Estação arqueológica do Cabeço do Vouga

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Estação arqueológica do Cabeço do Vouga.

A Estação arqueológica do Cabeço do Vouga também referida como Castelium Marnelis, localiza-se na freguesia de Lamas do Vouga, concelho de Águeda, distrito de Aveiro, em Portugal.

História[editar | editar código-fonte]

Constitui-se em uma antiga povoação fortificada que remonta à Idade do Ferro, tendo sido posteriormente ocupada, à época da romanização.

Este sítio arqueológico foi parcialmente escavado no século XX por António Gomes da Rocha Madahil que lhe levantou a hipótese ter sido a antiga cidade de Talábriga, uma das capitais das três civitates nas quais se repartia o território de Escálabis e Eburobrício até ao Mondego[1] .

Encontra-se classificada como Imóvel de Interesse Público desde 1947.

Características[editar | editar código-fonte]

É constituída por construções circulares.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Património de Portugal é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.