Estádio Engenheiro Alencar Araripe

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde julho de 2010).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Arena Unimed Sicoob
Nomes
Nome Estádio Engenheiro Alencar Araripe
Apelido Engenheiro Araripe
Estádio do Jardim
Características
Local Bairro Jardim América - Cariacica, ES
Gramado Natural
Capacidade 15.000 pessoas

[1]

Construção
Data 1966
Inauguração
Data 16 de janeiro de 1966
Partida inaugural Desportiva Ferroviária 0 x 3 América-RJ
Recordes
Público recorde 27.600 pessoas
Data recorde 1995
Partida com mais público Flamengo 0 x 1 Vitória/BA Campeonato Brasileiro
Outras informações
Proprietário Bandeira do Espírito Santo.svg Desportiva Ferroviária
Administrador Bandeira do Espírito Santo.svg Desportiva Ferroviária
Mandante Desportiva Ferroviária

O Estádio Engenheiro Alencar de Araripe (Arena Unimed Sicoob, por direitos de nome) , ou simplesmente Engenheiro Araripe, como é mais conhecido, ou ainda, Estádio do Jardim, atualmente, é o principal estádio de futebol do estado do Espírito Santo, com a sua capacidade atual estimada em 9 mil pessoas. Tendo sido fundado em 16 de janeiro de 1966 na partida de inauguração do estádio Desportiva Ferroviária enfrentou o América do Rio de Janeiro o placar foi derrota por 3x0 para o time carioca,a Desportiva Ferroviária foi a campo com Adjalma,Azul,Mateus,Roberto Almeida,Earl,Wilson,Fausto,Arinos,Maurélio,Silvinho, e Bezerra.Entraram durante a partida,Xavier,Umberto Monteiro,Somonassi,Edson o flecha Negra,e Alcione,o 1º gol do Araripe foi marcado por Roberto Almeida(contra). O primeiro treino noturno no estádio foi no dia 19 de Fevereiro de 1967.A primeira partida noturna no estádio Araripe aconteceu no dia 22 de Fevereiro de 1967 entre Desportiva Ferroviária x Fluminense/RJ,vencida pela equipe capixaba,marcaram os gols da vitória da Desportiva Dennilson e Silvinho.

Arquibancada do Estádio Engenheiro Araripe.

Fica localizado no bairro Jardim América, no município de Cariacica, que faz parte da Região Metropolitana de Vitória (o estádio encontra-se a apenas 1 quilômetro do centro de Vitória), bem próximo à rodoviária da capital capixaba Vitória.

Atualmente o estádio voltou a ser gerido pela Desportiva Ferroviária após a fim da sociedade com a capixaba onde agora a associação desportiva ferroviária manda seus jogos e treinos. Em agosto de 2011 a Desportiva Ferroviária conseguiu adiar um leilão do estádio referente a dívidas acumuladas por outras direções falhas na sociedade que foi iniciada a partir de 1999 e teve seu desfecho em 2011, iniciado para pagar dívidas do clube,que no presente momento foram quitadas.[2] ,atualmente é a principal praça esportiva no estado do Espírito Santo.

O Engenheiro Araripe foi palco da única apresentação oficial da Seleção Brasileira de Futebol no estado do Espírito Santo, em 26 de junho de 1996, quando a Seleção Brasileira derrotou a Seleção da Polônia por 3 a 1. Árbitro: José Maria Aranda Encimar (Espanha) Técnico: Zagallo Brasil: Danrlei (Dida), Zé Maria (Zé Elias), Aldair, Ronaldo Guiaro (Narciso) e Roberto Carlos; Flávio Conceição, Amaral, Rivaldo e Juninho; Bebeto e Ronaldinho (Marques) (Luizão). Gols: Narciso e Bebeto (2).Este foi o jogo 915 da seleção brasileira

No final de 2012 foi selado um acordo entre a Desportiva Ferroviária, Unimed e Sicoob para a transformação do estádio em uma Arena, em um acordo de R$2,5 Milhões por 5 anos. Na revitalização do estádio será feito reformas estruturais e a construção de uma casa de shows em um terreno anexo ao estádio. [3]

Os 10 maiores públicos no Engenheiro Araripe:

 1) Flamengo (RJ) 0 x 1 Vitória (BA), 27.600, 28/09/1995, Estádio Engenheiro Araripe, Campeonato Brasileiro.
 2) Desportiva 0 x 2 Atlético (MG), 27.232, 17/01/1982,  Estádio Engenheiro Araripe, Campeonato Brasileiro.
 3) Desportiva 0 x 0 Rio Branco, 27.010, 08/12/1985, Estádio Engenheiro Araripe, Campeonato Capixaba.
 4) Desportiva 1 x 0 Flamengo (RJ), 24.363, 17/10/1973, Estádio Engenheiro Araripe, Campeonato Brasileiro.
 5) Desportiva 0 x 2 Flamengo (RJ), 23.642, 20/10/1977, Estádio Engenheiro Araripe, Campeonato Brasileiro.
 6) Desportiva 0 x 5 Fluminense (RJ), 23.120, 16/10/1977, Estádio Engenheiro Araripe, Campeonato Brasileiro.
 7) Desportiva 0 x 0 Flamengo (RJ), 21.558, 31/08/1975, Estádio Engenheiro Araripe, Campeonato Brasileiro.
 8) Desportiva 1 x 4 Atlético (MG), 21.352, 05/03/1980,  Estádio Engenheiro Araripe, Campeonato Brasileiro.
9) Desportiva 0 x 1 Atlético (MG), 20.709, 12/10/1986,  Estádio Engenheiro Araripe, Campeonato Brasileiro.
10) Desportiva 2 x 3 Rio Branco, 20.000, 30/03/1975, Estádio Engenheiro Araripe, Torneio de Verão.

Estrutura[editar | editar código-fonte]

O estádio conta com 14 cabines de imprensa, 02 camarotes, 06 bares, entradas independentes para os 05 setores do estádio, academia, três vestiários amplos com acesso aos gramados por túneis independentes.

Referências

  1. [1][ligação inativa]
  2. Folha Vitória - Desportiva Ferroviária consegue adiar leilão do estádio Engenheiro Araripe folhavitoria.com.br. (2011). Página visitada em 7 de outubro de 2011.
  3. Arena Unimed Sicoob: parceria garante recuperação do Engenheiro Araripe FES - Federação Capixaba de Futebol. (2013). Página visitada em 04 de março de 2013.
Ícone de esboço Este artigo sobre futebol brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.