Esquema de banco de dados

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Considere utilizar {{revisão-sobre}} para associar este artigo com um WikiProjeto e colocar uma explicação mais detalhada na discussão.

Um esquema do bancos de dados é uma coleção de objetos de um banco de dados que estão disponíveis para um determinado usuário ou grupo. Os objetos de um esquema são estruturas lógicas que se referem diretamente aos dados do banco de dados. Eles incluem estruturas, tais como tabelas, visões, seqüências, procedimentos armazenados, sinônimos, índices, agrupamentos e links de banco de dados. (Não há nenhum relacionamento entre um tablespace e um esquema; os objetos do mesmo esquema podem estar em tablespaces diferentes, e um tablespace pode conter objetos de esquemas diferentes).

O esquema de um sistema de banco de dados é uma estrutura descrita em uma linguagem formal suportada pelo sistema de gerenciamento de banco de dados(SGBD). Em um banco de dados relacional, o esquema define as tabelas, os campos em cada tabela e os relacionamentos entre os campos e tabelas.

Esquemas geralmente são armazenados em um dicionário de dados. Apesar de um esquema ser definido em linguagem texto de banco de dados, o termo é frequentemente utilizado para referir-se a uma representação da estrutura do banco de dados.

Níveis de esquema de banco de dados[editar | editar código-fonte]