Erland Samuel Bring

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde Fevereiro de 2011). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Erland Samuel Bring

Erland Samuel Bring (17361798[1] ) foi um advogado sueco [1] que trabalhou no problema matemático (que hoje sabemos ser insolúvel[Nota 1] ) de resolver uma equação do quinto grau através de radicais.

Bring formou-se advogado em 1757, e foi professor na faculdade de direito em 1762.[1] Também foi professor de história, em 1779.[1]

Bring, obviamente, não resolveu uma equação genérica do quinto grau por radicais, mas descobriu uma forma de transformar uma equação da forma:

x^5 + c_2 x^2 + c_1 x + c_0 = 0\, (forma principal da equação do quinto grau)

em uma equação da forma:

x^5 + d_1 x + d_0 = 0\, (forma de Bring-Jerrard da equação do quinto grau)

através de uma transformação:

z = x^4 + \alpha x^3 + \beta x^2 + \gamma x + \delta\,

em que os parâmetros α, β, γ e δ são obtidos resolvendo-se equações quadráticas e cúbicas.[2]

George Jerrard generalizou o trabalho de Bring, provavelmente de forma independente, mostrando que qualquer equação de grau n pode ser reduzida, através de transformações que dependem apenas da solução de equações do segundo e terceiro graus, em equações em que os termos de grau n-1, n-2 e n-3 são zero.[2]

Fontes primárias[editar | editar código-fonte]

  • E. S. Bring, Meletemata quaedam mathematematica circa transformationem aequationum algebraicarum, Lund, 1786
  • E. S. Bring, Quart. J. Math., 6 (1864).

Notas e referências

Notas

  1. A insolubilidade da equação do quinto grau por radicais foi uma grande conquista da matemática no século XIX, para mais detalhes ver o Teorema de Abel-Ruffini e a Teoria de Galois

Referências

  1. a b c d Erland Samuel Bring. [1] Nordisk familjebok Runeberg.org.
  2. a b Victor S. Adamchik e David J. Jeffrey, Polynomial Transformations of Tschirnhaus, Bring and Jerrard, ACM SIGSAM Bulletin, Vol 37, No. 3 de setembro de 2003. [2] (PDF) Apmaths.uwo.ca.