Esteban Maroto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Esteban Maroto (3 de março de 1942). É um ilustrador espanhol de histórias em quadrinhos.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Esteban Maroto nasceu em Madrid. Começou sua carreira nos anos de 1960 e ganhou destaque ao ilustrar a série Cinco por Infinitus (1967). (Em 1984 essa série teve cinco novas revistas publicadas, renomeadas como "Zero Patrol" quando foi lançada na Inglaterra pela Continuity Comics com textos adicionais e grandes retoques do editor Neal Adams).

Maroto ilustrou Wolff, que foi publicado no Reino Unido pela New English Library na revista Dracula. Dracula foi editada nos Estados Unidos pela Warren Publishing Company com o título de Dracula Book 1 em 1972, com capa de Esteban Maroto.

Nos anos 1970 Maroto começou seu próprio trabalho na Revista Trinca da Espanha chamado Alma de Dragón.

Maroto iniciou seu trabalho para a editora americana Warren Publishing em novembro de 1971, quando artistas espanhóis foram agenciados pela Selleciones Illustrada. Sua arte apareceu em três revistas de horror: Creepy, Eerie e Vampirella. A primeira história de Maroto, "Wolfhunt", surgiu em Vampirella #14. Maroto rapidamente se tornou um dos mais bem conhecidos e aclamados pela crítica, dos artistas espanhois da Warren. Maroto venceu o Warren Award por melhor artista/escritor de 1972. A história A Scream in the Forest ("Um grito na floresta") venceu como melhor arte de 1973. Maroto permaneceu na Warren até 1983. Seu trabalho com quadrinhos de horror na Warren ficou conhecido no Brasil com a publicação da revista Kripta pela RGE, lançada em 1976 1 Antes, a Ebal tinha publicado a série "Cinco por Infinitus" em 1971 2

Duas séries de Maroto foram republicadas em Eerie e Vampirella. Manly, renomeada Dax the Warrior, foi republicada nos números 39-41, 43-50 e 52 da Eerie. Toda a revista 59 foi dedicada a Dax. A série Tomb of the Gods foi republicada em Vampirella, nas revistas 17 até 22.

Foi ele que desenhou o biquini metálico de Red Sonja em Savage Tales #3, Comixscene #5 e na primeira revista The Savage Sword of Conan. Desenhou a primeira aventura solo da heroína, com arte-final de Neal Adams e Ernie Chan. Redesenhou a personagem Satana para a Marvel Comics e ilustrou a segunda história solo na revista Vampire Tales #3. Na revista quatro da mesma série ele desenhou uma adaptação do conto "The Drifting Snow" de August Derleth.

Maroto contribuiu com ilustrações em branco e preto para o livro de Roger Zelazny Changeling e de Larry Niven, The Magic Goes Away.

Mais tarde trabalhou nas séries Ametista, Zatanna, Crônicas da Atlântida, A Espada Selvagem de Conan, Cadillacs e Dinossauros, Vlad, o empalador e X-Men Unlimited.

Referências[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre autor ou ilustrador de banda desenhada é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.