Escola Italiana de Arqueologia de Atenas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
O Disco de Festo encontrado durante as escavações italianas no palácio minoico.

A Escola Italiana de Arqueologia de Atenas (em italiano: Scuola Archeologica Italiana di Atene; em grego: Ἰταλικὴ Ἀρχαιολογικὴ Σχολὴ Ἀθηνῶν) é um dos 17 institutos arqueológicos estrangeiros com sede em Atenas, na Grécia, com escritórios em Creta, Lemnos e Roma. Após uma anterior pesquisa italiana na Grécia (como uma "expedição" ou "missão" arqueológica), a Escola foi criada em 1909. A Escola opera uma biblioteca considerável em Atenas. Tem realizado pesquisas arqueológicas em Egialeia (Arcádia) e Túria (Messênia), e as escavações em Lemnos, em Poliochini, Hefaístia, e Chloe, bem como na ilha de Creta, no palácio minoico de Festo e na próxima cidade minoica de Agia Triada, e também na cidade de Gortina.[1]

Referências

  1. Korka 2006, p. 108-115

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Korka, E.. Foreign Archaeological Schools in Greece. Atenas: [s.n.], 2006..
Ícone de esboço Este artigo sobre educação ou sobre um educador é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.