Ervígio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Ervígio foi um usurpador do trono visigótico de Toledo que, em conluio com outros nobres, traiu o rei Vamba (672 – 686). Foi coroado e ungido em 21 de Outubro de 680 (680 - Novembro 687). Perseguiu os judeus tendo sido ajudado nisso pelo bispo Julião de Toledo, ele próprio um judeu converso. Casou com Liuvigoto, filha de Suíntila, rei dos Visigodos (621 - 635) e de Teodora, neta do rei Recaredo I e de Bado, filha de Fonso, conde dos Patrimónios.

Descendência[editar | editar código-fonte]

  • Cixilona ou Fávila Cixilona
Precedido por
Vamba
Rei visigodo da Hispânia
680687
Sucedido por
Égica


Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um historiador é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre História da península Ibérica é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.