Estádio Primeiro de Maio (São Bernardo do Campo)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Vila Euclides
Estádio Primeiro de Maio
Nomes
Nome Estádio Municipal Primeiro de Maio
Apelido Primeirão
Antigos nomes Estádio da Vila Euclides
Características
Local São Bernardo do Campo, SP, Brasil
Gramado Grama natural (105 x 68 m)
Capacidade 21.800 pessoas[1]
Construção
Data 30 de novembro de 1967 a 1968
Inauguração
Data 20 de agosto de 1968
Partida inaugural EC São Bernardo 0 x 2 Santos
Recordes
Público recorde 15.559 pessoas
Data recorde 30 de janeiro de 2011
Partida com mais público São Bernardo FC 2 x 2 Corinthians
Outras informações
Remodelado 2010-2011
Expandido 2010 a 2011
Competições São Paulo Campeonato Paulista
São Paulo Copa Paulista
Proprietário Prefeitura Municipal de São Bernardo do Campo
Mandante São Bernardo FC


O Estádio Municipal Primeiro de Maio localiza-se no centro de São Bernardo do Campo, na região do ABC, no Estado de São Paulo. Atualmente é a casa do São Bernardo FC. Tem capacidade para originalmente para receber 16.000 Pessoas mas por condições de segurança só é permitida a entrada de 13.500 Pessoas [2]

Este estádio ficou notoriamente conhecido pelas greves dos trabalhadores que reivindicaram melhores salários na década de 80, com a presença do ex-sindicalista e ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva.

Origem do Nome[editar | editar código-fonte]

Homenagem ao dia do trabalho. No estádio eram realizadas as assembleias dos movimentos sindicais do ABC paulista.

Infra-Estrutura[editar | editar código-fonte]

Atualmente o estádio possui os seguintes departamentos:

  • Campo de futebol gramado, com capacidade para inicialmente 16.000 pessoas
  • 4 vestiários
  • 2 quadras de tênis, iluminadas
  • Sala para xadrez e damas
  • Alojamento em baixo das arquibancadas com:
  • 9 quartos com três beliches cada
  • 9 quartos para capacidade de 2 jogadores cada, além de academia, sala do treinador, departamento médico, fisioterapia, sala de tv e preleção, massagista, elevador e cozinha totalmente equipada, refeitório, sala de nutrição, depósito, vestiários e banheiros com chuveiros aquecidos a gás.

Cursos[editar | editar código-fonte]

  • Tênis de mesa e campo
  • Damas
  • Xadrez

Reforma[editar | editar código-fonte]

Pode-se acontecer uma nova reforma em 2013 deve deixar o 1º de Maio em condições de receber 21.800 mil pessoas fechando o anel atrás de um dos gols e mais pra frente isso tudo depende do desempenho do time seria construído tobogã acima da área destinada à imprensa e fazendo a cobertura de todo o estádio transformando-o em uma arena para 35.000 pessoas.

Referências

  1. CNEF da CBF (PDF) (em português) Site Oficial da CBF. Página visitada em 09/03/2012.
  2. Capacidade original e permitida. Página visitada em 08 de Maio de 2013.