Escadaria de Potemkin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

46.4886315° 30.7420850′ {{{4}}}° 00′ {{{6}}}

Escadaria Potemkin

A 'Escadaria de Potemkin (em ucraniano: Потьомкінські східці, Potemkinsky Skhidtsi, em russo: Потемкинская лестница), também chamada Escadaria Richelieu[1]  · [2]  · [3]  · [4] é uma monumental escadaria de Odessa, Ucrânia. È considerada como a entrada oficial da cidade para quem vem do mar, do porto do Golfo de Karkinitsky, Mar Negro. É o mais conhecido monumento dessa cidade.[5] .

Características[editar | editar código-fonte]

A largura dos degraus é de 12,5 metros no ponto superior, os degraus vão seu gradativamente mais largos a medida que descem e no sopé o degrau é de largura 21,5 metros. Sua extensão é de 142 metros e, vista de baixo parece ser ainda mais longa por uma ilusão de ótica. [5]  · [6]  · [7] . São 192 degraus com com 10 patamares intermediários. Sua concepção é tal que um observador no alto da mesma vê somente os patamares, não percebendo os degraus, enquanto que de baixo são vistos somente os degraus.[5]  · [8] .

História[editar | editar código-fonte]

Escadaria Potemkin, foto feita entre 1890 e 1900. Odessa, situada no alto do platô, não era facilmente acessível pelo porto (que fica em baixo), exceto por caminhos estreitos e tortuosos, até o início do século XIX.[5]

.

Uma escada de 200 degraus foi concebida em 1825 por F. Boffo e pelo arquiteto Avraam Melnikov[5] . Foi construída entre 1837 e 1841 pelo engenheiro inglês Upton[9] utilizando grés verde oriundo da cidade italiana de Trieste (então parte do Império Austro-Húngaro).[5]  · [8]  · [10] , por um custo de 800 mil rublos. Foi denominada Escaldaria Primorsky (russo Приморский que significa rumo ao mar).

A escadaria se tornou célebre por sua aparição numa famosa cena do filme Bronenosets Potyomkin (Броненосец Потёмкин} do diretor Sergei Eisenstein, que foi aí rodada (1925).

A escada foi restaurada em 1933 e o grès foi substituído por granito rosa oriundo do rio Bug Ocidental e os degraus foram cobertos de asfalto. Oito degraus foram retirados quando a área do porto foi ampliada, chegando-se aos 192 atuais.[5]  · [8] Um funicular foi construído em 1906 do lado esquerdo da escada.

A referência escadaria “Richelieu” se deve ao fato de uma estátua de Armand Emmanuel Sophie Septemanie du Plessis (Duque de Richelieu) existir no alto da escadaria. Ele foi o primeiro prefeito de Odessa e veste aí uma toga romana. Foi concebida pelo escultor russo Ivan Petrovitch Martos e fundida em bronze por Yefimov, tendo sido inaugurada em 1826, como primeiro monumento erigido na cidade.

Estátua do Duque de Richelieu.

A escadaria teve seu nome mudado para Potemkin em 1955 para comemorar os 30 anos de aniversário do filme Couraçado Potemkin[11] . Com a independência da Ucrânia em 1992, o nome original Escadaria Primorsky , nome, aliás de muitas ruas de Odessa.

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. Prince Michael Vorontsov: Viceroy to the Tsar (McGill-Queen's Press, États-Unis, 1965, ISBN 0773507477) p. 616
  2. Christopher M. Bell et Bruce A. Elleman, Naval Mutinies of the Twentieth Century: An International Perspective (Routledge (Royaume-Uni, 2003), ISBN 0714654604) p. 18, 25
  3. Simon Sebag Montefiore, The Prince of Princes: The Life of Potemkin (St. Martin's Press, États-Unis, 2001) p. 498 "The Richelieu Steps in Odessa were renamed the "Potemkin Steps"...
  4. Richard Woodman, A Brief History Of Mutiny: A Brief History of Mutiny at Sea (Carroll & Graf Publishers, États-Unis, 2005, ISBN 0786715677) p. 223
  5. a b c d e f g Patricia Herlihy, Odessa: A History, 1794-1914 (Harvard University Press, États-Unis, 1987, ISBN 0916458156) p. 140
  6. Kononova, p. 51 "12.5 m at the top and 21.6 m at the bottom"
  7. Karakina, p. 31 "13.4 and 21.7 meters wide"
  8. a b c G. Kononova, Odessa: A Guide (Editions Raduga, Moscou, 1984) p. 51
  9. Anna Reid, Borderland: A Journey Through the History of Ukraine (Westview Press, Etats-Unis, 2000, ISBN 0813337925 ) p. 61
  10. Primorsky (Potemkin) Stairs. (en anglais)
  11. Karakina, p. 31

Referências externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Escadaria de Potemkin