Ernesto Casimiro I de Nassau-Dietz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ernesto Casimiro I
Príncipe de Nassau-Dietz
Portrait of Ernst Casimir van Nassau-Dietz (Wybrand de Geest, 1633).jpg
Ernesto Casimiro I de Nassau-Dietz
Governo
Consorte Sofia Hedwig de Brunswick-Lüneburg
Vida
Nascimento 22 de Dezembro de 1573
Dillenburg, Alemanha
Morte 2 de Junho de 1632 (58 anos)
Roermond, Alemanha
Filhos Henrique Casimiro I de Nassau-Dietz
Guilherme Frederico de Nassau-Dietz
Isabel de Nassau-Dietz
João Ernesto de Nassau-Dietz
Maurício de Nassau-Dietz
Isabel Friso de Nassau-Dietz
Pai João VI de Nassau-Dillenburg
Mãe Isabel de Leuchtenberg

O príncipe Ernesto Casimiro I de Nassau-Dietz (22 de Dezembro de 1573 - 2 de Junho de 1632) foi conde de Nassau-Dietz e stadholder de Friesland, Groningen e Drenthe.

Família[editar | editar código-fonte]

Ernesto era o décimo primeiro dos doze filhos do conde João VI de Nassau-Dillenburg e da condessa Isabel de Leuchtenberg. Os seus avós paternos eram o conde Guilherme I de Nassau-Dillenburg e da princesa Juliana de Stolberg-Wernigerode. Os seus avós maternos eram o conde Jorge de Leuchtenberg e a princesa Barbara de Hohenzollern. Um dos seus tios paternos eram o príncipe Guilherme I de Orange. [1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Após a morte do seu pai, o condado de Nassau foi dividido entre os seus cinco filhos sobreviventes.

Ernesto é principalmente conhecido pelos seus excelentes serviços durante a Guerra dos Oitenta Anos. Prestou serviço militar sob as ordens do príncipe Maurício de Orange, no cerco das cidades de Steenwijk e Oldenzaal, e de Frederico Henrique de Orange durante o Cerco de Groenlo em 1627 e o Cerco de 's-Hertogenbosch. Como stadholder de Groningen fundou a fortaleza de Nieuweschans em 1628. Apesar de ter poucas posses em Friesland, era muito popular lá e a sua população acabou por eleger o seu filho como herdeiro para governar depois da sua morte.

Morte[editar | editar código-fonte]

Ernesto foi morto por uma bala durante o Cerco de Roermond enquanto inspeccionava as trincheiras em Junho de 1632. O seu filho, Henrique Casimiro I sucedeu-o como conde de Nassau-Dietz e stadholder de Friesland, Groningen e Drenthe.

Casamento e descendência[editar | editar código-fonte]

Ernesto Casimiro casou-se no dia 8 de Junho de 1607 com a princesa Sofia Hedwig de Brunswick-Lüneburg. Tiveram os seguintes filhos:

  • filha natimorta (1608)
  • filho natimorto(1609)
  • filho natimorto (1610)
  • Henrique Casimiro I de Nassau-Dietz (1612-1640); morto em combate na Batalha de Hulst aos vinte e oito anos; sem descendência.
  • Guilherme Frederico de Nassau-Dietz (1613-1664), casado com a princesa Albertina Inês de Orange-Nassau; com descendência.
  • Isabel de Nassau-Dietz (25 de Julho de 1614 - 18 de Setembro de 1614)
  • João Ernesto de Nassau-Dietz (29 de Março de 1617 - Maio de 1617)
  • Maurício de Nassau-Dietz (21 de Fevereiro de 1619 - 18 de Setembro de 1628)
  • Isabel Friso de Nassau-Dietz (25 de Novembro de 1620 - 20 de Setembro de 1628)

Referências

  1. Jirí Louda and Michael MacLagan, Lines of Succession: Heraldry of the Royal Families of Europe, 2nd edition (London, U.K.: Little, Brown and Company, 1999), table 34.