Estádio Proletário Guilherme da Silveira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Moça Bonita
Estádio Proletário Guilherme da Silveira Filho 4.JPG
Vista geral do estádio de Moça Bonita
Nome Estádio Proletário Guilherme da Silveira Filho
Características
Local Rio de Janeiro, Brasil
Gramado Em reformas (105x75)
Capacidade 9.564 pessoas[1]
Construção
Inauguração
Data 17 de novembro de 1947
Partida inaugural Bangu 2 x 4 Flamengo
Primeiro gol Brasil Joel Resende (Bangu)
Último Jogo
Recordes
Público recorde 32.000 pessoas
Data recorde 14 de março de 1970
Partida com mais público Bangu 1 x 1 Seleção Brasileira
Outras informações
Proprietário Fábrica Bangu
Administrador Bangu Atlético Clube
Mandante Bangu Atlético Clube

O Estádio Proletário Guilherme da Silveira Filho ou Estádio de Moça Bonita é um estádio de futebol localizado no bairro de Bangu, Rio de Janeiro - RJ. Foi inaugurado no dia 17 de novembro de 1947, para substituir o antigo Estádio da Rua Ferrer, do Bangu Atlético Clube.

A primeira partida no Estádio Moça Bonita só ocorreu em 12 de dezembro de 1948, na partida vencida pelo Flamengo sobre o Bangu por 4 a 2. O primeiro gol no estádio foi de Joel Resende, do Bangu.

O Estádio de Moça Bonita teve capacidade de 15.000 pessoas, mas atualmente o número de ingressos é reduzido pelas condições de segurança do público. O recorde de público (não confirmado) é de 32.000 espectadores, na partida entre Bangu e a Seleção Brasileira, no dia 14 de março de 1970, que terminou empatada em 1 a 1.[1]

O estádio vem passando por reformas para o Campeonato Carioca de 2012 com instalação de cadeiras oriundas do Maracanã e reformas nos vestiários, banheiros, cabines de imprensa, sistema de iluminação e gramado.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre estádios de futebol do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.