Escrita Coorgi-Cox

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Coorgi-Cox é um alfabeto desenvolvido em 2005 pelo línguísta Gregg M. Cox é usado por muitas pessoas em Kodagu, Karnataka, Índia para expressar a minoritária língua kodava também chamada de 'Coorgi.[1]

O alfabeto Coorgi-Cox usa uma conjunto de 26 consoantes e dígrafos; 5 vogais, 3 ditongos (ae, ai, oi) e um símbolo para vogal. O C se apresenta somente em Ch, não existem símbolos para Q nem X.. Cada letra representa um único som, não há letras maiúsculas. Já foi criado um grupos de fontes Coorgi-Cox para computador. [2]

Descrição[editar | editar código-fonte]

O alfabeto Coorgi-Cox usa uma conjunto de 26 consoantes e dígrafos; 5 vogais, 3 ditongos (ae, ai, oi) e um símbolo para vogal. O C se apresenta somente em Ch, não existem símbolos para Q nem X.. Cada letra representa um único som, não há letras maiúsculas. Já foi criado um grupos de fontes Coorgi-Cox para computador. [3]

História[editar | editar código-fonte]

O alfabeto Coorgi-Cox foi desenvolvido por solicitação por vários nativos Kodava. Esses queriam ter uma escrita própria para a língua kodava distinguindo a mesma por seus próprios méritos. Em geral, Kodava Takk é escrita em canará, sendo também escrita em malaiala., principalmente nas proximidades de Kerala. O novo alfabeto serviu para unificar as escritas e dotar a língua de um único alfabeto.[4]

Para implantar o alfabeto, 10 mil Booklets em CD e 25 mil cartões postais com diversas cenas da região foram produzidos e distribuídos na região Corg em março e abril de 2005. Estão sendo produzidos diversos livros incluindo um dicionário e “phrase books”.[5]

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. "Debate on Kodava script continues", The Hindu, March 12, 2006. Página visitada em 29 December 2011.
  2. The Coorgi-Cox handbook, Feb. 2005.
  3. The Coorgi-Cox handbook, Feb. 2005.
  4. Gregg Cox, April 2005.
  5. Sujet publishers, Sep. 2007.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]