguns anos depois, acabou se transferindo ao Bayern Munique, da Alemanha. Na Baviera, Johnsen conquistou dois títulos nacionais (1989 e 1990). Tendo já iniciado sua segunda temporada na Alemanha, em dezembro de 1989, acabou se transferindo para o Chelsea, da Inglaterra, onde permanecerá pelas próximas oito temporadas.

Na Inglaterra, Johnsen conquistou a Copa da Inglaterra de 1997, quatro temporadas após ter sido vice do mesmo. Apesar do título e bom elenco montado pelo Chelsea na época, ele acabou retornando a sua terra natal para defender o Rosenborg. Depois de uma temporada e meia nos Troillongan, acabou indo para o Strømsgodset, onde encerou a carreira em junho de 1999.

Seleção[editar | editar código-fonte]

Johnsen defendeu a equipe sub-21 da Noruega, onde disputou dezesseis partidas, não tendo marcado gols, antes de em 1988, fazer sua estreia pela equipe principal, onde disputou dezenove partidas, marcando dois gols. Também esteve presente na Copa do Mundo de 1994, onde disputou a última partida de sua seleção na fase de grupos, contra a Irlanda.

Em 15 de novembro de 1989, Johnsen tenha, talvez, vivido seu melhor momento pela seleção norueguesa: no Hampden Park, onde marcou um gol contra a Escócia do meio de campo (devido a esse gol, que foi transmetido no mundo inteiro pela televisão, o Chelsea o contratou um mês depois). Em 2009, o lendário goleiro escocês Jim Leighton declarou que nunca esqueceria aquele gol, sendo o de mais longa distância que tomou em sua carreira.[2]

Como treinador[editar | editar código-fonte]

Logo após se aposentar, Johnsen assumiu o Strømsgodset (clube que acabará de se aposentar como jogador), onde o treinou por três anos. Em seguida, ainda treinou sua antiga equipe, o Moss e o Follo. Após dois anos sem treinar nenhuma equipe, acabou assumindo o Lillestrøm, mas permanecendo pouco tempo.[3]

Referências