Estádio José Cândido dos Santos Virote

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Virotão
Estádio José Cândido dos Santos Virote
Nomes
Nome Estádio José Cândido dos Santos Virote
Apelido Virotão
Características
Local  Naviraí
 Mato Grosso do Sul
Coordenadas 23° 05' 71" S - 54° 18' 99" O
Gramado Bermuda (110 x 75)
Capacidade 5.000[1]
Construção
Inauguração
Data 1977
Outras informações
Proprietário Prefeitura Municipal de Naviraí
Administrador Prefeitura de Naviraí
Mandante CEN Naviraiense

Estádio José Cândido dos Santos Virote, popularmente apelidado de Virotão, é um estádio de futebol da cidade de Naviraí, no estado de Mato Grosso do Sul. Situado na região leste de Naviraí, dentro do Módulo Esportivo Virotão, o estádio é de propriedade e também administração da prefeitura do município de Naviraí. Inaugurado em 1977, o nome do estádio é uma homenagem ao pai de um dos pioneiros da fundação de Naviraí. Atualmente possui uma das melhores infraestruturas de todo o Mato Grosso do Sul.[2] É um dos maiores estádios de futebol do interior de Mato Grosso do Sul, sendo representante da cidade para os principais eventos futebolísticos regionais com capacidade para 5.000 pessoas.[1]

É o estádio onde o Clube Esportivo Naviraiense (ou "Jacaré do Conesul"), conhecido pela sigla CEN, manda seus jogos pelo campeonato estadual. Além de abrigar os jogos do Naviraiense em competições profissionais, o estádio é o palco de competições amadoras no município, como a tradicional Copa Karandá que envolve anualmente dezenas equipes locais e da região.

Além do campeonato estadual, o estádio tem sido nos últimos tempos palco de competições importantes, como a Copa do Brasil de 2011, 2013 e 2014.

Nome[editar | editar código-fonte]

O Estádio Municipal José Cândido dos Santos Virote tem em seu nome uma homenagem ao pai de um dos pioneiros de Naviraí, Antônio Augusto dos Santos Virote, como demonstra o referido Projeto de Lei, sancionado pelo então prefeito Ronald Almeida Cançado, entrando em vigor no dia 09 de janeiro de 1979. Na época o vereador autor do referido Projeto de Lei (Jaime Dutra) era na época presidente da Câmara Municipal. Enfatizando que não tem a mínima intenção de aparecer, o desportista Jaime Dutra esclareceu que sua intenção sempre foi homenagear o pioneiro e ex-prefeito, Antônio Augusto dos Santos (Virote), e a maneira encontrada foi a de homenageá-lo dando à principal praça esportiva de Naviraí, o nome de seu falecido pai, José Cândido dos Santos Virote.[2] [3] Virote é um dos torcedores ilustres do Clube Esportivo Naviraiense, sempre acompanhado de perto as principais partidas da equipe no Campeonato Estadual.

Historico[editar | editar código-fonte]

O estádio Estádio José Cândido dos Santos Virote foi inaugurado no ano em que houve a divisão do estado de Mato Grosso Uno em 1977. Dois anos depois, um dos memoráveis capítulos foi escrito, quando a Câmara Municipal de Naviraí aprovou por unanimidade, o Projeto de Lei 178/79, no qual dava ao Centro Esportivo de Naviraí o nome de “José Cândido dos Santos Virote”.

Mais recentemente o estádio foi palco de algumas competições da Copa do Brasil. Em 2011 o Naviraiense havia disputado a Copa do Brasil pela segunda vez e nesta enfrentou o paulista Santo André e foi eliminado na fase inicial por 2 a 1 e forçou o jogo de volta onde perdeu por 1 a 0 no Estádio Bruno Daniel de Santo André. Dois anos depois o Naviraiense participa pela terceira vez na competição fazendo história, onde fez história eliminando agremiações como a paulista Portuguesa de Desportos ainda na primeira fase com empates de 0 a 0 no Virotão e 1 a 1 no Estádio do Canindé, em São Paulo. Na segunda fase passou pelo Paysandu onde perdeu em casa por 1 a 0 e na volta o Jacaré venceu por 2 a 0, em pleno Estádio da Curuzu lotado, eliminando assim o Papão. Apesar disso, por problemas de documentação o Jacaré do Cone Sul acabou sendo desclassificado nos tribunais.[4]

No ano de 2014 o CEN enfrentou o Avaí de SC. O jogo ocorreu em 2 de abril de 2014 na quarta-feira às 21h50 no Virotão. O time de SC goleou o CEN por um placar de 4 x 1.[5]

Infraestrutura[editar | editar código-fonte]

Revitalizado recentemente, o campo foi transformado em um complexo esportivo. Foram feitas amplas melhorias dado condições para a realização dos principais eventos esportivos em variadas modalidades. Atualmente possui uma das melhores infraestruturas de todo o Mato Grosso do Sul, que inclui:[6]

  • Vestiários
  • Arquibancadas
  • Tabela de pontos
  • Torres de iluminação (6 superpostes com 9 refletores de 2 mil kW cada)

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • É o estádio mais antigo da região sul do estado, inaugurado nove anos antes do Estádio Douradão (1986).
  • Os moradores de Naviraí cuidam do estádio Virotão como se fosse a sua casa.[3]
  • Em um inusitado jogo ocorrido no Virotão, um aposentado de nome Rubens Sales havia chegado a pouco de uma pescaria: -Eu estava pescando e quando cheguei atrasado, o estádio estava lotado. Eu cheguei e falaram pra mim que eu não ia sentar. Aí eu falei: 'não vou é?' Então eu fui no carro, peguei uma sucuri na rede, trouxe e soltei a sucuri. Todo mundo ficou espantado, eu peguei a bichinha, coloquei no saco e sentei tranquilo.. [3]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Estádio Virotão em Naviraí - Casa do Clube Esportivo Naviraiense Portal do CE Naviraiense (2014). Visitado em 20 de maio de 2014.
  2. a b Naviraí: Nome do estádio Virotão homenageia pai de pioneiro naviraidiario.com.br. Visitado em 29 de setembro de 2011.
  3. a b c Globoesporte.com (02/05/2012 ás 16h20). Palco do primeiro jogo da final do Sul-Mato-Grossense está pronto Globo Esporte. Visitado em 31 de maio de 2011.
  4. Paysandu elimina Naviraiense na Justiça e volta à Copa do Brasil Portal Terra (20 de junho de 2013 às 21h19). Visitado em 31 de maio de 2014.
  5. Naviraiense-MS 1 x 4 Avaí-SC - Catarinenses goleiam e estão classificado Futebol Interior (2 de abril de 2014). Visitado em 31 de maio de 2014.
  6. Arquibancada do Estádio Virotão será ampliada

Ligações externas[editar | editar código-fonte]